CONECTE-SE CONOSCO

Cascavel

Cutucou a onça com vara curta

Publicado

em

Em um de seus famosos aforismos, o filósofo alemão Friedrich Nietzsche escreveu que “na vingança e no amor a mulher é mais bárbara do que o homem”.

No pedido que fez ao STF para abertura de inquérito contra o deputado federal Arthur Lira, do PP de Alagoas, a quem acusa do crime de difamação por chamá-la de “notória vigarista”, Julyenne Santos Lins aproveitou para contar que o ex-marido vem ocultando do fisco uma considerável fortuna.

Um dos expoentes do Centrão, a ala fisiológica do Congresso Nacional que sempre está do lado do governo seja ele qual for, o parlamentar declarou em 2018 à Justiça Eleitoral um patrimônio de R$ 1,7 milhão.

Entretanto, ela juntou na petição um papel que Lira apresentou no processo de divórcio do casal contendo anotações de bens que somam 11 milhões de reais.

Moral da história: poucas coisas são mais perigosas para um político do que uma ex-mulher ofendida.

(Leia e compartilhe outras postagens acessando o site: caiogottlieb.jor.br)


Whatsapp CGN 9.9969-4530 - Canal direto com nossa redação - Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.

Participe do nosso grupo no whatsapp

Publicidade

Copyright 2020 CGN ® Todos os direitos reservados