CGN
Rocam salva menina que era violentada pelo namorado da avó em Apucarana
Foto: Silvia Vilarinho/TNOnline

Rocam salva menina que era violentada pelo namorado da avó em Apucarana

A equipe Rocam da Polícia Militar (PM) realizava patrulhamento de rotina quando flagrou um carro em um matagal. Quando as motos se aproximaram, o motorista saiu com o...

Publicado em

Por CGN Redação

Publicidade
Rocam salva menina que era violentada pelo namorado da avó em Apucarana
Foto: Silvia Vilarinho/TNOnline

Uma abordagem que salvou uma criança, de 7 anos. A menina estava dentro de um carro, na região do Solo Sagrado, em Apucarana, no norte do Paraná, sendo abusada pelo namorado da avó. O crime aconteceu na noite desta quinta-feira (08). 

A equipe Rocam da Polícia Militar (PM) realizava patrulhamento de rotina quando flagrou um carro em um matagal. Quando as motos se aproximaram, o motorista saiu com o veículo, porém, foi abordado.

O motorista desembarcou do carro, e a menina correu em direção ao PM e o abraçou, chorando muito. “De imediato percebemos que havia algo de errado, retiramos a menina de perto dele, acionamos o Conselho Tutelar e conversamos com ela. A criança contou que estava na casa da avó, que o namorado da avó a estava levando para a casa da mãe, porém, parou no matagal e estava abusando dela, ela contou nas palavras de criança, mas entendemos perfeitamente o que estava sendo praticado”, disse o soldado Pacheco.

A criança ainda disse que os abusos aconteceram mais de uma vez, que sempre que ele oferecia carona era violentada. A avó, de 40 anos, seria soropositivo. “Não sabemos se ele também tem HIV. A menina foi levada para receber atendimento médico e para realizar exames”, explica o PM.

O homem, de 28 anos, foi preso em flagrante e levado para a delegacia.

Os familiares da menina foram avisados. A Polícia Civil segue agora investigando o caso.

Fonte: Silvia Vilarinho/TNOnline

Whatsapp CGN 9.9969-4530 - Canal direto com nossa redação

Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.


Participe do nosso grupo no Whatsapp

ou

Participe do nosso canal no Telegram

Veja Mais