CGN
Acesse aqui o Discover e busque as mais lidas por mês!
Imagem referente a Justiça Eleitoral sustenta a condenação de ex-prefeitos de Araucária denunciados pelo MPPR na Operação Sinecuras

Justiça Eleitoral sustenta a condenação de ex-prefeitos de Araucária denunciados pelo MPPR na Operação Sinecuras

Na sentença, o Juízo da 2ª Zona Eleitoral de Curitiba declara que “ratifico todos os atos processuais decisórios e as provas decorrentes, desde o recebimento da......

Publicado em

Por Ministério Público do Paraná

Publicidade
Imagem referente a Justiça Eleitoral sustenta a condenação de ex-prefeitos de Araucária denunciados pelo MPPR na Operação Sinecuras

A Justiça Eleitoral validou decisão de 2019 que impôs a condenação de dois ex-prefeitos de Araucária denunciados pelo Ministério Público do Paraná por por organização criminosa, dispensa indevida de licitação, peculato e lavagem de dinheiro. À época, os ex-agentes políticos foram sentenciados a 26 anos de reclusão e outros sete réus foram condenados a penas que variavam de 19 a 24 anos de prisão. Os crimes foram apurados no âmbito da segunda fase da Operação Sinecuras, do MPPR, que revelou ilícitos diversos contra a administração pública cometidos em Araucária entre 2013 a 2016.

Na sentença, o Juízo da 2ª Zona Eleitoral de Curitiba declara que “ratifico todos os atos processuais decisórios e as provas decorrentes, desde o recebimento da denúncia da presente ação penal até a sentença de mérito, eis que o processo, a meu ver, é legal e legítimo, inexistindo até o momento qualquer vício ou nulidade capaz de contaminar e invalidar o procedimento até então adotado.”

Reparação do dano – Os réus também foram condenados solidariamente à reparação do dano que causaram ao Município de Araucária, no valor de R$ 1,84 milhão – em valores atualizados, o montante ultrapassa R$ 5 milhões. O pagamento é condição para eventual progressão de regime.

Os fatos tratam da compra e venda ilícita de terrenos da Companhia de Desenvolvimento do Município de Araucária (Codar) para desvio de recursos públicos e que resultaram em enriquecimento ilícito. O processo tramitava na Justiça comum, mas, em agosto de 2020, em sede de recurso, os réus obtiveram junto ao Tribunal de Justiça do Paraná a remessa dos autos para a Justiça Eleitoral, “para a deliberação sobre a sua competência para processar e julgar os crimes comuns e os eventuais crimes eleitorais conexos” – com a decisão, proferida nesta semana, em 9 de abril, ficam mantidas as condenações na esfera criminal.

Alqueire de ouro – A segunda fase da Operação Sinecuras, batizada de Alqueire de Ouro, apontou o superfaturamento na compra de um terreno feita pela Codar em 2016. Conforme as investigações, a Codar comprou um terreno de um alqueire às margens da rodovia PR 423 por R$ 1,84 milhão, preço acima da média de mercado para imóveis naquela região. Na época, a companhia justificou o valor investido alegando que instalaria ali uma incubadora de empresas. Entretanto, o Ministério Público do Paraná identificou várias irregularidades na aquisição do terreno. Após a deflagração da operação, o dono do imóvel admitiu que o valor recebido por ele pelo terreno foi de R$ 1,440 milhão. A diferença de R$ 400 mil, segundo a denúncia, foi repassada aos diretores da Codar e aos dois ex-prefeitos.

Tipificação penal – Os ex-prefeitos foram condenados por organização criminosa (art. 2º, §§ 3º e 4º, inc. II, da Lei nº 12.850/2013), dispensa indevida de licitação (art. 89, caput, da Lei nº 8.666/1993, c/c art. 29, caput, do Código Penal), peculato (art. 1º, inc. I, do Decreto-lei nº 201/1967 c/c art. 327, § 2º, e art. 29, caput, ambos do Código Penal) e lavagem de dinheiro (art. 1º, caput, § 4º, da Lei nº 9.613/1998). Os outros sete réus foram condenados pelos mesmos crimes, bem como pelos crimes de falsidade ideológica (art. 299, do Código Penal) e estelionato (art. 171, § 2º, inc. II, c/c art. 29, caput, ambos do Código Penal).

