CGN
Acesse aqui o Discover e busque as mais lidas por mês!
Imagem referente a Mudanças climáticas: Paraná participa de debate sobre emissão de carbono no agro
Paraná participa em Brasília de debate sobre baixa emissão de carbono no agroFoto: MAPA

Mudanças climáticas: Paraná participa de debate sobre emissão de carbono no agro

O Plano Setorial de Mitigação e de Adaptação às Mudanças Climáticas para a Consolidação de uma Economia de Baixa Emissão de Carbono na Agricultura (Plano ABC+)......

Publicado em

Por CGN

Publicidade
Imagem referente a Mudanças climáticas: Paraná participa de debate sobre emissão de carbono no agro
Paraná participa em Brasília de debate sobre baixa emissão de carbono no agroFoto: MAPA

O Paraná participou nesta quarta (15) e quinta-feira (16) da 2ª Reunião Nacional do Plano ABC+, promovida pelo Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa), em Brasília. Coordenado pela Secretaria de Inovação, Desenvolvimento Sustentável, Irrigação e Cooperativismo, o evento teve como objetivo promover o alinhamento dos métodos, resultados e indicadores de monitoramento, além do nivelamento científico do Plano com os Grupos Gestores Estaduais (GGEs) das 27 Unidades Federativas.

O Plano Setorial de Mitigação e de Adaptação às Mudanças Climáticas para a Consolidação de uma Economia de Baixa Emissão de Carbono na Agricultura (Plano ABC+) é uma iniciativa do governo federal que visa promover práticas agrícolas sustentáveis, reduzindo a emissão de gases de efeito estufa e fortalecendo a resiliência do setor agropecuário. Ele se estende até 2030, com metas de descarbonização das cadeias produtivas e adoção de tecnologias inovadoras, entre elas a redução da emissão de carbono equivalente em 1,1 bilhão de toneladas no setor.

“É um encontro estratégico, com representantes de todos os grupos gestores estaduais, com vistas a debater o que está sendo feito em cada unidade e conhecermos as plataformas de monitoramento e de codificação”, destacou Breno Menezes de Campos, chefe do Departamento de Florestas Plantadas (Deflop), da Secretaria de Estado da Agricultura e do Abastecimento do Paraná. Ele representou o Estado e o Grupo Gestor paranaense no evento.

“Saímos otimistas da reunião, pois o Plano ABC+ ganha mais força na forma de monitoramento e de planejamento, possibilitando que na COP-30, no Pará, possamos apresentar um ABC mais nacional, com contribuição de todos os Estados e com boa quantificação das metas assumidas pelo País na COP-15”, completou. A 30ª Conferência da ONU sobre Mudanças Climáticas (COP-30) será em Belém (PA) entre 10 e 21 de novembro de 2025.

PARANÁ – No Paraná, o Plano ABC+ foi elaborado com a participação de várias entidades públicas e privadas. Os desafios propostos até 2030 levam em conta o histórico da produção agrícola e silvícola do Estado e a situação atual de cada atividade, além do potencial de contribuição em relação à mitigação de gases de efeito estufa.

O Estado está se propondo a recuperar 350 mil hectares de pastagens degradadas, qualificar o uso de Sistema de Plantio Direto de Grãos em 400 mil hectares e ampliar em 4 mil hectares o uso do Sistema de Plantio Direto de Hortaliças. A tecnologia de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta também deve ser estendida para mais 500 mil hectares.

Em Sistemas Agroflorestais, a ampliação será em 30 mil hectares, enquanto as florestas plantadas deverão ocupar mais 220 mil hectares. O plano também privilegia o uso de bioinsumos em 430 mil hectares e de sistemas de irrigação em 48 mil hectares. 

O Estado assume ainda o compromisso de aumentar em 60 mil cabeças o número de bovinos terminados de forma intensiva e aproveitar 78,9 milhões de metros cúbicos de dejetos animais para a produção de biogás/biometano.

O documento também orienta o fortalecimento de programas estaduais que já estão em andamento, como o RenovaPR (transformação energética no campo), Paraná Mais Verde (plantio de novas mudas), Prosolo Paraná (mitigação dos processos erosivos do solo e da degradação dos cursos d’água) e a Rede Paranaense de Agropesquisa e Formação Aplicada, que tem como meta a expansão da pesquisa e a integração da academia aos novos processos produtivos sustentáveis.

