CGN
Acesse aqui o Discover e busque as mais lidas por mês!
Imagem referente a Homem denunciado pelo MPPR pela morte da enteada em Quatro Barras no ano de 2007 é sentenciado a 21 anos de prisão

Homem denunciado pelo MPPR pela morte da enteada em Quatro Barras no ano de 2007 é sentenciado a 21 anos de prisão

A vítima foi morta em 12 de fevereiro de 2007, deixando dois filhos, um menino e uma menina, de 5 anos e 9 meses na época.......

Publicado em

Por Ministério Público do Paraná

Publicidade
Imagem referente a Homem denunciado pelo MPPR pela morte da enteada em Quatro Barras no ano de 2007 é sentenciado a 21 anos de prisão

Um homem denunciado pelo Ministério Público do Paraná por homicídio triplamente qualificado pela morte da enteada em 2007, em Quatro Barras, foi condenado em júri a 21 anos de reclusão em regime fechado. O julgamento foi realizado na quarta-feira, 5 de junho, em Campina Grande do Sul, depois de ter sido adiado duas vezes no mês passado. O caso ganhou repercussão nacional por conta da prisão, em maio, de outra ré, coautora do crime e mãe da vítima, depois de ficar foragida por 17 anos, após a história ser noticiada em um programa de televisão que trata de fugitivos do Judiciário.

A vítima foi morta em 12 de fevereiro de 2007, deixando dois filhos, um menino e uma menina, de 5 anos e 9 meses na época. O crime teria sido praticado pelos dois denunciados justamente porque a avó queria a guarda do neto, que disputava com a filha em um processo judicial. Segundo a denúncia do MPPR, os acusados mataram a mulher na casa dela, após um almoço familiar. Ela foi enforcada com um fio elétrico e teve o corpo colocado embaixo de uma cama o cadáver foi descoberto dois dias depois.

O Conselho de Sentença do Júri acolheu todas as qualificadoras sustentadas pelo Ministério Público em plenário motivo fútil, meio cruel e meio que impossibilitou a defesa da vítima. Como já se encontrava preso preventivamente desde o ano passado, também depois de ficar muitos anos foragido, o denunciado – agora condenado – seguirá detido, para o cumprimento da sentença. Não foi conferido a ele o direito de recorrer em liberdade.

O caso foi julgado em Campina Grande do Sul pois o Município de Quatro Barras, na época do crime, integrava a comarca.

Processo número 0000408-15.2007.8.16.0037

Matérias anteriores

23/05/2024 – Júri de réu denunciado pelo MPPR pela morte da enteada em Quatro Barras no ano de 2007 é novamente adiado por não comparecimento da defesa do acusado

13/05/2024 – Processo de mulher presa no sábado, suspeita de matar a própria filha, prosseguirá; ex-marido e possível coautor irá ao Tribunal do Júri em Campina Grande do Sul

[email protected]
(41) 3250-4469

Fonte: MPPR

Notícias Relacionadas:

