CGN
Acesse aqui o Discover e busque as mais lidas por mês!
Imagem referente a Com apoio do IDR-PR, região de Maringá ganha nova rota de turismo rural
Com apoio de IDR-PR, região de Maringá ganha nova rota de turismo ruralFoto: IDR

Com apoio do IDR-PR, região de Maringá ganha nova rota de turismo rural

A "Turismo Rural em Rota" reúne propriedades próximas, que possuem atrações com potencial para compor um trajeto de passeio e lazer aos visitantes. As ações para......

Publicado em

Por CGN

Publicidade
Imagem referente a Com apoio do IDR-PR, região de Maringá ganha nova rota de turismo rural
Com apoio de IDR-PR, região de Maringá ganha nova rota de turismo ruralFoto: IDR

Um novo roteiro de turismo rural da região de Maringá (Noroeste) foi lançado nesta quarta-feira (15), na Expoingá. Denominada “Turismo Rural em Rota”, a iniciativa é fruto de um trabalho conjunto do IDR-Paraná (Instituto de Desenvolvimento Rural do Paraná), em parceria com o Sebrae-PR e o Sindicato Rural de Maringá, com o apoio da Sociedade Rural de Maringá e da prefeitura. Nove propriedades já estão em atendimento, devidamente identificadas como integrantes do roteiro, e prossegue o trabalho de preparação para que demais sejam incluídas. O lançamento aconteceu durante o IV Fórum de Turismo Rural, realizado na feira agroindustrial.

A “Turismo Rural em Rota” reúne propriedades próximas, que possuem atrações com potencial para compor um trajeto de passeio e lazer aos visitantes. As ações para criar essa nova rota começaram em agosto de 2022, com a identificação e o preparo das propriedades para essa atividade, além de iniciativas para dar visibilidade e facilitar o acesso à informação para os visitantes. Os produtores são acompanhados por técnicos do IDR-Paraná, recebem capacitação e orientações, desde como melhorar a apresentação e a divulgação do local De acordo com a extensionista local do IDR-Paraná, Daniele Bertaglia Vieira Begosso, a nova rota também diminui o isolamento das propriedades mais distantes.

“Estamos trabalhando nestas propriedades há um ano e meio. Capacitamos os agricultores e formatamos os espaços para que possam receber o turista da melhor forma possível. E agora vamos trabalhar para divulgar as propriedades, inclusive as mais distantes, que também oferecem belos atrativos turísticos”, afirma Daniela.

Participaram do lançamento o secretário estadual da Agricultura e do Abastecimento, Natalino Avance de Souza, e o diretor-presidente do IDR-Paraná, Richard Golba. Ambos ressaltaram que a iniciativa vem ao encontro da preservação do meio ambiente e com a geração de renda para os agricultores. “O turismo, principalmente o rural, talvez seja a única atividade econômica que não causa impacto negativo no planeta. Ao contrário, causa impacto positivo, porque toda propriedade que se prepara para receber o turista vai cuidar bem dos recursos naturais do entorno para oferecer um ambiente limpo e agradável. Essa rota pode ser considerada como uma declaração de amor ao nosso meio ambiente”, afirmou Richard Golba.

O secretário da Agricultura e do Abastecimento enfatizou que o Turismo é uma chave para gerar renda. “O cidadão urbano gosta de ir para o campo porque traz memórias afetivas, já que a maioria tem família veio do meio rural. O desafio das propriedades está em atender bem estes turistas. É necessário atrair visitantes de fora para gerar riqueza no campo e o turismo rural tem esta função”, afirma Natalino.

Ele também lançou o desafio de passar de nove propriedades cadastradas na rota para 90 em um ano e colocou a Secretaria da Agricultura à disposição para trabalhar pelo alcance desta meta. “Para alcançarmos essa meta vamos contar com as políticas públicas e linhas de crédito disponíveis. Facilitar o acesso das propriedades às políticas é nosso papel. A Seab quer ajudar a ter um turismo rural mais agradável e mais rico”, concluiu.

FÓRUM – Com o tema “O Turismo Rural Fortalecendo Nossas Raizes”, o IV Fórum de Turismo Rural contou com a palestra de Anna Vargas de Faria, da secretaria estadual do Turismo, sobre os programas do Governo do Estado para este setor. O turismo de base comunitária foi abordado pela turismóloga, professora da Universidade Estadual do Centro-Oeste, Sandra Corbari.

