CGN
Acesse aqui o Discover e busque as mais lidas por mês!
Imagem referente a Programa Parceiro da Escola tem mais de 90% de aprovação nas unidades do projeto-piloto
Programa Parceiro da Escola tem mais de 90% de aprovação nas unidades do projeto-pilotoFoto: Seed-Pr

Programa Parceiro da Escola tem mais de 90% de aprovação nas unidades do projeto-piloto

As duas pesquisas realizadas junto à comunidade escolar aconteceram no início de 2024. Para a realização do mapeamento, o IRG Pesquisa elaborou um questionário estruturado que......

Publicado em

Por CGN

Publicidade
Imagem referente a Programa Parceiro da Escola tem mais de 90% de aprovação nas unidades do projeto-piloto
Programa Parceiro da Escola tem mais de 90% de aprovação nas unidades do projeto-pilotoFoto: Seed-Pr

Inspirado em modelos educacionais internacionais adotados em países como Estados Unidos, Inglaterra, Espanha e Coreia do Sul, o projeto-piloto do programa Parceiro da Escola, implementado pela Secretaria de Estado da Educação do Paraná (Seed-PR) em 2023, tem índice de aprovação acima de 90%. O programa de gerenciamento das escolas da rede estadual por empresas parceiras atende 2,1 mil estudantes no Colégio Estadual Aníbal Khury, em Curitiba, e no Colégio Estadual Anita Canet, em São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC). 

As duas pesquisas realizadas junto à comunidade escolar aconteceram no início de 2024. Para a realização do mapeamento, o IRG Pesquisa elaborou um questionário estruturado que abordou os aspectos relacionados à gestão escolar e às mudanças. As perguntas foram direcionadas especificamente para pais e responsáveis pelos alunos que estudam nos colégios. Os principais pontos investigados incluíram o conhecimento dos participantes sobre a mudança na gestão, suas percepções sobre eventuais melhorias ou mudanças observadas e seus sentimentos.

No Colégio Estadual Anibal Khury o projeto alcançou 81% de satisfação e 90% de aprovação por parte do coletivo escolar. No Colégio Estadual Anita Canet, os números foram ainda melhores, com 93% de satisfação e 96% de aprovação.

“A grande aprovação por parte da comunidade escolar em relação ao programa decorre dos resultados pedagógicos alcançados desde a implementação nas instituições participantes. Com a expansão do programa a expectativa é de que tais êxitos alcancem mais escolas, fortalecendo ainda mais o aprendizado dos nossos estudantes”, diz o secretário de Estado da Educação, Roni Miranda.

Segundo ele, em ambas as entidades, os índices de matrículas, frequência e desempenho escolar dos estudantes apresentaram melhoras significativas entre 2023 e 2024. Também houve matrícula de 100% no Enem.

No Colégio Estadual Anita Canet, o êxito do modelo de gestão foi observado nos índices de matrículas e desempenho dos alunos. Em 2023, a escola contava com 895 alunos matriculados e as matrículas subiram para 965, um aumento de 8%. A frequência dos estudantes saltou de 84% para 88%. Em relação ao aprendizado, dados da Prova Paraná, exame aplicado periodicamente na rede, mostram que a média de acertos dos alunos da escola aumentou de 41% em 2022 para 45% em 2023.

Ao mesmo tempo em que houve mudança na gestão, o colégio, assim como toda a rede, seguiu recebendo investimento do Estado. No ano passado foi reformado o laboratório de informática, feitas adequações nas áreas externas, adquiridos 40 novos notebooks, instaladas câmeras de segurança nas salas de aula e nos corredores, comprados equipamentos esportivos e implementadas aulas de jiu-jitsu no contraturno.

No Colégio Estadual Anibal Khury os resultados são similares. Em 2020 a escola atendia cerca de mil alunos, número que subiu para 1.141 em 2024. Em relação à frequência, o número passou de 85% em 2022 para 87% em 2023. Outro dado relevante foi a redução das aulas vagas, que são aquelas que deixam de ser dadas por falta ou ausência do professor. Em 2022, 22% das aulas do ano não foram realizadas por tal motivo. Em 2023, a partir do modelo que garante a presença de docentes na escola, o número de aulas vagas caiu para 6%.

No ano passado o Estado reformou o refeitório e adequou o depósito de merenda da unidade. Também instalou um bicicletário, pintou as quadras coberta e descoberta, implementou sistema de segurança e câmeras de monitoramento e adquiriu 31 novos chromebooks.

Lindomar da Costa Amaral é pai de uma das alunas matriculadas no oitavo ano. Ele afirma que as mudanças no Colégio Estadual Aníbal Khury, após a implementação do projeto, foram visíveis não apenas nas notas da estudante, mas também na estrutura da escola que, com atendimento ampliado, tornou-se um ambiente de aprendizado ainda mais eficaz e seguro.

“Percebemos um cuidado especial com a escola. Graças à facilidade das contratações há na escola profissionais suficientes para atender, não somente nas salas de aula, mas também para realização de reparos, acompanhamento dos estudantes nos pátios, limpeza, etc. Tais fatores, juntos, contribuem para que um ambiente escolar ainda mais eficaz e acolhedor”, afirma.