Ministério Público do Paraná oferece denúncia criminal contra dois irmãos que ameaçaram e agrediram a irmã transexual e a própria mãe em Piraquara
Ministério Público do Paraná oferece denúncia criminal contra dois irmãos que ameaçaram e agrediram a irmã transexual e a própria mãe em Piraquara
MP denuncia dois irmãos que ameaçaram e agrediram a irmã transexual e a própria mãe
MP denuncia dois irmãos que ameaçaram e agrediram a irmã transexual e a própria mãe
Judiciário condena 14 pessoas denunciadas pelo MPPR em Paranaguá por desvio de indenizações pagas a pescadores
Judiciário condena 14 pessoas denunciadas pelo MPPR em Paranaguá por desvio de indenizações pagas a pescadores
Judiciário condena 14 pessoas denunciadas pelo MPPR em Paranaguá por desvio de indenizações pagas a pescadores
Judiciário condena 14 pessoas denunciadas pelo MPPR em Paranaguá por desvio de indenizações pagas a pescadores
Judiciário recebe denúncia criminal contra ex-prefeito e secretário de Licitações de Iporã por morte e lesão causadas em dois trabalhadores em obra do Município
Judiciário recebe denúncia criminal contra ex-prefeito e secretário de Licitações de Iporã por morte e lesão causadas em dois trabalhadores em obra do Município
Delegado denunciado pelo MPPR por matar esposa e enteada em Curitiba é condenado no Júri a 38 anos e 10 meses de prisão
Delegado denunciado pelo MPPR por matar esposa e enteada em Curitiba é condenado no Júri a 38 anos e 10 meses de prisão
Delegado denunciado pelo MPPR por matar esposa e enteada em Curitiba é condenado no Júri a 38 anos e 10 meses de prisão
Delegado denunciado pelo MPPR por matar esposa e enteada em Curitiba é condenado no Júri a 38 anos e 10 meses de prisão
Tribunal do Júri de Matelândia condena a 16 anos de prisão homem denunciado pelo MPPR pelos crimes de homicídio qualificado e ocultação de cadáver
Tribunal do Júri de Matelândia condena a 16 anos de prisão homem denunciado pelo MPPR pelos crimes de homicídio qualificado e ocultação de cadáver
MPPR em Cianorte realiza a Operação Abutre com o cumprimento de ordens de prisão, busca e apreensão e sequestro de bens de suspeito de agiotagem
MPPR em Cianorte realiza a Operação Abutre com o cumprimento de ordens de prisão, busca e apreensão e sequestro de bens de suspeito de agiotagem
MPPR e Polícia Civil cumprem 138 mandados na Operação Ponte Molhada, que apura delitos de organização criminosa que atua no Litoral paranaense
MPPR e Polícia Civil cumprem 138 mandados na Operação Ponte Molhada, que apura delitos de organização criminosa que atua no Litoral paranaense
MPPR cumpre 10 mandados de busca e apreensão na Operação Arcanjo, que apura possíveis pagamentos indevidos feitos pelo Município de Chopinzinho
MPPR cumpre 10 mandados de busca e apreensão na Operação Arcanjo, que apura possíveis pagamentos indevidos feitos pelo Município de Chopinzinho
Réu denunciado pelo MPPR por tentativa de homicídio que deixou vítima em estado vegetativo é condenado a 11 anos de prisão por Júri de Francisco Beltrão
Réu denunciado pelo MPPR por tentativa de homicídio que deixou vítima em estado vegetativo é condenado a 11 anos de prisão por Júri de Francisco Beltrão
Ministério Público do Paraná cria grupo especial para fortalecimento da atuação na área de crimes dolosos contra a vida
Ministério Público do Paraná cria grupo especial para fortalecimento da atuação na área de crimes dolosos contra a vida
Ministério Público do Paraná cria Grupo de Atuação Especial do Tribunal do Júri
Ministério Público do Paraná cria Grupo de Atuação Especial do Tribunal do Júri
Homem que matou passageiro que defendeu casal homoafetivo dentro de ônibus em Curitiba é denunciado por outros dois homicídios e por corrupção de menor
Homem que matou passageiro que defendeu casal homoafetivo dentro de ônibus em Curitiba é denunciado por outros dois homicídios e por corrupção de menor
Vereador denunciado pelo MPPR por discurso de ódio em relação ao ator Paulo Gustavo é condenado por injúria homofóbica
Vereador denunciado pelo MPPR por discurso de ódio em relação ao ator Paulo Gustavo é condenado por injúria homofóbica
Vereador denunciado pelo MPPR por discurso de ódio em relação ao ator Paulo Gustavo é condenado por injúria homofóbica
Vereador denunciado pelo MPPR por discurso de ódio em relação ao ator Paulo Gustavo é condenado por injúria homofóbica
Tribunal de Justiça mantém condenação criminal de servidora pública de Lupionópolis denunciada pelo Ministério Público do Paraná por peculato
Tribunal de Justiça mantém condenação criminal de servidora pública de Lupionópolis denunciada pelo Ministério Público do Paraná por peculato
Tribunal de Justiça mantém condenação criminal de servidora pública de Lupionópolis denunciada pelo Ministério Público do Paraná por peculado
Tribunal de Justiça mantém condenação criminal de servidora pública de Lupionópolis denunciada pelo Ministério Público do Paraná por peculado
Gaeco cumpre 15 mandados em operação contra lavagem de dinheiro a partir de comércio de produtos eletrônicos pela internet
Gaeco cumpre 15 mandados em operação contra lavagem de dinheiro a partir de comércio de produtos eletrônicos pela internet
Google News CGN Newsletter

Whatsapp CGN 3015-0366 - Canal direto com nossa redação

Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.


Participe do nosso grupo no Whatsapp

ou

Participe do nosso canal no Telegram

Veja Mais