CGN
O regresso do filho pródigo – por Caio Gottlieb

O regresso do filho pródigo – por Caio Gottlieb

De volta às origens, o ex-juiz federal que liderou a icônica Operação Lava Jato, nascido em Maringá, mas radicado nos últimos anos em Curitiba, deverá, muito...

Publicado em

Por Caio Gottlieb

Publicidade
O regresso do filho pródigo – por Caio Gottlieb

Impactou diretamente o cenário político do Paraná a decisão judicial que indeferiu o registro do domicílio eleitoral de Sérgio Moro em São Paulo, onde ele pretendia concorrer ao Senado depois que os caciques do União Brasil puxaram o tapete de sua candidatura à presidência da República.

De volta às origens, o ex-juiz federal que liderou a icônica Operação Lava Jato, nascido em Maringá, mas radicado nos últimos anos em Curitiba, deverá, muito provavelmente, disputar uma vaga na Câmara dos Deputados, para o júbilo dos demais candidatos do partido ao qual se filiou após deixar o Podemos, em uma manobra que acabou marcada como um ato de deslealdade.

De qualquer modo, é consenso geral que Moro, nas asas da imensa popularidade que desfruta no Estado, tem tudo para se tornar o maior puxador de votos do pleito e elevar consideravelmente o número de eleitos pela sigla.

Se até então a agremiação avaliava que poderia conquistar de quatro a cinco cadeiras, agora a estimativa é ganhar entre seis e oito.

Entretanto, nada ainda está fechado e as coisas podem mudar novamente na próxima terça-feira (14) quando Moro deverá anunciar oficialmente o seu rumo nestas eleições.

Há rumores de que ele pode vir a candidatar-se ao Senado na chapa formada pela aliança estadual entre o União Brasil e o PSDB, que lançou o ex-prefeito de Guarapuava, César Silvestri, na briga pelo Palácio Iguaçu.

A conferir.

Whatsapp CGN 9.9969-4530 - Canal direto com nossa redação

Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.


Participe do nosso grupo no Whatsapp

ou

Participe do nosso canal no Telegram

Veja Mais