CONECTE-SE CONOSCO

Cascavel

Pela nona vez este ano, Justiça condena Aquisivel Veículos; empresa deverá pagar R$ 4 mil de indenização

A revendedora não quitou o financiamento de uma cliente que devolveu um carro…

Publicado

em

Ilustração

A Aquisivel Veículos foi novamente condenada pela Justiça Estadual de Cascavel após ser processada por uma cliente.

A sentença foi divulgada nesta quarta-feira (03) em processo que tramita no 1º Juizado Especial Cível.

Uma mulher comprou, por meio de financiamento, um veículo Gol de cor preta e ano 2005, mas devolveu o carro depois de algum tempo. A revendedora se comprometeu a quitar o financiamento.

Porém, a empresa não fez a quitação da dívida da cliente e nem realizou a transferência do veículo. Deste modo, a mulher que devolveu o carro começou a receber multas de trânsito e teve o nome negativado nos órgãos de proteção ao crédito.

“Do cotejo dos autos, extrai-se que é inegável a responsabilidade da ré pelo pagamento do financiamento, tendo esta, dado causa a negativação do nome da autora, em função das parcelas em atraso”, relata a juíza leiga Thaís Garcia Fávaro.

A Justiça entendeu que a inserção em banco de dados dos órgãos de proteção ao crédito é suficiente para caracterizar demérito pessoal, ofensa aos predicados da honra, bom nome e honestidade.

Assim, a Aquisivel Veículos foi condenada ao pagamento de R$ 4 mil a título de danos morais e a fazer a quitação do financiamento no prazo de 45 dias úteis, passível de multa no valor de R$ 100 por dia de atraso.

A decisão já foi homologada.

A reportagem não conseguiu contato com a empresa, mas o espaço segue aberto para a inclusão de um posicionamento.

A CGN acompanha diariamente as decisões judiciais e esta é a nona vez que a revendedora foi condenada apenas em 2020.


Whatsapp CGN 9.9969-4530 - Canal direto com nossa redação - Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.

Clique aqui e participe do nosso grupo no whatsapp

Publicidade

Copyright 2020 CGN ® Todos os direitos reservados