CGN
Acesse aqui o Discover e busque as mais lidas por mês!
Imagem referente a Doações de leite atenderam 11 mil bebês no Paraná em 2023; rede cobre todo o Estado
Próximo ao Dia Mundial da Doação de Leite Humano, Estado ressalta importância do gesto para salvar vidas. Na foto, Pamela Bergamasco e sua filha Laura.Foto: Pamela Bergamasco/Arquivo Pessoal

Doações de leite atenderam 11 mil bebês no Paraná em 2023; rede cobre todo o Estado

Para ampliar esse quantitativo, a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) faz um chamado à população sobre a doação de leite humano, no intuito de sensibilizar......

Publicado em

Por CGN

Publicidade
Imagem referente a Doações de leite atenderam 11 mil bebês no Paraná em 2023; rede cobre todo o Estado
Próximo ao Dia Mundial da Doação de Leite Humano, Estado ressalta importância do gesto para salvar vidas. Na foto, Pamela Bergamasco e sua filha Laura.Foto: Pamela Bergamasco/Arquivo Pessoal

O Dia Mundial de Doação de Leite Humano, celebrado em 19 de maio (domingo), simboliza a importância deste ato que protege e pode salvar a vida de muitos bebês prematuros internados nas Unidades de Tratamento Intensivo Neonatal (UTIN) do Estado. No Paraná, mais de 11 mil bebês receberam a doação de 21.325 litros de leite em 2023. Apesar da quantidade, ela ainda é insuficiente para atender a demanda de todas as UTINs.

Para ampliar esse quantitativo, a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) faz um chamado à população sobre a doação de leite humano, no intuito de sensibilizar profissionais da área e lactantes.

Para atender às necessidades da assistência neonatal são disponibilizados os bancos de leite humano, que oferecem serviços especializados, fazem a coleta e o processamento do leite doado com rigoroso controle de qualidade. Depois, distribuem para bebês prematuros e de baixo peso, além de oferecer atendimento de orientação, manejo e apoio à amamentação.

“A doação do leite materno é um gesto de solidariedade que traz esperança. Esse alimento, rico em nutrientes e anticorpos essenciais para a saúde do recém-nascido, precisa chegar a todos que precisam, e por isso o Governo do Estado dá todo o suporte necessário para que essa alimentação crucial para prematuros esteja disponível”, destacou o secretário Beto Preto.

Estima-se que, a cada ano, 5,3 mil bebês paranaenses prematuros ou de baixo peso nasçam no Estado, o que corresponde a 11,2% do total de nascidos vivos. O número corresponde à média dos últimos três anos.

Laura Maciel faz parte deste perfil. Ela nasceu prematura, em novembro do ano passado, com apenas 31 semanas e 1.905 kg, no município de Umuarama, no Noroeste do Estado. A mãe, Pamela Bergamasco, recorreu à Associação Beneficente de Saúde do Noroeste do Paraná (Norospar), que oferece um banco de leite humano para apoio aos bebês e às mamães lactantes.

“A Laura ficou 20 dias entre UTI e UCI, intercalando o leite materno e a chuquinha com fórmula. Meu sonho sempre foi amamentar e, todos os dias, eu fazia a coleta no banco de leite antes da visita. Eu tinha esse medo dela não pegar o peito quando tivesse alta hospitalar. Quando ela saiu, nós fomos ao banco de leite e tivemos muito auxílio. Foi maravilhoso”, disse.

DOAÇÕES – O Paraná possui 15 bancos de leite humano e 15 postos de coleta. Toda mãe que amamenta é uma possível doadora. Para doar, basta ser saudável e não estar usando nenhum medicamento que interfira na amamentação.

Qualquer quantidade disponibilizada pode ajudar. Cerca de 1 ml de leite já é suficiente para nutrir um recém-nascido a cada refeição, dependendo do peso do bebê. Cada recipiente de 300 ml pode ajudar até 10 recém-nascidos por dia.

Para doar é só entrar em contato com o banco de leite humano ou posto de coleta mais próximo de sua residência.

REDUÇÃO DA MORTALIDADE – Em alusão à data mundial, a 12ª Regional de Umuarama, Maternidade Norospar e municípios realizaram na semana passada, no auditório da Unipar – Universidade Paranaense, dois eventos direcionados aos profissionais de saúde da Atenção Primária, enfermeiros, agentes comunitários de saúde (ACS) e nutricionistas. Os encontros tiveram a finalidade de ampliar o número de doações de leite materno e ressaltar a importância dessas iniciativas como uma estratégia para redução da mortalidade infantil na Regional, que abrange 21 cidades.

BENEFÍCIOS – De acordo com o Ministério da Saúde, a amamentação é a forma de proteção mais econômica e eficaz para redução da morbimortalidade infantil, com grande impacto na saúde da criança, diminuindo a ocorrência de diarreias, afecções perinatais e infecções, principais causas de morte de recém-nascidos. Ao mesmo tempo, traz inúmeros benefícios para a saúde da mulher, como a redução das chances de desenvolver câncer de mama e de ovário.

Estima-se que o aleitamento materno seja capaz de diminuir em até 13% a morte de crianças menores de 5 anos em todo o mundo por causas preveníveis. Nenhuma outra estratégia isolada alcança o impacto que a amamentação tem na redução das mortes de crianças nessa faixa etária.

