CGN

Filho de Sérgio Cabral se apresenta e é preso preventivamente pela PF

Os policiais federais tentaram cumprir nesta quarta, 23, o mandado de prisão expedido pela 3.ª Vara Criminal Federal do Rio. Ele é alvo de uma investigação...

Publicado em

Por Agência Estado

Publicidade

José Eduardo Neves Cabral, filho do ex-governador do Rio Sérgio Cabral, foi preso preventivamente nesta quinta-feira, 24, na Operação Smoke Free. O Estadão apurou que ele se apresentou na superintendência da Polícia Federal (PF) do Rio de Janeiro.

Os policiais federais tentaram cumprir nesta quarta, 23, o mandado de prisão expedido pela 3.ª Vara Criminal Federal do Rio. Ele é alvo de uma investigação sobre comércio ilegal de cigarros.

O ex-governador, que também está preso por condenações decretadas na Operação Lava Jato, passou mal na cadeia quando soube da operação.

A investigação da Operação Smoke Free foi aberta em 2020. De acordo com a PF, o grupo investigado opera a venda de cigarros produzidos em regiões dominadas por facções criminosas e milícias.

O esquema, segundo o inquérito, contaria com um serviço paralelo de segurança formado por policiais militares e bombeiros e coordenado por um policial federal.

A Fazenda Nacional estima que o débito tributário do grupo econômico chega a R$ 2 bilhões.

A PF fala em indícios de sonegação fiscal, duplicata simulada, receptação qualificada, corrupção ativa e passiva, lavagem de dinheiro e evasão de divisas.

COM A PALAVRA, A DEFESA DE JOSÉ EDUARDO NEVES CABRAL

Até a publicação deste texto, a reportagem buscou contato com a defesa do empresário, mas sem sucesso. O espaço está aberto para manifestação.

Whatsapp CGN 9.9969-4530 - Canal direto com nossa redação

Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.


Participe do nosso grupo no Whatsapp

ou

Participe do nosso canal no Telegram

Veja Mais