CONECTE-SE CONOSCO

Paraná

Pastoral Carcerária, Conselho da Comunidade e Depen realizam evento em alusão ao Natal

O trabalho foi desenvolvido na cadeia pública da Marechal Cândido Rondon…

Publicado

em

Depen

Uma ação solidária de voluntários foi realizada neste domingo (15), na Cadeia Pública de Marechal Cândido Rondon, no Oeste do Paraná, em alusão ao Natal.

O evento organizado em parceria entre o Departamento Penitenciário (Depen), Pastoral Carcerária da Igreja Católica e Conselho da Comunidade, reuniu presos e familiares, em uma confraternização.

Mais de 100 pessoas foram envolvidas na ação, entre elas, diversos voluntários que dedicaram o dia para servir ao próximo.

Questões ligadas aos valores e à religião foram trabalhadas pelo padre responsável pela Pastoral Carcerária da cidade.

“Ao longo deste ano, durante o trabalho que semanalmente desenvolvemos na unidade, sentimos a necessidade de celebrar o Natal de forma diferente, unindo os presos aos seus familiares. Juntamente com o Conselho da Comunidade e o Depen, pudemos realizar esse momento tão importante”, afirmou o padre André Boffo Mendes.

Para que todos os presos pudessem participar da ação, os voluntários dividiram os grupos por horários. Já os agentes penitenciários cuidaram da movimentação dos presos, da revista dos familiares e da segurança do evento.

Para o presidente do Conselho da Comunidade de Marechal Cândido Rondon, Itamar Dall’ Agnol, são ações como essa, que vão integrar o preso à sociedade.

“O Depen faz um trabalho de dois lados: tem que cuidar dos presos e na hora da necessidade contê-los, mas por outro lado, permite que o Conselho e a Igreja, possam proporcionar ações como essa grande confraternização. A ressocialização faz parte do trabalho de todos. Mas o objetivo maior, é fazer com que o preso consiga entender que fora do crime ele também pode ter oportunidades”, explica Dall’ Agnol

Além do momento de reflexão, ao lado dos familiares, os presos puderam confraternizar. Uma equipe voluntária trouxe música ao vivo. Além disso, vários parceiros de entidades e da iniciativa privada, auxiliaram com a doação de alimentos que fizeram parte da ação. Ao final do evento, as crianças receberam presentes com a visita surpresa do Papai Noel.

“Sempre pensamos no egresso, naquele que vai voltar à sociedade. Muitas pessoas têm preconceito com a população carcerária e se esquecem que o preso é um ‘irmão’, [como dizemos no viés religioso], que errou e vai voltar para a sociedade, então quando ele voltar, que tipo de irmão nós queremos? trabalhamos muito isso e incentivamos praticas que possam ajudar essas pessoas”, explicou o padre André.

Para o coordenador regional do Depen, Thiago Correia, iniciativas em parcerias com a Igreja e o Conselho da Comunidade, fortalecem um trabalho positivo que é o objetivo do Sistema Penitenciário.

“Tivemos grandes avanços em diversas áreas. Neste ano vimos a modernização do Sistema Prisional. Em Cascavel, por exemplo, conquistamos, dois telecentros, a ampliação de salas de aula e muitos outros projetos com a ajuda de parceiros, seja da Igreja, do Conselho ou do Judiciário. Isso mostra que nosso objetivo tem se concretizado. Com todos esses avanços, queremos profissionalizar essas pessoas privadas de liberdade, para que ao deixarem o sistema, possam ter oportunidades em meio à sociedade”, finalizou.


Whatsapp CGN 9.9969-4530 - Canal direto com nossa redação - Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.

Clique aqui e participe do nosso grupo no whatsapp

Publicidade

Copyright 2019 CGN ® Todos os direitos reservados Contato