Processo eleitoral nº 0600013-53.2021.6.16.0003

Matérias anteriores

15/06/2022 – Justiça condena ex-vereador denunciado na Operação Sinecuras

24/03/2022 – Ex-vereador de Araucária denunciado pela prática de “rachadinha” e dois ex-assessores são condenados pela Justiça por associação criminosa

04/11/2021 – Ex-vereador de Araucária denunciado pelo MPPR por prática de “rachadinha” é condenado a 28 anos e 8 meses de reclusão e pagamento de multa

08/10/21 – Justiça condena a mais de sete anos de reclusão e pagamento de multa ex-vereadora de Araucária denunciada pelo MPPR por “rachadinha”

04/11/21 – Ex-vereador de Araucária denunciado pelo MPPR por prática de “rachadinha” é condenado a 28 anos e 8 meses de reclusão e pagamento de multa

05/03/20 – Gaeco cumpre mandados de busca e apreensão na prefeitura de Araucária

09/09/19 – Dois ex-prefeitos de Araucária e mais sete réus são condenados por crimes contra a administração pública investigados na Operação Sinecuras

03/04/19 – Vereador de Araucária é preso no âmbito da Operação Sinecuras, que investiga corrupção institucionalizada na administração do município

18/12/18 – MPPR denuncia nove ex-vereadores e vereadores de Araucária investigados por associação criminosa, concussão e lavagem de dinheiro

19/07/18 – Ação conjunta do Gaeco e da Polícia Militar resulta em prisão de ex-vereador de Araucária investigado na fase Mensalinho da Operação Sinecuras

16/07/18 – Investigado na Operação Sinecuras é condenado por obstrução à justiça

24/05/18 – Preso na Operação Sinecuras, ex-presidente da Câmara Municipal de Araucária tem pedido de liberdade negado pelo STJ

15/05/18 – Gaeco prende investigado na Operação Sinecuras, que apura crimes cometidos em Araucária e já levou à prisão vários políticos da cidade

13/04/18 – Mais três pessoas são presas em decorrência da Operação Sinecuras, que investiga crimes com envolvimento de políticos de Araucária

05/04/18 – Operação Sinecuras cumpre 21 mandados de prisão em Araucária

[email protected]
(41) 3250-4469

Fonte: MPPR

Notícias Relacionadas:

