CGN
Me engana que eu gosto – por Caio Gottlieb

Me engana que eu gosto – por Caio Gottlieb

Foi o típico discurso de campanha, de mentirinha, misto de ideológico, para afagar a plateia esquerdista, e de político, para iludir os eleitores pobres e conquistar...

Publicado em

Por Caio Gottlieb

Publicidade
Me engana que eu gosto – por Caio Gottlieb

Nada poderia soar mais falso do que as declarações de Lula, em evento do PT nesta semana em São Paulo, acusando a elite brasileira de ter “mentalidade escravista”.

Foi o típico discurso de campanha, de mentirinha, misto de ideológico, para afagar a plateia esquerdista, e de político, para iludir os eleitores pobres e conquistar seus votos.

Independentemente das ações pontuais que realizou, como fazem todos os governos, em favor dos menos favorecidos, Lula talvez tenha sido o presidente da República, ao longo de toda a trajetória da nação, que mais beneficiou os ricos, tornando-se, inclusive, um deles.

Afinal, foram em seus dois mandatos, com a sua plena anuência, liderança e participação pessoal, como ficou provado e comprovado na Operação Lava Jato, que a “elite” formada pelas grandes empreiteiras do país atendeu a convocação de políticos petistas e de partidos aliados para organizar o bilionário esquema de desvio de dinheiro público que saqueou a Petrobras e outras companhias estatais, tido e havido como o maior caso de corrupção da história mundial.

A única coisa que surpreende nisso tudo é ter gente que ainda acredita na inocência do dito cujo.

Whatsapp CGN 9.9969-4530 - Canal direto com nossa redação

Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.


Participe do nosso grupo no Whatsapp

ou

Participe do nosso canal no Telegram

Veja Mais