CGN
Acesse aqui o Discover e busque as mais lidas por mês!
Imagem referente a Judiciário condena a 41 anos de prisão réu denunciado pelo MPPR em Campo Largo por estupro de vulnerável e pornografia infantil

Judiciário condena a 41 anos de prisão réu denunciado pelo MPPR em Campo Largo por estupro de vulnerável e pornografia infantil

O caso foi descoberto após a Polícia Civil do Paraná ser avisada em janeiro por autoridades estadunidenses do armazenamento dos vídeos e fotos do denunciado no......

Publicado em

Por Ministério Público do Paraná

Publicidade
Imagem referente a Judiciário condena a 41 anos de prisão réu denunciado pelo MPPR em Campo Largo por estupro de vulnerável e pornografia infantil

Em Campo Largo, na Região Metropolitana de Curitiba, um homem denunciado pelo Ministério Público do Paraná pelos crimes de estupro de vulnerável e pornografia infantil foi condenado pelo Judiciário a 41 anos de prisão em regime fechado. O agressor era professor auxiliar em escola particular e se aproveitava da posição para obrigar alunos a praticarem atos libidinosos com ele, além de registrar os abusos.

O caso foi descoberto após a Polícia Civil do Paraná ser avisada em janeiro por autoridades estadunidenses do armazenamento dos vídeos e fotos do denunciado no Google Photos e Google Drive, espaços da internet que não são detectados por mecanismos comuns de busca. Logo ao ser notificado, o MPPR, por meio da 2ª Promotoria de Justiça da Comarca, abriu procedimento para apurar o caso e pediu a prisão preventiva do então suspeito, bem como a busca e apreensão dos aparelhos eletrônicos, o que foi deferido pelo Judiciário.

Celeridade – Com o andamento das investigações, foram confirmados dois casos de violência, além de inúmeros armazenamentos e produção de pornografia infantil ocorridos em novembro e dezembro de 2022 e também em janeiro de 2024, em escola da cidade onde o agressor trabalhava, contra duas vítimas, de cinco e dez anos de idade. Ainda em fevereiro, a Promotoria apresentou a denúncia criminal, e, no dia 17 de maio, saiu a sentença condenatória proferida pela Vara Criminal de Campo Largo – menos de cem dias desde a primeira notificação do fato e um dia antes do Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, 18 de maio.

Como já se encontrava preso preventivamente desde janeiro, o homem permanecerá detido, agora para o cumprimento da pena de reclusão em regime fechado. Por envolver crianças, o processo tramita sob sigilo absoluto. Cabe recurso da decisão.

[email protected]
(41) 3250-4469

Fonte: MPPR

Notícias Relacionadas:

Gaeco prende em Curitiba capitão dos Bombeiros que subtraía e vendia produtos originários de barracão da Defesa Civil que concentrava doações para o RS
Gaeco prende em Curitiba capitão dos Bombeiros que subtraía e vendia produtos originários de barracão da Defesa Civil que concentrava doações para o RS
Três réus da mesma família denunciados pelo MPPR pelo homicídio de uma vizinha após uma discussão são condenados pelo Tribunal do Júri de Ponta Grossa
Três réus da mesma família denunciados pelo MPPR pelo homicídio de uma vizinha após uma discussão são condenados pelo Tribunal do Júri de Ponta Grossa
Ação conjunta do Gaesf e do Gaeco resulta na prisão de dois empresários responsáveis por sonegação superior a R$ 25 milhões
Ação conjunta do Gaesf e do Gaeco resulta na prisão de dois empresários responsáveis por sonegação superior a R$ 25 milhões
Gaeco deflagra no Litoral a Operação Prumo II com o cumprimento de duas ordens de busca e apreensão em Morretes e Paranaguá contra uma policial militar
Gaeco deflagra no Litoral a Operação Prumo II com o cumprimento de duas ordens de busca e apreensão em Morretes e Paranaguá contra uma policial militar
Gaeco promove em Cascavel a segunda fase da Operação Exação, com o cumprimento de ordens de busca e apreensão contra advogado
Gaeco promove em Cascavel a segunda fase da Operação Exação, com o cumprimento de ordens de busca e apreensão contra advogado
A pedido do MPPR, um advogado e dois escrivães investigados por tráfico de drogas e vários outros crimes são presos preventivamente em Piraquara
A pedido do MPPR, um advogado e dois escrivães investigados por tráfico de drogas e vários outros crimes são presos preventivamente em Piraquara
MPPR denuncia homem que invadiu casa do cunhado de madrugada para executá-lo com nove tiros
MPPR denuncia homem que invadiu casa do cunhado de madrugada para executá-lo com nove tiros
Homem denunciado pelo Ministério Público do Paraná por tentar matar a ex-mulher é condenado a 19 anos, 5 meses e 10 dias de prisão pelo Tribunal do Júri de Castro
Homem denunciado pelo Ministério Público do Paraná por tentar matar a ex-mulher é condenado a 19 anos, 5 meses e 10 dias de prisão pelo Tribunal do Júri de Castro
Fraude no cumprimento da pena com tornozeleira leva irmãos que faziam regime semiaberto por homicídio de volta à prisão a pedido do Ministério Público
Fraude no cumprimento da pena com tornozeleira leva irmãos que faziam regime semiaberto por homicídio de volta à prisão a pedido do Ministério Público
Fraude no cumprimento da pena com tornozeleira leva irmãos que faziam regime semiaberto por homicídio de volta à prisão a pedido do MPPR
Fraude no cumprimento da pena com tornozeleira leva irmãos que faziam regime semiaberto por homicídio de volta à prisão a pedido do MPPR
Homem denunciado pelo MPPR por homicídio qualificado cometido em 2023 é condenado a 36 anos e 3 meses de prisão pelo Tribunal do Júri de Foz do Iguaçu
Homem denunciado pelo MPPR por homicídio qualificado cometido em 2023 é condenado a 36 anos e 3 meses de prisão pelo Tribunal do Júri de Foz do Iguaçu
Júri de réu denunciado pelo MPPR pela morte da enteada em Quatro Barras no ano de 2007 é novamente adiado por não comparecimento da defesa do acusado
Júri de réu denunciado pelo MPPR pela morte da enteada em Quatro Barras no ano de 2007 é novamente adiado por não comparecimento da defesa do acusado
Ministério Público do Paraná denuncia ex-secretário de Saúde de Mangueirinha e mais quatro réus investigados na Operação Assepsia por desvio de dinheiro público
Ministério Público do Paraná denuncia ex-secretário de Saúde de Mangueirinha e mais quatro réus investigados na Operação Assepsia por desvio de dinheiro público
Em Foz do Iguaçu, homem é preso a pedido do Ministério Público do Paraná após relato de adolescente que presenciou palestra durante a Campanha do Maio Laranja
Em Foz do Iguaçu, homem é preso a pedido do Ministério Público do Paraná após relato de adolescente que presenciou palestra durante a Campanha do Maio Laranja
Gaeco cumpre 15 mandados de busca e apreensão em três cidades na Operação Alicantina, que investiga fraudes a licitações municipais de Entre Rios D’Oeste
Gaeco cumpre 15 mandados de busca e apreensão em três cidades na Operação Alicantina, que investiga fraudes a licitações municipais de Entre Rios D’Oeste
Judiciário condena a 41 anos de prisão réu denunciado pelo MPPR em Campo Largo por estupro de vulnerável e pornografia infantil
Judiciário condena a 41 anos de prisão réu denunciado pelo MPPR em Campo Largo por estupro de vulnerável e pornografia infantil
Tribunal do Júri de Alto Piquiri condena dois homens denunciados pelo Ministério Público do Paraná por homicídio qualificado cometido em via pública em 2023
Tribunal do Júri de Alto Piquiri condena dois homens denunciados pelo Ministério Público do Paraná por homicídio qualificado cometido em via pública em 2023
MPPR e PMPR realizam em Quatro Barras a Operação Infância Sem Violência, com apreensão de computador e celulares de suspeito de pornografia infantil
MPPR e PMPR realizam em Quatro Barras a Operação Infância Sem Violência, com apreensão de computador e celulares de suspeito de pornografia infantil
Tribunal do Júri de Cantagalo condena a 13 anos de reclusão homem denunciado pelo MPPR por provocar aborto aplicando choques elétricos na própria companheira
Tribunal do Júri de Cantagalo condena a 13 anos de reclusão homem denunciado pelo MPPR por provocar aborto aplicando choques elétricos na própria companheira
Gaeco cumpre mandados de prisão preventiva e de busca e apreensão em Foz do Iguaçu na Operação Mútua Culpa, que investiga dois grupos criminosos
Gaeco cumpre mandados de prisão preventiva e de busca e apreensão em Foz do Iguaçu na Operação Mútua Culpa, que investiga dois grupos criminosos
Google News CGN Newsletter

Whatsapp CGN 3015-0366 - Canal direto com nossa redação

Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.


Participe do nosso grupo no Whatsapp

ou

Participe do nosso canal no Telegram

Veja Mais