Além das palestras, dois agricultores que já trabalham com o turismo rural na região falaram sobre suas trajetória, promovendo uma troca de experiência com os participantes. O programa Mulheres do Café foi um dos cases de sucesso apresentados no evento. Quem falou sobre o programa foi a extensionista do IDR-Paraná, Luciana de Morais.

REGIÃO TURÍSTICA – Maringá é o polo da região turística Encantos dos Ipês, que se destaca pela riqueza histórica e pela beleza das floradas da árvore símbolo. O conjunto de 31 municípios oferece uma paisagem onde convivem, de forma sustentável, o progresso socioeconômico e a preservação e conservação da natureza. O turista encontra espaço para contemplar igrejas, santuários, e templos famosos pela grandiosidade e requinte da arquitetura; para praticar esportes e degustar as mais expressivas cervejas artesanais premiadas do País, além de opções de lazer para as famílias que desejam estar em contato direto com as raízes, a tradição, e os sabores do campo.

Fonte: AEN

Notícias Relacionadas:

Ceasa Paraná vai construir reservatório de água na unidade de Londrina
Ceasa Paraná vai construir reservatório de água na unidade de Londrina
Vazio sanitário da soja inicia neste domingo para algumas regiões do Paraná
Vazio sanitário da soja inicia neste domingo para algumas regiões do Paraná
Paraná deve colher 646 mil toneladas de feijão, 34% a mais que em 2023
Paraná deve colher 646 mil toneladas de feijão, 34% a mais que em 2023
Estado e entidades discutem ações para monitoramento da nova vespa-da-madeira
Estado e entidades discutem ações para monitoramento da nova vespa-da-madeira
Com série de encontros, IDR-Paraná promove protagonismo feminino no campo
Com série de encontros, IDR-Paraná promove protagonismo feminino no campo
Estado reafirma compromisso com produção de alimentos saudáveis em fórum da Ocepar
Estado reafirma compromisso com produção de alimentos saudáveis em fórum da Ocepar
Para prevenir pragas, Adapar normatiza acesso de máquinas agrícolas ao Paraná
Para prevenir pragas, Adapar normatiza acesso de máquinas agrícolas ao Paraná
Estação do IDR-Paraná em Pinhais vira vitrine do potencial e diversidade de uso do bambu
Estação do IDR-Paraná em Pinhais vira vitrine do potencial e diversidade de uso do bambu
Ceasa Maringá estará aberta na próxima quinta-feira, feriado de Corpus Christi
Ceasa Maringá estará aberta na próxima quinta-feira, feriado de Corpus Christi
Programa Mulheres do Campo vai fomentar autonomia econômica de produtoras rurais
Programa Mulheres do Campo vai fomentar autonomia econômica de produtoras rurais
Suinocultura do Paraná tem predominância do modelo integrado com agroindústrias
Suinocultura do Paraná tem predominância do modelo integrado com agroindústrias
Suinocultura do Paraná tem predominância dos modelos integrado e cooperado
Suinocultura do Paraná tem predominância dos modelos integrado e cooperado
Segundo maior produtor nacional, Paraná se destaca pela qualidade do mel
Segundo maior produtor nacional, Paraná se destaca pela qualidade do mel
Governo vai pavimentar estrada rural entre Boa Esperança e Juranda
Governo vai pavimentar estrada rural entre Boa Esperança e Juranda
Estão abertas as inscrições para a 22ª edição do concurso Café Qualidade Paraná
Estão abertas as inscrições para a 22ª edição do concurso Café Qualidade Paraná
Encontro na Expoingá discute desafios e oportunidades da pecuária leiteira do Paraná
Encontro na Expoingá discute desafios e oportunidades da pecuária leiteira do Paraná
Estado inaugura pavimentação de estrada que liga Paraíso do Norte a Nova Aliança do Ivaí
Estado inaugura pavimentação de estrada que liga Paraíso do Norte a Nova Aliança do Ivaí
Mudanças climáticas: Paraná participa de debate sobre emissão de carbono no agro
Mudanças climáticas: Paraná participa de debate sobre emissão de carbono no agro
Paraná pode produzir até 750 mil sacas de café em 172 municípios em 2024, aponta boletim
Paraná pode produzir até 750 mil sacas de café em 172 municípios em 2024, aponta boletim
Em apoio ao RS, Adapar aceita que agroindústrias gaúchas comercializem no Paraná
Em apoio ao RS, Adapar aceita que agroindústrias gaúchas comercializem no Paraná
Google News CGN Newsletter

Whatsapp CGN 3015-0366 - Canal direto com nossa redação

Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.


Participe do nosso grupo no Whatsapp

ou

Participe do nosso canal no Telegram

Veja Mais