CGN
Acesse aqui o Discover e busque as mais lidas por mês!
Imagem referente a Maio Laranja: Governo promove seminário de enfrentamento das violências contra a criança
Governo promove seminário de enfrentamento das violências contra a criançaFoto: SEDEF

Maio Laranja: Governo promove seminário de enfrentamento das violências contra a criança

O evento foi promovido em parceria com a Comissão Interinstitucional de Enfrentamento das Violências contra Crianças e Adolescentes e Conselho Estadual dos Direitos da Criança e......

Publicado em

Por CGN

Publicidade
Imagem referente a Maio Laranja: Governo promove seminário de enfrentamento das violências contra a criança
Governo promove seminário de enfrentamento das violências contra a criançaFoto: SEDEF

Para marcar o Maio Laranja, o Governo do Paraná, por meio da Secretaria do Desenvolvimento Social e Família, promoveu nesta terça-feira (28) o 2º Seminário Estadual de Enfrentamento das Violências contra Crianças e Adolescentes. O principal objetivo do encontro foi atualizar toda a rede de proteção infantil apresentando dados e estratégias para que as violações de direitos das crianças e adolescentes sejam combatidas de maneira eficiente.

O evento foi promovido em parceria com a Comissão Interinstitucional de Enfrentamento das Violências contra Crianças e Adolescentes e Conselho Estadual dos Direitos da Criança e Adolescente (CEDCA/PR). Cerca de 250 pessoas participaram do seminário, no Museu Oscar Niemeyer, em Curitiba. Elas fazem parte desta rede que envolve representantes de importantes áreas como saúde, educação, segurança pública, assistência social, conselheiros tutelares de todas as cidades, além do Judiciário.

Para o secretário estadual do Desenvolvimento Social e Família, Rogério Carboni, a prevenção e o combate à violência dependem da conscientização e do fortalecimento das famílias e comunidades porque a luta é de todos. “O Paraná tem boas ações no combate à violência, mas é preciso a congregação de toda a sociedade para que a gente vença esse mal que assola muitas famílias, todas as classes sociais. Isso é muito triste, mas precisamos começar a falar disso em diversos ambientes e conclamamos toda a sociedade para unir forças para contermos esse mal”, destacou.

Durante todo o dia, foram apresentados painéis e palestras que discutiram formas de combate à violência, boas práticas desenvolvidas pelas instituições da Sociedade Civil Organizada. Também houve análise de dados do site CADÊ Paraná, que é um projeto do Centro Marista de Defesa da Infância para incidência política baseada em dados, bem como informações do Hospital Pequeno Príncipe sobre números de atendimentos e identificação de crianças e adolescentes com seus direitos violados.

Para a presidente do Conselho dos Direitos da Criança e Adolescente (CEDCA), Juliana Sabbag, as denúncias são um importante instrumento para que os dados sejam coletados, mas que principalmente se transformem em ações de combate. “É preciso que todas as situações sejam comunicadas. Mesmo quando não há certeza, é preciso denunciar”, afirmou.

Segundo ela, os caminhos são muitos como o Dique 181, o site 181, conselheiros tutelares municipais e, principalmente, o Estado. “Se percebermos sinais como apatia, agitação, enfim, mudanças bruscas e repentinas, podem ser um sinal que a criança está nos dando alguma informação e precisamos reportar isso às autoridades competentes. Esses dados são fundamentais para que possam ser realizados investimentos, desenvolvidos programas e ações”, ressaltou.

REDE DE PROTEÇÃO – Para fortalecer a rede de proteção, o Governo do Paraná, por meio do Fundo da Infância e Adolescência, destinou R$ 15.066.807,29 para a construção de 12 novas sedes dos Conselho Tutelares. Já foram inaugurados os espaços nos municípios de Fazenda Rio Grande, Campo Largo, Região Metropolitana de Curitiba, e Campo Mourão, no Centro-Oeste.

Zilda Ingles Modena, presidente do Conselho Tutelar de Campo Mourão, destacou que espaços como esses são fundamentais no combate à violência. “Muitas vezes, o Conselho Tutelar é colocado como um bicho papão para as crianças, mas esses são espaços para a comunidade, para as famílias e precisamos de lugares que estejam preparados para acolher, afinal muitas vezes é neles que as crianças encontram a única forma de fazer cessar essas violações”, disse.

