CGN
Curitiba – Luzes cênicas realçam igrejas, patrimônios históricos de Curitiba
Nova iluminação do Santuário Sagrado Coração de Jesus, no bairro Água Verde. Curitiba, 18/11/2022. foto:José Fernando Ogura/SMCS

Curitiba – Luzes cênicas realçam igrejas, patrimônios históricos de Curitiba

Os novos sistemas foram acesos na noite de quarta-feira (23), dentro da programação do Natal de Curitiba - Luz dos Pinhais 2022, que neste ano tem......

Publicado em

Por Prefeitura de Curitiba

Publicidade
Curitiba – Luzes cênicas realçam igrejas, patrimônios históricos de Curitiba
Nova iluminação do Santuário Sagrado Coração de Jesus, no bairro Água Verde. Curitiba, 18/11/2022. foto:José Fernando Ogura/SMCS

Referências como espaços de fé e patrimônios históricos de Curitiba, a Capela Nossa Senhora da Glória, no bairro Alto da Glória, e o Santuário Sagrado Coração de Jesus, no bairro Água Verde, receberam nova iluminação cênica, com equipamentos em tecnologia LED que evidenciam os detalhes arquitetônicos das edificações.

Os novos sistemas foram acesos na noite de quarta-feira (23), dentro da programação do Natal de Curitiba – Luz dos Pinhais 2022, que neste ano tem o tema Celebre a Vida.  

Os dois locais integram um novo pacote de mais 12 espaços públicos – nove igrejas e três monumentos – que serão contemplados pelo Programa de Iluminação Cênica e de Destaque de Monumentos e Prédios Históricos e pelo Programa Rosto da Cidade.

“A Capela de Nossa Senhora da Glória é uma joia da arquitetura curitibana, um resumo da nossa história, da história da erva-mate.  O Santuário Sagrado Coração de Jesus, da mesma forma, fundado por imigrantes italianos, guarda a memória dos sacerdotes italianos João Cibeo e Pietro Colbachini e por isso se juntam aos espaços que são banhados por luz para homenagear o passado e referenciar o futuro”, diz o prefeito Rafael Greca.

Capela da Glória

A Capela Nossa Senhora da Glória, na Avenida João Gualberto, no bairro Alto da Glória, integra o patrimônio histórico de Curitiba. Dedicada à Nossa Senhora da Glória, a capela foi construída em 1856 em estilo neoclássico pelo arquiteto italiano Antônio Dallegravee e foi a partir desta capela que originou o nome do bairro Alto da Glória.

Para destacar os elementos arquitetônicos do local foram instalados 22 projetores de piso com potencias de 25W, 15W e 9W de potência, com angulações diferentes e direcionáveis aos detalhes da construção que em 2019 foi totalmente restaurada pela Prefeitura.

Os novos projetores de piso iluminam a nave e fachadas, enquanto os projetores direcionáveis iluminam a cúpula octogonal sobre o altar e a escultura em ferro fundido de Nossa Senhora da Glória que veio da Europa para Curitiba na virada do século 19 para o 20, posicionada na parte mais alta da fachada voltada à Avenida João Gualberto. Por ocasião do Natal, o portão recebeu iluminação especial, contornos de luzes que tornaram o local uma referência às comemorações deste período.

Santuário Sagrado Coração de Jesus

O Santuário do Sagrado Coração de Jesus, na Rua Bento Viana esquina com a Avenida Água Verde, localizada entre a Escola Municipal São Luiz e o Lar dos Meninos de São Luiz e acesso ao Cemitério Água Verde, guarda parte da história dos imigrantes italianos que ajudaram a construir o bairro. A primeira construção do templo, ainda em madeira, teve início em 1886, que foi substituída em 1888 por uma construção maior de alvenaria e recebeu, em 1889, vinda da Bélgica, a imagem do Sagrado Coração de Jesus. A imponente e atual construção da igreja começou a ser levantada em começou em 1959, a pedido do arcebispo da época, Dom Manuel da Silveira D’Elboux, e com projeto original assinado pelo engenheiro (e ex-ministro da educação) Euro Brandão.

A igreja foi elevada à categoria de Santuário Diocesano do Sagrado Coração de Jesus em 30 de junho de 1999. Na parte central da edificação fica o vitral que representa as origens da devoção ao Sagrado Coração de Jesus. Com a nova iluminação, com equipamentos modernos, toda a trajetória do templo receberá destaque. Foram instalados 16 projetores para iluminação dos pilares brancos no exterior do prédio, 4 projetores direcionáveis para iluminação do alto da torre do campanário e cerca de 300m de fitas de LED para iluminação dos vidros da torre, que agora marcam a verticalidade da construção.

Os projetores direcionáveis são em tecnologia LED – que iluminam melhor com mais economia – com 30W de potência, 15 graus de angulo de abertura e 2700K de temperatura de cor (branco quente). A fita de LED usada é do tipo neon, com mesma temperatura de cor.

O secretário municipal de Obras Públicas, Rodrigo Araújo Rodrigues destaca o fato de que a iluminação cênica em tecnologia LED implantada pela Prefeitura tem deixado a cidade mais charmosa e valorizado os espaços tanto na área central como nos bairros.

“É um trabalho de valorização da arquitetura, da história, das tradições e influências culturais recebidas pela gente que fez de Curitiba o que ela é hoje. A nova iluminação também favorece o potencial turístico das edificações”, diz Rodrigues.

Whatsapp CGN 9.9969-4530 - Canal direto com nossa redação

Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.


Participe do nosso grupo no Whatsapp

ou

Participe do nosso canal no Telegram

Veja Mais