CONECTE-SE CONOSCO

Opinião

Quando a justiça é igual para todos – por Caio Gottlieb

Publicado

em

Sem chamar muita atenção, até porque notícias do gênero já viraram rotina, a Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal anulou a Operação E$quema S (o cifrão foi bem sacado), deflagrada no ano passado no âmbito da Lava Jato do Rio de Janeiro contra 27 advogados acusados de receber ao menos 151 milhões de reais que teriam sido desviados da Federação do Comércio do estado e de entidades do Sistema S.

O ato invalida o recebimento das denúncias, cancela as provas colhidas nas investigações e libera R$ 784 milhões em bens bloqueados para cobrir prejuízos decorrentes das falcatruas que viessem a ser comprovadas.

Figuram nesse grupo, por exemplo, Cristiano Zanin, que defende o ex-presidente Lula, e Frederick Wassef, que atua para a família do presidente Bolsonaro. (Leia mais…)


Whatsapp CGN 9.9969-4530 - Canal direto com nossa redação - Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.

Participe do nosso grupo no Whatsapp ou do nosso canal no Telegram

Publicidade

Copyright 2021 CGN ® Todos os direitos reservados