Conecte-se conosco

Esportes

Gustavo Henrique treina separado e é dúvida do Santos para o jogo contra o Inter

No primeiro treino que fez com os seus jogadores titulares depois de ter vencido o Palmeiras por 2 a 0 no clássico da última quarta-feira, na Vila Belmiro, o S...

Publicado em

No primeiro treino que fez com os seus jogadores titulares depois de ter vencido o Palmeiras por 2 a 0 no clássico da última quarta-feira, na Vila Belmiro, o Santos teve o zagueiro Gustavo Henrique trabalhando separado do restante do elenco comandado por Jorge Sampaoli na manhã desta sexta e se tornou dúvida na escalação da equipe que enfrentará o Internacional neste domingo, às 16 horas, no Beira-Rio, em Porto Alegre, pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O defensor sofreu uma entorse no tornozelo direito no duelo diante dos palmeirenses e neste último treinamento deu apenas voltas no gramado do CT Rei Pelé, no qual inicialmente apenas caminhou e depois arriscou trotes moderados. E ele fez este tipo de atividade usando tênis, em um indicativo de que não utilizou chuteiras para preservar o tornozelo torcido e sentir menos dores com um calçado mais confortável.

Caso Gustavo Henrique não reúna condições de enfrentar o Inter, Luiz Felipe e Felipe Aguilar vão brigar por uma vaga para formar dupla de zaga com Lucas Veríssimo. E se o atleta for vetado pelo departamento médico, o Santos ampliará uma longa lista de desfalques confirmados de Sampaoli.

Um das baixas para o confronto na capital gaúcha é o meia Carlos Sánchez, suspenso. Os outros são Soteldo, Derlis González, Felipe Jonatan e Cueva, que servem as suas respectivas seleções em amistosos nesta próxima data Fifa, além de Kaio Jorge, atualmente com a seleção brasileira sub-17 que se prepara para o Mundial da categoria.

PARÁ - Antes do treinamento desta sexta-feira, o lateral Pará deu entrevista coletiva no CT Rei Pelé, onde projetou a conquista da quarta vitória consecutiva da equipe alvinegra, após os triunfos sobre CSA, Vasco e Palmeiras nas três últimas rodadas.

"Temos mais dois treinos para fazer. Vamos ver o que o professor Sampaoli tem para falar para a gente. Vamos para o Sul e, se Deus quiser, traremos os três pontos", afirmou o atleta, que exaltou o peso do triunfo no clássico da última quarta-feira, quando o Santos assumiu a vice-liderança do Brasileirão.

"Foi uma vitória importante. Enfrentamos uma grande equipe que está brigando de igual para igual com os concorrentes diretos. Ficamos felizes por colocar em prática tudo aquilo que o professor Sampaoli pediu para nós durante os treinamentos. Graças a Deus conseguimos uma belíssima vitória", festejou o atleta, que também admitiu satisfação com o fato de que o Inter não poderá contar com o atacante Guerrero, convocado para atuar pela seleção peruana.

"Quando se trata de Guerrero, tem que se precaver. É um centroavante que faz a diferença. Por um lado é bom, não o marcaremos, por outro é ruim por ser um clássico (nacional) e com Guerrero fica mais 'pilhante' para quem assiste. Agradecemos a ausência dele, é um grande jogador", ressaltou Pará.

O elenco santista ainda fará um último treino no CT Rei Pelé, neste sábado, quando fechará sua preparação para encarar o Inter antes de viajar para a capital gaúcha.

Clique aqui e participe do nosso grupo no whatsapp

Publicidade