CGN
Acesse aqui o Discover e busque as mais lidas por mês!
Imagem referente a Evento do IDR-Paraná discute criação de abelhas para geração de renda e proteção do ambiente
Evento do IDR-Paraná discute criação de abelhas para geração de renda e proteção do ambienteFoto: IDR

Evento do IDR-Paraná discute criação de abelhas para geração de renda e proteção do ambiente

“Além de oferecer uma opção de renda para a agricultura familiar, a presença de abelhas é um indicador de sustentabilidade da propriedade. Este é um marco,......

Publicado em

Por CGN

Publicidade
Imagem referente a Evento do IDR-Paraná discute criação de abelhas para geração de renda e proteção do ambiente
Evento do IDR-Paraná discute criação de abelhas para geração de renda e proteção do ambienteFoto: IDR

Cerca de 60 técnicos e produtores participaram nesta segunda-feira (8), na ExpoLondrina, de uma reunião técnica sobre a produção de abelhas organizada pelo Instituto de Desenvolvimento Rural do Paraná (IDR-Paraná). É o primeiro evento que trata do tema na feira.

“Além de oferecer uma opção de renda para a agricultura familiar, a presença de abelhas é um indicador de sustentabilidade da propriedade. Este é um marco, este evento, com certeza, passará a integrar o calendário da ExpoLondrina”, destacou Vania Moda Cirino, diretora-presidente em exercício do IDR-Paraná.

O encontro teve como objetivo discutir questões técnicas, ambientais e mercadológicas envolvidas na cadeia produtiva da meliponicultora – espécies nativas, sem ferrão – e da apicultura (abelhas africanizadas). “É possível conciliar a atividade com a produção agrícola em geral”, afirma o extensionista Renan Ribeiro Barzan, gerente regional de Londrina e coordenador do evento. Própolis, geleia real e mel são produtos resultantes da atividade.

O pesquisador Décio Gazzoni, da Embrapa Soja, apontou que produtores de soja podem se beneficiar com incremento de até 13% na produtividade da soja utilizando abelhas na polinização das lavouras. “E o mel de soja é claro, leve e não cristaliza mesmo em baixas temperaturas”, explicou.

Ele aponta, porém, que esse não é o maior benefício das abelhas. “Em escala global, o mais importante produto das abelhas não é o mel ou o própolis, mas o serviço ecossistêmico de polinização”, afirmou.

De acordo com o pesquisador, a convivência entre criadores de abelhas e a produtores de grãos é possível com diálogo e comunicação; adoção de boas práticas agronômicas pelo apicultor e pelo agricultor, especialmente o manejo integrado de pragas e doenças, evitando fazer aplicações de agrotóxicos durante o período de florescimento das lavouras.

NATIVAS — Marlon Tiago Hladczuk, extensionista do IDR-Paraná que orienta criadores em Prudentópolis, explicou que há mais 300 espécies de abelhas nativas no Brasil.

“É uma opção de fonte de renda extra para o produtor rural e também para produtor de área urbana, com a venda de enxames e polinização para culturas protegidas como tomate, morango e olericultura”, explicou.

No Paraná, há mais de 30 espécies sem ferrão, como jataí, mandaçaia e tubuna. “A atividade não tem concorrência no mundo. Temos algo único, de valor agregado e que não tem competidores”, afirmou Hladczuk.

Presente no encontro, o produtor de Londrina Miguel Gomes Celestino tem 150 colmeias de oito espécies de abelhas e vive exclusivamente da apicultura, fazendo parceria com produtores de soja e laranja. “Dá para viver da atividade tranquilamente, você não precisa ter terra na apicultura”, disse.

“É uma atividade interessante porque envolve a família. Meu pai, minha mãe, minha irmã, todos ajudam, toda a família está participando”, diz Alexandre Santos de Souza, de Cambé. Ele maneja 2 mil colmeias e cerca de 18 espécies, e tem parceria com 32 propriedades agrícolas.

PRODUÇÃO — De acordo com o IBGE, o Paraná é o segundo maior produtor de mel no Brasil, contribuindo com 14,2% da produção total do país. Em 2022, a produção nacional foi de 60.966 toneladas, representando um aumento de 9,5% em relação a 2021.