MPPR em Piraquara, Polícia Civil e Polícia Penal cumprem ordens de prisão, busca e apreensão e sequestro de bens na Operação Intramuros
MPPR em Piraquara, Polícia Civil e Polícia Penal cumprem ordens de prisão, busca e apreensão e sequestro de bens na Operação Intramuros
MPPR em Foz do Iguaçu denuncia motorista de van escolar por estupro de vulnerável contra crianças de 8 e 10 anos
MPPR em Foz do Iguaçu denuncia motorista de van escolar por estupro de vulnerável contra crianças de 8 e 10 anos
Gaeco e Polícia Civil cumprem mandados de busca e apreensão em São João e Itapejara D'Oeste em operação que apura a possível prática de crimes licitatórios
Gaeco e Polícia Civil cumprem mandados de busca e apreensão em São João e Itapejara D'Oeste em operação que apura a possível prática de crimes licitatórios
MPPR aciona Município de Curitiba e Fundação de Ação Social por maus-tratos a adolescentes acolhidos na Casa do Piá e irregularidades no local
MPPR aciona Município de Curitiba e Fundação de Ação Social por maus-tratos a adolescentes acolhidos na Casa do Piá e irregularidades no local
Gaeco e Polícia Civil cumprem mandados de busca e apreensão em São João e Itapejara do Oeste em operação que apura a possível prática de crimes licitatórios
Gaeco e Polícia Civil cumprem mandados de busca e apreensão em São João e Itapejara do Oeste em operação que apura a possível prática de crimes licitatórios
A partir da Operação Falcão de Aço, Ministério Público do Paraná oferece denúncia em Jacarezinho contra réus envolvidos em organização criminosa voltada ao tráfico
A partir da Operação Falcão de Aço, Ministério Público do Paraná oferece denúncia em Jacarezinho contra réus envolvidos em organização criminosa voltada ao tráfico
Em Corbélia, professor de escola pública é afastado do cargo após MPPR denunciá-lo pelo crime de importunação sexual cometido contra cinco alunas adolescentes
Em Corbélia, professor de escola pública é afastado do cargo após MPPR denunciá-lo pelo crime de importunação sexual cometido contra cinco alunas adolescentes
Ministério Público do Paraná obtém decisão judicial que proíbe empresa de Jandaia do Sul de fazer propaganda e vender medicamentos que produzia sem autorização
Ministério Público do Paraná obtém decisão judicial que proíbe empresa de Jandaia do Sul de fazer propaganda e vender medicamentos que produzia sem autorização
Tribunal de Justiça do Paraná mantém condenação por concussão de ex-vereador de Araucária denunciado pelo MPPR pela prática de “rachadinha” entre 2013 e 2016
Tribunal de Justiça do Paraná mantém condenação por concussão de ex-vereador de Araucária denunciado pelo MPPR pela prática de “rachadinha” entre 2013 e 2016
Em Umuarama, réus denunciados pelo MPPR a partir da Operação Metástase são condenados pela prática dos crimes de peculato e lavagem de capitais
Em Umuarama, réus denunciados pelo MPPR a partir da Operação Metástase são condenados pela prática dos crimes de peculato e lavagem de capitais
2ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Paraná confirma condenações de réus em ação penal ajuizada pelo MPPR a partir da Operação Fim de Feira
2ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Paraná confirma condenações de réus em ação penal ajuizada pelo MPPR a partir da Operação Fim de Feira
MPPR denuncia farmacêuticos que comercializavam medicamentos vencidos e adulterados em Piraquara
MPPR denuncia farmacêuticos que comercializavam medicamentos vencidos e adulterados em Piraquara
Gaeco denuncia quatro pessoas por formação de milícia para praticar crimes contra comunidade cigana em Curitiba
Gaeco denuncia quatro pessoas por formação de milícia para praticar crimes contra comunidade cigana em Curitiba
MPPR denuncia homem que atropelou e matou motociclista em Curitiba por homicídio doloso ao dirigir embriagado e sem carteira de habilitação
MPPR denuncia homem que atropelou e matou motociclista em Curitiba por homicídio doloso ao dirigir embriagado e sem carteira de habilitação
Gaeco cumpre ordens busca e apreensão e efetua prisões em flagrante em apuração sobre acesso indevido a sistema restrito e compra ilegal de armas
Gaeco cumpre ordens busca e apreensão e efetua prisões em flagrante em apuração sobre acesso indevido a sistema restrito e compra ilegal de armas
Gaeco de Londrina cumpre mandados de busca e apreensão em operação sobre possíveis fraudes em leilões judiciais
Gaeco de Londrina cumpre mandados de busca e apreensão em operação sobre possíveis fraudes em leilões judiciais
Gaeco de Ponta Grossa cumpre cinco mandados de busca e apreensão em operação contra fraudes em cartões transporte
Gaeco de Ponta Grossa cumpre cinco mandados de busca e apreensão em operação contra fraudes em cartões transporte
Gaeco de Ponta Grossa cumpre cinco mandados de busca e apreensão em operação contra fraudes em cartões transporte
Gaeco de Ponta Grossa cumpre cinco mandados de busca e apreensão em operação contra fraudes em cartões transporte
MPPR em Cianorte cumpre duas ordens de busca e apreensão e uma de prisão preventiva no âmbito de investigação de suspeito de crimes sexuais
MPPR em Cianorte cumpre duas ordens de busca e apreensão e uma de prisão preventiva no âmbito de investigação de suspeito de crimes sexuais
MPPR oferece denúncia contra homem investigado pelo crime de tentativa de extorsão mediante sequestro ocorrido no dia 11 de abril em Ponta Grossa
MPPR oferece denúncia contra homem investigado pelo crime de tentativa de extorsão mediante sequestro ocorrido no dia 11 de abril em Ponta Grossa
Google News CGN Newsletter

Whatsapp CGN 3015-0366 - Canal direto com nossa redação

Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.


Participe do nosso grupo no Whatsapp

ou

Participe do nosso canal no Telegram

Veja Mais