PROJETO DE LEI – O Governo do Estado mandou nesta segunda-feira (27) o

projeto de lei

que oficializa o programa para a Assembleia Legislativa. Ele tem como intuito otimizar a gestão administrativa e de infraestrutura das escolas mediante uma parceria com empresas com expertise em gestão educacional. Elas serão responsáveis pelo gerenciamento administrativo das escolas selecionadas na rede e pela gestão de terceirizados (limpeza/segurança).

O Parceiro da Escola será instalado mediante consulta pública junto à comunidade escolar, em modelo similar das consultas das cívico-militares, dentro de um processo democrático. A proposta é que a consulta aconteça em 200 escolas de cerca de 110 cidades, nas quais foram observados pontos passíveis de aprimoramento em termos pedagógicos, projetando inclusive uma diminuição da evasão escolar – o número corresponde a cerca de 10% da rede.

O programa não atinge escolas indígenas, aquelas em comunidades quilombolas e em ilhas ou as cívico-militares. Segundo as regras, o parceiro contratado deverá utilizar os Sistemas Estaduais de Registro Escolar, ficando a cargo da Secretaria de Estado da Educação a expedição de normativas para o uso. O parceiro contratado também poderá utilizar as plataformas digitais disponibilizadas pela Seed para aplicação de seu plano de trabalho.

Fonte: AEN

Notícias Relacionadas:

Olimpíadas: alunos da rede estadual entregam cartas de apoio a skatistas que vão a Paris
Olimpíadas: alunos da rede estadual entregam cartas de apoio a skatistas que vão a Paris
Olimpíadas: alunos da rede estadual entregam cartas de apoio a skatistas que vão para Paris
Olimpíadas: alunos da rede estadual entregam cartas de apoio a skatistas que vão para Paris
Rede estadual: plataformas de apoio à aprendizagem se destacam no 1º semestre
Rede estadual: plataformas de apoio à aprendizagem se destacam no 1º semestre
Educação divulga nova chamada complementar do Ganhando o Mundo
Educação divulga nova chamada complementar do Ganhando o Mundo
Seed divulga nova chamada complementar do Ganhando o Mundo
Seed divulga nova chamada complementar do Ganhando o Mundo
Educação divulga resultado preliminar de classificados para o Ganhando o Mundo Diretor
Educação divulga resultado preliminar de classificados para o Ganhando o Mundo Diretor
Estado oferece merenda em casa para 800 alunos que não podem ir à escola
Estado oferece merenda em casa para 800 alunos que não podem ir à escola
UFRJ busca recursos com permuta de 11 andares de edifício moderno
UFRJ busca recursos com permuta de 11 andares de edifício moderno
Robôs construídos por estudantes de Cascavel participam da 16ª Campus Party
Robôs construídos por estudantes de Cascavel participam da 16ª Campus Party
Arroz e feijão orgânicos: alimentação nas escolas estaduais ainda mais saudável
Arroz e feijão orgânicos: alimentação nas escolas estaduais ainda mais saudável
Ganhando o Mundo: estudantes desembarcam em Curitiba e Londrina
Ganhando o Mundo: estudantes desembarcam em Curitiba e Londrina
Educação avança mais uma etapa na seleção do Ganhando o Mundo Diretor
Educação avança mais uma etapa na seleção do Ganhando o Mundo Diretor
Educação divulga lista de classificados da 3ª etapa da Olimpíada de Matemática
Educação divulga lista de classificados da 3ª etapa da Olimpíada de Matemática
Compartilhamento de conteúdo educacional é tema de encontro do G20
Compartilhamento de conteúdo educacional é tema de encontro do G20
Prazos finais: confira as datas de inscrições por categorias para o Concurso Agrinho 2024
Prazos finais: confira as datas de inscrições por categorias para o Concurso Agrinho 2024
Alunos do Ganhando o Mundo de Campo Mourão ganham apoio do Núcleo Regional de Educação
Alunos do Ganhando o Mundo de Campo Mourão ganham apoio do Núcleo Regional de Educação
Alunos do Ganhando o Mundo de Campo Mourão ganham apoio psicológico para desafios
Alunos do Ganhando o Mundo de Campo Mourão ganham apoio psicológico para desafios
Educação investe R$ 500 mil no projeto Partiu Museu
Educação investe R$ 500 mil no projeto Partiu Museu
Ganhando o Mundo, EJA e outras atividades não param durante o recesso escolar
Ganhando o Mundo, EJA e outras atividades não param durante o recesso escolar
Estudantes do Ganhando o Mundo retornam da Austrália com novas experiências
Estudantes do Ganhando o Mundo retornam da Austrália com novas experiências
Google News CGN Newsletter

Whatsapp CGN 3015-0366 - Canal direto com nossa redação

Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.


Participe do nosso grupo no Whatsapp

ou

Participe do nosso canal no Telegram

Veja Mais