O Paraná produziu 8.638 toneladas de mel em 2022, um aumento de 2,6% frente à 2021 (8.418 toneladas). O Rio Grande do Sul liderou, com 9.014 toneladas.

REALIZAÇÃO — Para realização do primeiro Encontro Regional de Meliponicultura e Apicultura, o IDR-Paraná contou com a parceria da Organização Não-Governamental de Desenvolvimento e Ambiente (Onda) e o apoio da Secretaria Estadual de Agricultura (Seab), Sebrae, Embrapa e Sociedade Rural do Paraná.

Fonte: AEN

Notícias Relacionadas:

IDR-PR leva Vitrine do Biogás e do Biometano à Expoingá 2024
IDR-PR leva Vitrine do Biogás e do Biometano à Expoingá 2024
Piana destaca importância da tecnologia no agronegócio na abertura da Copacol Agro
Piana destaca importância da tecnologia no agronegócio na abertura da Copacol Agro
Agroecologia, turismo rural e inovações no campo são temas do Estado na 50ª Expoingá
Agroecologia, turismo rural e inovações no campo são temas do Estado na 50ª Expoingá
Agroecologia, turismo rural e inovações no campo são temas do IDR-Paraná na 50ª Expoingá
Agroecologia, turismo rural e inovações no campo são temas do IDR-Paraná na 50ª Expoingá
Produção de mandioca deve crescer 6% no Paraná em 2024, projeta boletim do Deral
Produção de mandioca deve crescer 6% no Paraná em 2024, projeta boletim do Deral
Produção de mandioca deve crescer 6% no Paraná, projeta boletim do Deral
Produção de mandioca deve crescer 6% no Paraná, projeta boletim do Deral
Estados do Sul debatem formas de reduzir emissão de gases de efeito estufa na agricultura
Estados do Sul debatem formas de reduzir emissão de gases de efeito estufa na agricultura
Com investimento do Estado, Pato Branco vai construir Restaurante Popular
Com investimento do Estado, Pato Branco vai construir Restaurante Popular
Campanha de atualização de rebanhos começa nesta quarta-feira no Paraná
Campanha de atualização de rebanhos começa nesta quarta-feira no Paraná
Governo do Estado divulga pesquisa com preços das terras agricultáveis no Paraná
Governo do Estado divulga pesquisa com preços das terras agricultáveis no Paraná
Paraná inicia colheita da segunda safra com perspectiva de recorde na produção de feijão
Paraná inicia colheita da segunda safra com perspectiva de recorde na produção de feijão
Com apoio do Estado, 17ª ExpoFrísia propõe discussões sobre o mercado leiteiro
Com apoio do Estado, 17ª ExpoFrísia propõe discussões sobre o mercado leiteiro
Ceasa de Londrina estará aberta na próxima quarta-feira, dia 1º de maio
Ceasa de Londrina estará aberta na próxima quarta-feira, dia 1º de maio
Carambeí formaliza adesão ao programa que possibilita ampliar vendas da agroindústria
Carambeí formaliza adesão ao programa que possibilita ampliar vendas da agroindústria
Estado e Ocepar estudam estratégias para transformar o feijão em produto de exportação
Estado e Ocepar estudam estratégias para transformar o feijão em produto de exportação
Mais um frigorífico do Paraná é habilitado para exportar frango halal para a Malásia
Mais um frigorífico do Paraná é habilitado para exportar frango halal para a Malásia
Rede de Agropesquisa do Paraná inicia projeto para combate à cigarrinha-do-milho
Rede de Agropesquisa do Paraná inicia projeto para combate à cigarrinha-do-milho
Ceasa Paraná promove licitação para obras na unidade atacadista de Londrina
Ceasa Paraná promove licitação para obras na unidade atacadista de Londrina
Pesquisa da Rede Fitossanidade Tropical avalia eficiência de fungicidas na cultura do milho
Pesquisa da Rede Fitossanidade Tropical avalia eficiência de fungicidas na cultura do milho
Com adesão de consórcio, selo de sanidade agroindustrial chega a 135 municípios
Com adesão de consórcio, selo de sanidade agroindustrial chega a 135 municípios
Google News CGN Newsletter

Whatsapp CGN 3015-0366 - Canal direto com nossa redação

Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.


Participe do nosso grupo no Whatsapp

ou

Participe do nosso canal no Telegram

Veja Mais