CGN
Acesse aqui o Discover e busque as mais lidas por mês!
Imagem referente a Melhor queijo do Estado é de Marechal Cândido Rondon; confira todos os ganhadores do prêmio
1º PRÊMIO QUEIJOS DO PARANÁ, ficou em primeiro lugar queijo Parmesão, da Frimesa, de Marechal Cândido Rondon, Edson Merege Foto: Gilson Abreu/AEN

Melhor queijo do Estado é de Marechal Cândido Rondon; confira todos os ganhadores do prêmio

Dos 10 queijos que receberam a premiação de super ouro, quatro foram para Santana do Itararé (três variedades de Leomar Melo Martins e um do Queijo......

Publicado em

Por CGN

Publicidade
Imagem referente a Melhor queijo do Estado é de Marechal Cândido Rondon; confira todos os ganhadores do prêmio
1º PRÊMIO QUEIJOS DO PARANÁ, ficou em primeiro lugar queijo Parmesão, da Frimesa, de Marechal Cândido Rondon, Edson Merege Foto: Gilson Abreu/AEN

No Dia Mundial do Leite, o Paraná conheceu o melhor queijo do Estado: o Parmesão da Frimesa, de Marechal Cândido Rondon, foi o grande vencedor do Prêmio Queijos do Paraná. Outros 98 concorrentes, entre 323 inscritos, levaram uma medalha para casa: 28 obtiveram medalha de bronze, 30 ganharam a de prata, 30 conquistaram a de ouro e 10 a medalha super ouro. Os produtos foram julgados e classificados nesta quinta-feira (01), em um grande evento no Museu Oscar Niemeyer, em Curitiba.

Dos 10 queijos que receberam a premiação de super ouro, quatro foram para Santana do Itararé (três variedades de Leomar Melo Martins e um do Queijo da Célia) e dois para Cantagalo, da Tia Nena Produtos Coloniais. Os municípios de Palmeira (Cooperativa Agroindustrial Witmarsum), Marechal Cândido Rondon (Frimesa), Nova Laranjeiras (Queijos Serra Dos Macacos) e Diamante do Oeste (Produtos Elis) levaram uma medalha cada.

O prêmio tem como objetivo tornar a qualidade dos queijos do Estado mais conhecidas e valorizadas junto ao mercado e aos consumidores. Durante o segundo semestre do ano passado e o início deste ano dezenas de ações de qualificação foram realizadas junto aos agricultores. Os jurados também receberam uma formação de quatro etapas para garantir um julgamento justo. Agora, os vencedores poderão ostentar os selos das medalhas nas embalagens de seus produtos.

A avaliação dos queijos aconteceu em três fases, todas no MON. Na primeira – no período da manhã –, o júri avaliou os inscritos a partir de critérios técnicos e sensoriais, de acordo com a categoria inscrita. Ao longo da avaliação, cada queijo recebeu pontos de 0 a 20. Os produtos que obtiverem 18 pontos ou mais ficaram com a medalha de ouro. Com a prata ficaram aqueles com 16 pontos. E o bronze foi para os que atingirem 14 pontos.

Na segunda fase, no Auditório do MON, os queijos condecorados com medalha de ouro passaram por uma nova análise, em que os jurados escolherem os 10 queijos para receber o selo super ouro. Por fim, entre os produtos reconhecidos com o super ouro, foi escolhido, pelo júri, o melhor queijo desta primeira edição. Os queijos foram entregues codificados para manter a imparcialidade. Os jurados não tinham conhecimento sobre o município ou o produtor.

Mesmos aqueles que não receberam medalhas vão receber uma avaliação técnica dos jurados para que possam melhorar ainda mais a qualidade do seu produto.

VALORIZAÇÃO – O secretário de Agricultura e Abastecimento, Norberto Ortigara, que comandou o evento de entrega dos títulos, disse que o prêmio contribui para valorizar a cadeia de produção de leite no Estado, no sentido de estimular orientar e qualificar a produção. Com 4,5 bilhões de litros de leite produzidos, o Paraná é o segundo maior produtor de leite do País. O leite é o quarto produto em Valor Bruto de Produção (VBP) do Estado, com abrangência de R$ 9 bilhões. São mais de 100 mil produtores envolvidos com essa atividade espalhados pelos 399 municípios.

“O Paraná recebe neste momento grandes investimentos na indústria do leite, visando preparar o Paraná para se apresentar mundialmente. Mas nós estamos valorizando os pequenos. Aquele que tem um bom produto, com receita de família, estão qualificando seus produtos para se tornar mais competitivo no mercado. Agora vão ofertar queijos premiados”, afirmou.

Natalino Avance de Souza, presidente do IDR-Paraná, reforçou que o Paraná é referência na produção de leite graças à  qualidade e capacidade do produtor rural. “Esta edição do prêmio mostrou que o Paraná não deve nada para outros estados na qualidade do queijo. Um produto que agrega valor ao leite e gera renda ao agricultor. Este prêmio é uma forma de mostrar essa qualidade e incentivar o produtor para alavancar o mercado de queijos no Estado”, complementou.

