CONECTE-SE CONOSCO

Brasil

Basta fazer o serviço

Publicado

em

O presidente Jair Bolsonaro, participa da cerimônia de assinatura dos contratos de concessão da 5ª Rodada de Leilões de Aeroportos da Infraero.

Para não terem que assumir a segunda derrota após as eleições, os petistas e demais adversários do governo (alguns ficariam mais bem enquadrados na categoria de inimigos do Brasil) estão sendo obrigados a engolir e ignorar a dura realidade de que o país começou a melhorar.

Não podendo admitir a retomada do crescimento econômico, a queda do índice de desemprego, a redução da criminalidade, a inexistência de denúncias de corrupção na administração federal e os avanços das reformas, eles vão continuar concentrando seus ataques no comportamento do presidente Jair Bolsonaro, mostrando-se escandalizados com seus rompantes e suas declarações pouco convencionais.

É o que lhes restou diante da dupla derrota política e, o que é pior, face a perspectivas futuras nada animadoras.

Os eleitores não escolheram Bolsonaro pra se casar com ele, mas por acreditar que sob o seu comando o país poderia sair do buraco. E é isso que está acontecendo, goste-se dele ou não.

Para a grande maioria dos brasileiros, pouco importam as polêmicas (muitas delas um tanto despropositais) criadas pelo presidente, desde que ele governe bem.

Entre a forma e o conteúdo, o que vale é o segundo.

Como dizia o líder chinês Deng Xiaoping, ao justificar a abertura da nação comunista aos investimentos do capitalismo estrangeiro que fizeram dela a segunda maior potência econômica do mundo: “Não importa a cor do gato, contanto que ele cace o rato”.

(Leia e compartilhe outras postagens acessando o site: caiogottlieb.jor.br)



Whatsapp CGN 9.9969-4530 - Canal direto com nossa redação - Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.

Participe do nosso grupo no whatsapp

Publicidade

Copyright 2020 CGN ® Todos os direitos reservados