ENCONTRO – No evento em Brasília foi apresentado o Sistema de Informações do Plano ABC (SINABC), com foco especial nos dados sobre pastagens recuperadas e terminação intensiva. O encontro reforçou o compromisso firmado pelo país, há mais de 14 anos, em desenvolver o primeiro plano de agricultura de baixa emissão de carbono do mundo, que desde a sua concepção traz soluções baseadas em ciência e tecnologia aos produtores rurais.

“Precisamos acelerar a transição tecnológica no agro, tornar a agricultura cada vez mais resiliente, produtiva, eficiente e competitiva. Se não fizermos isso, ficaremos cada vez mais vulneráveis a fenômenos climáticos, como infelizmente acontece neste momento no Rio Grande do Sul, e que serve de alerta para nós que estamos ligados a um setor tão forte da economia como a agricultura”, disse a secretária de Inovação, Desenvolvimento Sustentável, Irrigação e Cooperativismo, do Ministério da Agricultura e Pecuária, Renata Miranda.

Fonte: AEN

Notícias Relacionadas:

Cerro Azul realiza Festa da Ponkan com apoio do Governo do Estado
Cerro Azul realiza Festa da Ponkan com apoio do Governo do Estado
Repasse do Governo do Estado faz Cooperativa de Rebouças ter centro de processamento de alimentos
Repasse do Governo do Estado faz Cooperativa de Rebouças ter centro de processamento de alimentos
Estado garante recursos para reconstrução de pavilhão da Ceasa de Curitiba após incêndio
Estado garante recursos para reconstrução de pavilhão da Ceasa de Curitiba após incêndio
30 anos: serviço de inspeção estadual de produtos de origem animal é garantia de qualidade
30 anos: serviço de inspeção estadual de produtos de origem animal é garantia de qualidade
Com apoio do Governo, Campo Mourão vai construir restaurante popular
Com apoio do Governo, Campo Mourão vai construir restaurante popular
Paraná lidera com recorde produção de frango; abate de suínos também avança
Paraná lidera com recorde produção de frango; abate de suínos também avança
Com previsão de 334 mil toneladas, plantio de cevada avança no Paraná
Com previsão de 334 mil toneladas, plantio de cevada avança no Paraná
Governador sanciona lei que institui política de segurança hídrica na agricultura no Paraná
Governador sanciona lei que institui política de segurança hídrica na agricultura no Paraná
Com novo mascote, Paraná inicia campanha de prevenção de incêndios florestais
Com novo mascote, Paraná inicia campanha de prevenção de incêndios florestais
Estado e governo federal vão criar grupo de trabalho para qualificar setor leiteiro
Estado e governo federal vão criar grupo de trabalho para qualificar setor leiteiro
Ceasa Paraná vai construir reservatório de água na unidade de Londrina
Ceasa Paraná vai construir reservatório de água na unidade de Londrina
Vazio sanitário da soja inicia neste domingo para algumas regiões do Paraná
Vazio sanitário da soja inicia neste domingo para algumas regiões do Paraná
Paraná deve colher 646 mil toneladas de feijão, 34% a mais que em 2023
Paraná deve colher 646 mil toneladas de feijão, 34% a mais que em 2023
Estado e entidades discutem ações para monitoramento da nova vespa-da-madeira
Estado e entidades discutem ações para monitoramento da nova vespa-da-madeira
Com série de encontros, IDR-Paraná promove protagonismo feminino no campo
Com série de encontros, IDR-Paraná promove protagonismo feminino no campo
Estado reafirma compromisso com produção de alimentos saudáveis em fórum da Ocepar
Estado reafirma compromisso com produção de alimentos saudáveis em fórum da Ocepar
Para prevenir pragas, Adapar normatiza acesso de máquinas agrícolas ao Paraná
Para prevenir pragas, Adapar normatiza acesso de máquinas agrícolas ao Paraná
Estação do IDR-Paraná em Pinhais vira vitrine do potencial e diversidade de uso do bambu
Estação do IDR-Paraná em Pinhais vira vitrine do potencial e diversidade de uso do bambu
Ceasa Maringá estará aberta na próxima quinta-feira, feriado de Corpus Christi
Ceasa Maringá estará aberta na próxima quinta-feira, feriado de Corpus Christi
Programa Mulheres do Campo vai fomentar autonomia econômica de produtoras rurais
Programa Mulheres do Campo vai fomentar autonomia econômica de produtoras rurais
Google News CGN Newsletter

Whatsapp CGN 3015-0366 - Canal direto com nossa redação

Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.


Participe do nosso grupo no Whatsapp

ou

Participe do nosso canal no Telegram

Veja Mais