CGN
Eduardo Girão reitera críticas à CPI da Pandemia
Jefferson Rudy/Agência Senado

Eduardo Girão reitera críticas à CPI da Pandemia

— Eu denunciei, praticamente todos os dias, e cobrei não só a averiguação sobre o chamado “calote da maconha”, protagonizado pelo Consórcio Nordeste, que reúne nove......

Publicado em

Por Agência Senado

Publicidade
Eduardo Girão reitera críticas à CPI da Pandemia
Jefferson Rudy/Agência Senado

Em pronunciamento nesta quarta-feira (11), o senador Eduardo Girão (Podemos-CE) declarou que “a mãe de todas as crises no Brasil é a crise moral, e não as crises política, econômica e social, por mais que sejam graves”. Ele criticou os “fatos vergonhosos” ocorridos durante a CPI da Pandemia, que, na sua opinião, impediu qualquer tipo de investigação sobre recursos transferidos para estados e municípios.

— Eu denunciei, praticamente todos os dias, e cobrei não só a averiguação sobre o chamado “calote da maconha”, protagonizado pelo Consórcio Nordeste, que reúne nove governadores nordestinos, mas também sobre outros escândalos semelhantes no Brasil, como a compra de respiradores em loja de vinhos e casa de massagem — reiterou ele.

O senador elogiou a atitude do vereador Fernando Holiday, da Câmara Municipal da cidade de São Paulo, que propôs a instalação de uma comissão parlamentar de inquérito para investigar esquemas de desvios em emendas parlamentares. Girão lamentou que, até agora, Holiday ainda não tenha conseguido o número de assinaturas necessárias para criar essa comissão. 

Ao concluir seu discurso, Girão voltou a cobrar uma ação do Senado para coibir “a escalada autoritária do Supremo Tribunal Federal, de alguns ministros do STF”. Ele pediu a aprovação de convites para que ministros do Supremo compareçam ao Senado para esclarecer “falas políticas” e atitudes com “viés ideológico”.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Whatsapp CGN 9.9969-4530 - Canal direto com nossa redação

Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.


Participe do nosso grupo no Whatsapp

ou

Participe do nosso canal no Telegram

Veja Mais