CGN
PF deflagra operação contra desvios de recursos federais em Alagoas

PF deflagra operação contra desvios de recursos federais em Alagoas

Ao todo, 162 agentes da corporação cumpriram 35 mandados de busca e apreensão em seis municípios alagoanos - Maceió, Rio Largo, São Sebastião, Messias, Palmeira dos Índios e Paripueira......

Publicado em

Por Agência Brasil

Publicidade
PF deflagra operação contra desvios de recursos federais em Alagoas

A Polícia Federal (PF) deflagrou hoje (11) a Operação Beco da Pecúnia que investiga desvios de recursos federais do Sistema Único de Saúde (SUS) e do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb), em Alagoas. 

Ao todo, 162 agentes da corporação cumpriram 35 mandados de busca e apreensão em seis municípios alagoanos – Maceió, Rio Largo, São Sebastião, Messias, Palmeira dos Índios e Paripueira – e em São Paulo. Também foi determinado o bloqueio de bens móveis e imóveis no valor de R$ 12 milhões para garantir o ressarcimento aos cofres públicos. 

Segundo a investigação, os desvios teriam ocorrido em contratações e pagamentos, no valor R$ 20 milhões, realizados pelo município do Rio Largo em favor de duas empresas para compra de material de construção e peças e serviços para veículos. 

De acordo com a PF, entre 2019 e 2022, foram realizados 245 saques de dinheiro nas contas das empresas que receberam os recursos. Para burlar a identificação pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf), eram realizados saques individuais de R$ 49 mil. Saques acima de R$ 50 mil são automaticamente identificados pelo órgão. 

Além dos mandados de busca, a Justiça determinou o afastamento dos agentes públicos envolvidos na investigação e a proibição de novos repasses de recursos às empresas citadas. 

A operação contou com auxílio da Controladoria-Geral da União (CGU) em Alagoas. 

Fonte: Agência Brasil

Whatsapp CGN 9.9969-4530 - Canal direto com nossa redação

Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.


Participe do nosso grupo no Whatsapp

ou

Participe do nosso canal no Telegram

Veja Mais