Ele também ressaltou que o IDR-Paraná tem empenhado grande esforço na capacitação e no apoio às agroindústrias do Estado. “Nesses nove meses de preparação para o prêmio tivemos mais de 75 agroindústrias capacitadas. Fizemos todo um trabalho para apoiar o agricultor rural, principalmente o pequeno agricultor, e com certeza entregaram um produto com mais qualidade hoje para os mercados e a população”, ressaltou.

O Prêmio Queijos do Paraná foi idealizado por um comitê gestor formado pelo IDR-Paraná (Instituto de Desenvolvimento Rural do Paraná – Iapar-Emater), Sistema FAEP/SENAR-PR, Sebrae-PR e Sindileite-PR, com apoio de 28 entidades.

O presidente da Federação da Agricultura do Paraná (FAEP), Ágide Menegette, também destacou a importância do prêmio para o setor. “Isso não começou agora. Começou lá atrás, quando começamos a trabalhar para acabar com a febre aftosa. Estamos coroando um trabalho construído ao longo do tempo. Sabemos que o trabalho para chegar no queijo não é fácil e é necessário valorizar este produtor rural”, afirmou.

“O que temos de produção no Paraná não perde para nenhum Estado do Brasil. Tivemos queijo nosso premiado em concurso na França. O que estava faltando era unir as instituições para mostrar o que é produzido no Paraná, mostrar todo esse trabalho que é feito e que estamos premiando. É uma vitrine para que o Brasil veja, conheça e consumia os prêmios do Paraná”, completou o diretor-superintendente do Sebrae-PR, Vitor Tioqueta.

Fonte: AEN

Notícias Relacionadas:

Estado reforça importância das cooperativas em seminário em Coronel Vivida
Estado reforça importância das cooperativas em seminário em Coronel Vivida
Típico das festas juninas, amendoim tem maior área plantada no Paraná em 12 anos
Típico das festas juninas, amendoim tem maior área plantada no Paraná em 12 anos
Boletim Agrometeorológico de maio indica excesso de chuvas no Sul e escassez no Norte
Boletim Agrometeorológico de maio indica excesso de chuvas no Sul e escassez no Norte
Com apoio do Estado, propriedade do Oeste transforma dejetos em energia
Com apoio do Estado, propriedade do Oeste transforma dejetos em energia
Propriedade rural do Oeste passa a transformar dejetos animais em energia
Propriedade rural do Oeste passa a transformar dejetos animais em energia
Criada pelo IDR-Paraná, Rota das Lavandas completa 2 anos e atrai mais de 150 mil visitantes
Criada pelo IDR-Paraná, Rota das Lavandas completa 2 anos e atrai mais de 150 mil visitantes
Governo apresenta a cerealistas as iniciativas que aprimoram logística do agro no Paraná
Governo apresenta a cerealistas as iniciativas que aprimoram logística do agro no Paraná
Com apoio do Governo do Estado, Cerro Azul promove a Festa da Ponkan
Com apoio do Governo do Estado, Cerro Azul promove a Festa da Ponkan
Cerro Azul realiza Festa da Ponkan com apoio do Governo do Estado
Cerro Azul realiza Festa da Ponkan com apoio do Governo do Estado
Repasse do Governo do Estado faz Cooperativa de Rebouças ter centro de processamento de alimentos
Repasse do Governo do Estado faz Cooperativa de Rebouças ter centro de processamento de alimentos
Estado garante recursos para reconstrução de pavilhão da Ceasa de Curitiba após incêndio
Estado garante recursos para reconstrução de pavilhão da Ceasa de Curitiba após incêndio
30 anos: serviço de inspeção estadual de produtos de origem animal é garantia de qualidade
30 anos: serviço de inspeção estadual de produtos de origem animal é garantia de qualidade
Com apoio do Governo, Campo Mourão vai construir restaurante popular
Com apoio do Governo, Campo Mourão vai construir restaurante popular
Paraná lidera com recorde produção de frango; abate de suínos também avança
Paraná lidera com recorde produção de frango; abate de suínos também avança
Com previsão de 334 mil toneladas, plantio de cevada avança no Paraná
Com previsão de 334 mil toneladas, plantio de cevada avança no Paraná
Governador sanciona lei que institui política de segurança hídrica na agricultura no Paraná
Governador sanciona lei que institui política de segurança hídrica na agricultura no Paraná
Com novo mascote, Paraná inicia campanha de prevenção de incêndios florestais
Com novo mascote, Paraná inicia campanha de prevenção de incêndios florestais
Estado e governo federal vão criar grupo de trabalho para qualificar setor leiteiro
Estado e governo federal vão criar grupo de trabalho para qualificar setor leiteiro
Ceasa Paraná vai construir reservatório de água na unidade de Londrina
Ceasa Paraná vai construir reservatório de água na unidade de Londrina
Vazio sanitário da soja inicia neste domingo para algumas regiões do Paraná
Vazio sanitário da soja inicia neste domingo para algumas regiões do Paraná
Google News CGN Newsletter

Whatsapp CGN 3015-0366 - Canal direto com nossa redação

Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.


Participe do nosso grupo no Whatsapp

ou

Participe do nosso canal no Telegram

Veja Mais