PRESENÇAS – Participaram do evento conselheiros tutelares de todo Estado, os deputados estaduais Evandro Araújo e Gilson de Souza; o defensor público Daniel Alves Pereira; a presidente da Comissão da Criança e do Adolescente da OAB Paraná, Bruna Saraiva; a promotora do Centro de Apoio Operacional das Promotorias de Justiça da Criança e Adolescente do Ministério Público, Heloise Bettega Kuniyoshi Casagrande, além de secretários municipais da Assistência Social e Criança e Adolescente.

Fonte: AEN

Notícias Relacionadas:

Inscrições: Empreendedoras da Beleza oferta cursos gratuitos de maquiagem na RMC
Inscrições: Empreendedoras da Beleza oferta cursos gratuitos de maquiagem na RMC
Governo deposita primeira parcela das 300 novas creches do programa Infância Feliz
Governo deposita primeira parcela das 300 novas creches do programa Infância Feliz
Governo deposita primeira parcela das 300 novas creches do Infância Feliz
Governo deposita primeira parcela das 300 novas creches do Infância Feliz
Governo do Estado entrega a sede própria do Conselho Tutelar de São Mateus do Sul
Governo do Estado entrega a sede própria do Conselho Tutelar de São Mateus do Sul
Governo libera R$ 25 milhões para construir espaços de assistência social em 21 cidades
Governo libera R$ 25 milhões para construir espaços de assistência social em 21 cidades
Inverno solidário: Governo do Paraná lança campanha de arrecadação de cobertores
Inverno solidário: Governo do Paraná lança campanha de arrecadação de cobertores
Estado já enviou aos municípios R$ 11,8 milhões do programa de construção de creches
Estado já enviou aos municípios R$ 11,8 milhões do programa de construção de creches
Com apoio do Governo, Jaguariaíva terá sede própria do Conselho Tutelar
Com apoio do Governo, Jaguariaíva terá sede própria do Conselho Tutelar
Paranaguá terá novo imóvel para acolhimento e ações de proteção a crianças e adolescentes
Paranaguá terá novo imóvel para acolhimento e ações de proteção a crianças e adolescentes
Municípios têm até quarta-feira para aderir ao programa de construção de creches
Municípios têm até quarta-feira para aderir ao programa de construção de creches
Municípios têm até quarta-feira para formalizar adesão ao programa de construção de creches
Municípios têm até quarta-feira para formalizar adesão ao programa de construção de creches
Municípios podem acessar recursos para atender jovens com medidas socioeducativas
Municípios podem acessar recursos para atender jovens com medidas socioeducativas
Municípios podem acessar recursos para ações em medidas socioeducativas
Municípios podem acessar recursos para ações em medidas socioeducativas
Novo projeto de lei quer criar rede de atendimento contra uso de drogas
Novo projeto de lei quer criar rede de atendimento contra uso de drogas
Governo envia à Assembleia projeto de lei para rede de atendimento de psicoativos
Governo envia à Assembleia projeto de lei para rede de atendimento de psicoativos
Municípios elencados para receber 300 creches devem fazer adesão até 19 de junho
Municípios elencados para receber 300 creches devem fazer adesão até 19 de junho
Maior programa do País: Estado vai destinar R$ 391,4 milhões para construir 300 creches
Maior programa do País: Estado vai destinar R$ 391,4 milhões para construir 300 creches
Estado vai destinar R$ 391,4 milhões para construir 300 creches no Paraná
Estado vai destinar R$ 391,4 milhões para construir 300 creches no Paraná
Governo promove seminário de enfrentamento das violências contra a criança
Governo promove seminário de enfrentamento das violências contra a criança
Paraná envia assistentes sociais ao Rio Grande do Sul para apoio às equipes locais
Paraná envia assistentes sociais ao Rio Grande do Sul para apoio às equipes locais
Google News CGN Newsletter

Whatsapp CGN 3015-0366 - Canal direto com nossa redação

Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.


Participe do nosso grupo no Whatsapp

ou

Participe do nosso canal no Telegram

Veja Mais