CONECTE-SE CONOSCO

Cascavel

Com encerramento das concessões de pedágio, tráfego será liberado

Publicado

em

Foto: Arquivo ANPr

Em 27 de novembro, às 23h59, encerra o contrato com as atuais concessionárias do pedágio – Caminhos do Paraná, RodoNorte e Ecovias. Um dia antes, em 26 de novembro, às 23h59, acaba o contrato com a Econorte, Viapar e Ecocataratas. Foram 24 anos de serviço ao Estado do Paraná. Dessa forma, a partir de 28 de novembro, todas as praças de pedágio do Anel de Integração ficarão livres, sem nenhuma cobrança, até o acerto da nova concessão do pedágio

Além da sinalização no local, pelo menos mil metros antes das praças haverá sinalização alertando sobre o trajeto a ser seguido para a passagem.

Novo modelo de pedágio

Por cerca de um ano, não haverá recolhimento de valores nas estradas paranaenses. De acordo com um cronograma elaborado pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) e divulgado pelo Governo do Estado, a previsão é que o lançamento do edital de licitação seja realizado no primeiro trimestre de 2022. O leilão deve ocorrer no segundo trimestre. Já a assinatura do contrato pelas empresas vencedoras está prevista para o terceiro trimestre do ano que vem.

Para o governador do Paraná, Carlos Massa Ratinho Junior (PSD), “esse contrato mal feito fica para o passado. Teremos vida nova. Um pedágio muito mais barato, com rodovias estruturadas, modernidade, wi-fi, iluminação de led em vários trechos da rodovia, e um contrato licitado na Bolsa de Valores, para que empresa picareta não possa participar dessa licitação”, explica o representante do Executivo estadual. Além disso, Ratinho Junior disse que os serviços de Samu e Siate foram fortalecidos, para que ocorram os atendimentos no período que ficará sem pedágio no Paraná.


Whatsapp CGN 9.9969-4530 - Canal direto com nossa redação - Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.

Participe do nosso grupo no Whatsapp ou do nosso canal no Telegram

Publicidade

Copyright 2021 CGN ® Todos os direitos reservados