Bancos de leite:

Apucarana – Hospital da Providência

Campo Mourão – Hospital Santa Casa de Campo Mourão

Cascavel – Hospital Universitário do Oeste do Paraná

Curitiba – Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Paraná, Hospital Universitário Evangélico Mackenzie, Hospital do Trabalhador

Foz do Iguaçu – Hospital Ministro Costa Cavalcanti

Guarapuava – Banco de Leite Humano São Vicente de Paulo

Londrina – Banco de Leite Humano Maria Lucilia Monti Magalhães

Maringá – Hospital Universitário Regional de Maringá

Pato Branco – Banco de Leite Humano São Lucas

Ponta Grossa – Hospital da Criança Prefeito João Vargas de Oliveira

São José dos Pinhais – Hospital e Maternidade São José dos Pinhais

Umuarama – Banco de Leite Humano Norospar

Toledo – Banco de Leite Humano Dr. Jorge Nisiide

Postos de coleta:

Apucarana – HPMI

Arapongas – CISAM

Cambé – Unidade de Lactação de Cambé

Cascavel – Hospital São Lucas FAG e Hospital Policlínica

Cornélio Procópio – Casa da Misericórdia de Cornélio Procópio

Curitiba – Hospital Pequeno Príncipe

Foz do Iguaçu – Santa Terezinha de Itaipu

Londrina – Maternidade Municipal Lucilla Ballalai, Hospital do Coração de Londrina/Bela Suíça e Hospital Evangélico

Maringá – Irmandade Santa Casa de Misericórdia de Maringá

Paranavaí – Paranavaí Acolhe Seu Filho com Amor

Pato Branco – Hospital PoliclínicaRolândia – Unicoamor

Veja mais detalhes

AQUI

.

Fonte: AEN

Notícias Relacionadas:

Com aumento de casos, Saúde alerta para importância da vacinação contra coqueluche
Com aumento de casos, Saúde alerta para importância da vacinação contra coqueluche
Saúde realiza encontro para alinhar as primeiras entregas de obras de PAMs e UMS no Estado
Saúde realiza encontro para alinhar as primeiras entregas de obras de PAMs e UMS no Estado
Com apoio de esportistas, Saúde inicia campanha de incentivo à doação de sangue
Com apoio de esportistas, Saúde inicia campanha de incentivo à doação de sangue
Junho Laranja: Saúde alerta para riscos de queimaduras nas festas juninas
Junho Laranja: Saúde alerta para riscos de queimaduras nas festas juninas
Governo libera R$ 11 milhões em equipamentos para hospital de Francisco Beltrão
Governo libera R$ 11 milhões em equipamentos para hospital de Francisco Beltrão
Governo libera R$ 11 milhões para equipamentos do Hospital de Francisco Beltrão
Governo libera R$ 11 milhões para equipamentos do Hospital de Francisco Beltrão
Vacina contra a pólio continua disponível nas unidades de saúde após fim da campanha
Vacina contra a pólio continua disponível nas unidades de saúde após fim da campanha
Municípios aderem à plataforma de dados personalizada para a atenção primária à saúde
Municípios aderem à plataforma de dados personalizada para a atenção primária à saúde
Paraná terá plataforma de dados personalizada para a atenção primária à saúde
Paraná terá plataforma de dados personalizada para a atenção primária à saúde
Servidores da Saúde aprimoram conhecimentos para análise de dados epidemiológicos
Servidores da Saúde aprimoram conhecimentos para análise de dados epidemiológicos
Servidores da Saúde aprimoram conhecimentos para coleta e análise de dados epidemiológicos
Servidores da Saúde aprimoram conhecimentos para coleta e análise de dados epidemiológicos
Hemepar promove coleta de sangue na Ligga Arena como parte do Junho Vermelho
Hemepar promove coleta de sangue na Ligga Arena como parte do Junho Vermelho
Hemepar promove coleta de sangue na Ligga Arena como parte das ações do Junho Vermelho
Hemepar promove coleta de sangue na Ligga Arena como parte das ações do Junho Vermelho
Informe semanal da dengue registra mais 17.768 casos e 35 óbitos
Informe semanal da dengue registra mais 17.768 casos e 35 óbitos
Com foco em cuidados paliativos, Saúde promove 13° encontro do PlanificaSUS
Com foco em cuidados paliativos, Saúde promove 13° encontro do PlanificaSUS
Sesa destaca à Alep metas anuais já superadas no primeiro quadrimestre
Sesa destaca à Alep metas anuais já superadas no primeiro quadrimestre
Governo anuncia R$ 100 milhões para prédios públicos eficientes
Governo anuncia R$ 100 milhões para prédios públicos eficientes
Residência Médica do Hospital de Dermatologia do Paraná é credenciada pela SBD
Residência Médica do Hospital de Dermatologia do Paraná é credenciada pela SBD
Mais de 70 mil crianças são imunizadas no Dia D contra a poliomielite em todo o Paraná
Mais de 70 mil crianças são imunizadas no Dia D contra a poliomielite em todo o Paraná
Sesa e Cosems reforçam necessidade da vacinação contra Covid-19 para crianças
Sesa e Cosems reforçam necessidade da vacinação contra Covid-19 para crianças
Google News CGN Newsletter

Whatsapp CGN 3015-0366 - Canal direto com nossa redação

Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.


Participe do nosso grupo no Whatsapp

ou

Participe do nosso canal no Telegram

Veja Mais