CGN
Acesse aqui o Discover e busque as mais lidas por mês!
Imagem referente a Aos 88 anos, morre em Belo Horizonte dom Mauro Morelli
© CNBB/Divulgação

Aos 88 anos, morre em Belo Horizonte dom Mauro Morelli

Ele também foi um dos fundadores do Movimento pela Ética na Política e desempenhou papel fundamental na promoção do conceito de segurança alimentar como parte do......

Publicado em

Por CGN

Publicidade
Imagem referente a Aos 88 anos, morre em Belo Horizonte dom Mauro Morelli
© CNBB/Divulgação

O bispo emérito de Duque de Caxias (RJ), dom Mauro Morelli, morreu nesta segunda-feira (9) aos 88 anos. Ele estava internado no Hospital Mater Dei, em Belo Horizonte (MG), devido a doenças e complicações relativas à idade avançada, informou a Diocese de Duque de Caxias, no Rio de Janeiro.

Ele também foi um dos fundadores do Movimento pela Ética na Política e desempenhou papel fundamental na promoção do conceito de segurança alimentar como parte do combate à fome. Dom Mauro presidiu o Conselho Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional (Consea) durante o governo de Itamar Franco, de 1993 a 1994. Ele também liderou o Consea de Minas Gerais e de São Paulo.

A atuação dele na luta contra a fome inclui projetos como o Fome Zero e a Ação da Cidadania contra a Fome, em parceria com Hebert de Souza, o Betinho. Dom Mauro foi ainda membro do Comitê Permanente de Nutrição da ONU.

Trajetória

Dom Morelli nasceu em Avanhandava, no interior paulista, e foi criado em Penápolis, também no estado de São Paulo. Estudou filosofia no Seminário Maior Nossa Senhora da Conceição, em Viamão, no Rio Grande do Sul, e teologia na Saint Mary’s Seminary and University, em Baltimore, nos Estados Unidos, onde foi ordenado diácono em 1964 e presbítero em 1965.

Em 1974, dom Mauro recebeu a nomeação do papa São Paulo VI como bispo auxiliar da Arquidiocese de São Paulo. A ordenação episcopal ocorreu na Catedral da Sé, em São Paulo em missa celebrada pelo cardeal Paulo Evaristo Arns, em janeiro de 1975.

Na função, foi bispo auxiliar de São Paulo e vigário geral da Arquidiocese da capital, além de ser membro da Comissão Representativa do Regional Sul 1 – Confederação Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), de 1975 a 1981, e da Comissão Representativa da CNBB, no mesmo período

Em 25 de maio de 1981, o religioso foi nomeado pelo papa São João Paulo II como o primeiro bispo da então recém-criada Diocese de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense.

Fonte: Agência Brasil

Whatsapp CGN 3015-0366 - Canal direto com nossa redação

Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.


Participe do nosso grupo no Whatsapp

ou

Participe do nosso canal no Telegram

Veja Mais