CONECTE-SE CONOSCO

Paraná

Casal suspeito de vender remédios abortivos vai preso em Curitiba

Ela cobrava R$ 1,5 mil para acompanhar pessoalmente o procedimento de ingestão do abortivo.

Publicado

em

Crédito: Tânia Rêgo/Agência Brasil

A Polícia Civil do Paraná prendeu um casal suspeito de vender remédios abortivos, ontem, no bairro Novo Mundo, em Curitiba. Em quatro meses, somente em uma das máquinas para pagamento em cartão foram recebidos R$ 81 mil pela venda dos medicamentos.

Com o casal, a Polícia encontrou 105 comprimidos abortivos e 78 comprimidos de sildenafila (princípio ativo do Viagra), além de um caderno de anotações referentes ao negócio ilícito, máquinas para pagamento em cartões, comprovantes bancários, celulares e R$ 2,3 mil em dinheiro.

O contato da mulher, de 26 anos, era encontrado em sites de pesquisas na internet. Ela era responsável pela negociação via aplicativo de mensagens. Cada comprimido era vendido por R$ 100. Ela cobrava R$ 1,5 mil para acompanhar pessoalmente o procedimento de ingestão do abortivo. 

Os abortivos eram vendidos para pessoas da capital paranaense, da Região Metropolitana de Curitiba e do Estado de Santa Catarina. O responsável pelas entregas era o marido da jovem, um homem de 35 anos.

O casal foi autuado por falsificar, corromper, adulterar ou alterar produto destinado para fins terapêuticos ou medicinais.

Fonte: Bem Paraná


Whatsapp CGN 9.9969-4530 - Canal direto com nossa redação - Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.

Participe do nosso grupo no whatsapp

Publicidade

Copyright 2020 CGN ® Todos os direitos reservados