CGN
Acesse aqui o Discover e busque as mais lidas por mês!
Imagem referente a Gaeco promove Operação Android e cumpre ordens de busca e apreensão em autopeças e lojas de veículos usados em Maringá

Gaeco promove Operação Android e cumpre ordens de busca e apreensão em autopeças e lojas de veículos usados em Maringá

“Laranjas” – As investigações tiveram início em outubro de 2022, após o Gaeco de Maringá receber notícia de conivência de agentes públicos com desmanches que trabalham......

Publicado em

Por CGN 1

Publicidade
Imagem referente a Gaeco promove Operação Android e cumpre ordens de busca e apreensão em autopeças e lojas de veículos usados em Maringá

Em Maringá, o Ministério Público do Paraná, por meio do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), deflagrou nesta terça-feira, 21 de março, a Operação Android, que investiga a possível prática dos crimes de associação criminosa, receptação qualificada e falsidade ideológica relacionados a desmanches de veículos. Foram cumpridos três mandados de busca e apreensão em empresas dos ramos de autopeças e comércio de veículos usados.

“Laranjas” – As investigações tiveram início em outubro de 2022, após o Gaeco de Maringá receber notícia de conivência de agentes públicos com desmanches que trabalham com material proveniente de furtos e roubos de veículos. Com o cumprimento de diligências preliminares foram identificados suspeitos do envolvimento em receptação de carros e de uma possível fraude processual, voltada a direcionar as investigações contra pessoas que não teriam vínculos com o grupo criminoso.

O cumprimento das diligências de busca e apreensão da Operação Android tem a finalidade de apurar, além de evidências conexas à receptação e crimes de falsidade, a existência de eventual lavagem de dinheiro por intermédio da constituição de empresas em nome de pessoas que figuram como “laranjas” do proprietário de um dos estabelecimentos que estão entre os alvos da operação. As ordens judiciais requeridas e executadas pelo Gaeco foram expedidas pelo Juízo de Direito da 4ª Vara Criminal de Maringá.

[email protected]
(41) 3250-4469

Fonte: MPPR

Notícias Relacionadas:

Gaeco cumpre mandados em investigação sobre participação de agentes públicos na concessão de benefícios a presos
Gaeco cumpre mandados em investigação sobre participação de agentes públicos na concessão de benefícios a presos
MPPR em Santa Isabel do Ivaí denuncia funcionário de loja de informática por estupro de vulnerável e violação sexual contra crianças e adolescentes
MPPR em Santa Isabel do Ivaí denuncia funcionário de loja de informática por estupro de vulnerável e violação sexual contra crianças e adolescentes
Tribunal de Justiça atende recurso do MPPR e condena mãe que permitiu relacionamento amoroso de filha menor de 14 anos que engravidou
Tribunal de Justiça atende recurso do MPPR e condena mãe que permitiu relacionamento amoroso de filha menor de 14 anos que engravidou
Tribunal de Justiça atende recurso do MPPR e condena mãe que permitiu relacionamento amoroso de filha menor de 14 anos que engravidou do namorado
Tribunal de Justiça atende recurso do MPPR e condena mãe que permitiu relacionamento amoroso de filha menor de 14 anos que engravidou do namorado
Gaeco cumpre 37 mandados em Maringá, Sarandi e Santa Fé e afasta três servidores públicos em operação que apura possíveis crimes na 86ª Ciretran
Gaeco cumpre 37 mandados em Maringá, Sarandi e Santa Fé e afasta três servidores públicos em operação que apura possíveis crimes na 86ª Ciretran
Motorista denunciado pela morte de pai e filho em Curitiba no dia 11 de maio e que estava foragido é preso preventivamente após recurso do Ministério Público
Motorista denunciado pela morte de pai e filho em Curitiba no dia 11 de maio e que estava foragido é preso preventivamente após recurso do Ministério Público
Judiciário recebe denúncia oferecida pelo MPPR, e homem que matou a ex-mulher a facadas em Alto Piquiri vira réu por homicídio qualificado
Judiciário recebe denúncia oferecida pelo MPPR, e homem que matou a ex-mulher a facadas em Alto Piquiri vira réu por homicídio qualificado
Judiciário afasta das funções em sala de aula professor denunciado pelo Ministério Público do Paraná em Cornélio Procópio por assédio contra aluna de 15 anos
Judiciário afasta das funções em sala de aula professor denunciado pelo Ministério Público do Paraná em Cornélio Procópio por assédio contra aluna de 15 anos
Em Jacarezinho, Ministério Público denuncia por tentativa de homicídio mulher que jogou soda cáustica no rosto da ex-namorada do companheiro por ciúmes
Em Jacarezinho, Ministério Público denuncia por tentativa de homicídio mulher que jogou soda cáustica no rosto da ex-namorada do companheiro por ciúmes
Tribunal do Júri de Maringá condena a 18 anos e 8 meses de prisão réu denunciado pelo MPPR por tentar matar a namorada em 2019, deixando-a em estado vegetativo
Tribunal do Júri de Maringá condena a 18 anos e 8 meses de prisão réu denunciado pelo MPPR por tentar matar a namorada em 2019, deixando-a em estado vegetativo
Homem denunciado pelo MPPR pela morte da enteada em Quatro Barras em fevereiro de 2007 é sentenciado a 21 anos de prisão
Homem denunciado pelo MPPR pela morte da enteada em Quatro Barras em fevereiro de 2007 é sentenciado a 21 anos de prisão
Homem denunciado pelo MPPR pela morte da enteada em Quatro Barras em fevereiro de 2007 é sentenciado a 21 anos de prisão
Homem denunciado pelo MPPR pela morte da enteada em Quatro Barras em fevereiro de 2007 é sentenciado a 21 anos de prisão
Professor de escola pública de Castro investigado por possível assédio sexual contra alunas é afastado cautelarmente das funções a pedido do MPPR
Professor de escola pública de Castro investigado por possível assédio sexual contra alunas é afastado cautelarmente das funções a pedido do MPPR
Homem denunciado pelo MPPR pela morte da enteada em Quatro Barras no ano de 2007 é sentenciado a 21 anos de prisão
Homem denunciado pelo MPPR pela morte da enteada em Quatro Barras no ano de 2007 é sentenciado a 21 anos de prisão
Gaeco deflagra duas operações simultâneas voltadas a coibir o tráfico de drogas com o cumprimento de 12 mandados de busca e apreensão em Araucária
Gaeco deflagra duas operações simultâneas voltadas a coibir o tráfico de drogas com o cumprimento de 12 mandados de busca e apreensão em Araucária
Homem denunciado pelo MPPR em Ponta Grossa pela morte do irmão é condenado no Tribunal do Júri a 16 anos e três meses de prisão em regime fechado
Homem denunciado pelo MPPR em Ponta Grossa pela morte do irmão é condenado no Tribunal do Júri a 16 anos e três meses de prisão em regime fechado
MPPR de Cornélio Procópio e Núcleo de Londrina do Gaeco deflagram Operação Harpócrates, que investiga o sumiço de gravação de sessão da Câmara
MPPR de Cornélio Procópio e Núcleo de Londrina do Gaeco deflagram Operação Harpócrates, que investiga o sumiço de gravação de sessão da Câmara
MPPR denuncia em Almirante Tamandaré ex-ocupantes de cargos no Município por desvio de diversas peças de máquinas e veículos da frota municipal
MPPR denuncia em Almirante Tamandaré ex-ocupantes de cargos no Município por desvio de diversas peças de máquinas e veículos da frota municipal
Gaeco prende em Curitiba capitão dos Bombeiros que subtraía e vendia produtos originários de barracão da Defesa Civil que concentrava doações para o RS
Gaeco prende em Curitiba capitão dos Bombeiros que subtraía e vendia produtos originários de barracão da Defesa Civil que concentrava doações para o RS
Três réus da mesma família denunciados pelo MPPR pelo homicídio de uma vizinha após uma discussão são condenados pelo Tribunal do Júri de Ponta Grossa
Três réus da mesma família denunciados pelo MPPR pelo homicídio de uma vizinha após uma discussão são condenados pelo Tribunal do Júri de Ponta Grossa
Google News CGN Newsletter

Whatsapp CGN 3015-0366 - Canal direto com nossa redação

Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.


Participe do nosso grupo no Whatsapp

ou

Participe do nosso canal no Telegram

Veja Mais