CGN
A verdade é uma só – por Caio Gottlieb

A verdade é uma só – por Caio Gottlieb

Tomando decisões equivocadas e desastradas, influenciadas por excesso de ambição, oportunismo e imaturidade mesmo, o ex-juiz da Lava Jato demonstra que não leva jeito para o...

Publicado em

Por Caio Gottlieb

Publicidade
A verdade é uma só – por Caio Gottlieb

Depois que largou sua brilhante carreira na magistratura para enveredar pelos pantanosos caminhos da vida pública, Sergio Moro tem cometido erros em série.

Tomando decisões equivocadas e desastradas, influenciadas por excesso de ambição, oportunismo e imaturidade mesmo, o ex-juiz da Lava Jato demonstra que não leva jeito para o jogo da política e coloca em risco o valioso legado que construiu no enfrentamento da impunidade dos poderosos.

Nesta semana, porém, ele acertou em cheio.

Entrevistado pelo canal Talk Churras no YouTube, o magistrado da operação que desbaratou a organização criminosa formada por políticos e empresários para saquear bilhões de reais dos cofres da Petrobras, botou a boca no trombone ao lamentar o retrocesso que se vê hoje no país para conter os desvios de dinheiro público.

Sem meias palavras, ele atribuiu a culpa, em boa medida, a certos integrantes do Supremo Tribunal Federal, “que são autodeclarados inimigos do combate à corrupção”, e citou nominalmente o ministro Gilmar Mendes, que “anula tudo, não condena ninguém e ainda é extremamente ofensivo nas decisões dele ao pessoal da Lava Jato, inventa lá umas histórias que não tem nada a ver. Eu só vejo isso, nunca vi ele condenar ninguém.”

Moro pôs pra fora coisas que estão engasgadas há muito tempo na garganta de grande parte dos brasileiros e precisam ser ditas e repetidas em alto e bom som.

Se nada podemos fazer para impedir que alguns dos intocáveis do STF continuem agindo como vilões, pelo menos não vamos deixar que se passem por mocinhos.

Whatsapp CGN 9.9969-4530 - Canal direto com nossa redação

Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.


Participe do nosso grupo no Whatsapp

ou

Participe do nosso canal no Telegram

Veja Mais