CGN
Acesse aqui o Discover e busque as mais lidas por mês!
Imagem referente a Senado aprova marco regulatório do fomento à cultura no Brasil

Senado aprova marco regulatório do fomento à cultura no Brasil

O projeto retira o setor da cultura da Nova Lei de Licitações (Lei 14.133/2021), mas mantém leis já existentes sobre o setor, como a Lei Rouanet......

Publicado em

Por CGN

Publicidade
Imagem referente a Senado aprova marco regulatório do fomento à cultura no Brasil

Em votação simbólica, o plenário do Senado Federal aprovou nesta terça-feira (4) o projeto de lei que cria o Marco Regulatório do Fomento à Cultura, para organizar as regras das políticas de financiamento do setor na União, nos estados e nos municípios. O texto, de iniciativa da ex-deputada Áurea Carolina (MG), já havia sido aprovado pela Câmara dos Deputados e segue agora para sanção presidencial.

O projeto retira o setor da cultura da Nova Lei de Licitações (Lei 14.133/2021), mas mantém leis já existentes sobre o setor, como a Lei Rouanet (Lei 8.313, de 1991), a Lei Cultura Viva (Lei 13.018, de 2014), a Lei do Audiovisual (Lei 8.685, de 1993) e as leis de fomento dos estados e municípios. Ao retirar a cultura da Nova Lei de Licitações, o texto permite que a União execute as políticas públicas de fomento cultural por meio de regimes próprios e outros estabelecidos em legislação específica, permitindo que Distrito Federal, estados e municípios também possam implementar suas políticas de forma autônoma.

A ministra da Cultura, Margareth Menezes, comemorou a aprovação, que classificou como uma conquista para o setor cultural. “A partir de agora nós temos uma ferramenta que é aderente, que acompanha a execução dos projetos culturais, dando mais segurança, melhorando a vida de quem faz, de quem administra e de quem fiscaliza a cultura. É uma grande conquista que vem sendo pleiteada ao longo de anos. Isso significa uma mudança de paradigma para a produção cultural brasileira”, avaliou.

“Essa aprovação se soma ao esforços do Congresso Nacional e do Ministério da Cultura para eliminar entraves e burocracias excessivas da vida e da rotina dos agentes culturais. Ter um regime próprio da cultura vai, finalmente, nos ajudar a realizar ações a partir da realidade das gestões culturais, que podem ser populares e também complexas. Retirar os obstáculos é diminuir as desigualdades do acesso às políticas culturais. É uma nova era para nós”, afirmou.

O novo marco define cinco tipos de instrumentos jurídicos que podem ser utilizados de acordo com o objetivo da política de fomento. São três os instrumentos que contam com repasse de dinheiro público: Execução Cultural, Premiação Cultural e Bolsa Cultural. Sem repasse de recursos públicos, são dois instrumentos: Termo de Ocupação Cultural e Termo de Cooperação Cultural. Os recursos de financiamento poderão vir do orçamento público, de fundos públicos de políticas culturais, de recursos privados, de recursos complementares e de rendimentos obtidos durante a própria execução do evento cultural, entre outros.

Em todas as hipóteses, a implementação do regime próprio de fomento à cultura deverá garantir plena liberdade para a expressão artística, intelectual, cultural e religiosa, respeitada a laicidade do Estado.

A relatora, no entanto, negou que o projeto tenha o objetivo criticado pela oposição. Ela disse que a matéria tem o mérito de ajudar a promover a riqueza da diversidade cultural do Brasil.

*Com informações da Agência Senado
 

Fonte: Agência Brasil

Notícias Relacionadas:

Com obras tridimensionais, MAC Paraná apresenta mostra O Estranho que Mora Comigo
Com obras tridimensionais, MAC Paraná apresenta mostra O Estranho que Mora Comigo
Nova edição do Cândido destaca a trajetória da escritora Cassandra Rios
Nova edição do Cândido destaca a trajetória da escritora Cassandra Rios
TV Paraná Turismo estreia nesta quinta-feira série especial sobre os 140 anos do Teatro Guaíra
TV Paraná Turismo estreia nesta quinta-feira série especial sobre os 140 anos do Teatro Guaíra
Dia da Música e Viola Caipira é comemorado em museu do DF
Dia da Música e Viola Caipira é comemorado em museu do DF
Pacheco diz que Senado não vai acelerar tramitação da PEC da Anistia
Pacheco diz que Senado não vai acelerar tramitação da PEC da Anistia
Secretária da Cultura destaca 140 anos do Guaíra em entrevista à TV Paraná Turismo
Secretária da Cultura destaca 140 anos do Guaíra em entrevista à TV Paraná Turismo
Agenda cultural traz espetáculos de humor, oficinas e atividades para todos os públicos
Agenda cultural traz espetáculos de humor, oficinas e atividades para todos os públicos
Teatro Guaíra publica edital de locação dos palcos para escolas de dança do Estado
Teatro Guaíra publica edital de locação dos palcos para escolas de dança do Estado
Teatro Guaíra abre edital de locação dos palcos para escolas de dança do Estado
Teatro Guaíra abre edital de locação dos palcos para escolas de dança do Estado
Nina Miyamoto é nova residente do Museu Casa Alfredo Andersen
Nina Miyamoto é nova residente do Museu Casa Alfredo Andersen
Bengalas terão cores para diferenciar graus de deficiência visual
Bengalas terão cores para diferenciar graus de deficiência visual
Segunda edição do projeto Crianças no Teatro alcança mais de 72 mil estudantes
Segunda edição do projeto Crianças no Teatro alcança mais de 72 mil estudantes
Segunda edição do projeto Crianças no Teatro alcança mais de 72 mil pessoas
Segunda edição do projeto Crianças no Teatro alcança mais de 72 mil pessoas
Relator quer tirar urgência na votação da reforma tributária no Senado
Relator quer tirar urgência na votação da reforma tributária no Senado
Normativas fortalecem proteção do patrimônio arqueológico da Cidade Real do Guairá
Normativas fortalecem proteção do patrimônio arqueológico da Cidade Real do Guairá
Escritoras Miriam Alves e Juliana Sankofa participam de mesa de conversa no MUPA
Escritoras Miriam Alves e Juliana Sankofa participam de mesa de conversa no MUPA
Museu Nacional confirma retorno de Manto Tupinambá ao Brasil
Museu Nacional confirma retorno de Manto Tupinambá ao Brasil
Senado adia votação da reoneração da folha de pagamento de 17 setores
Senado adia votação da reoneração da folha de pagamento de 17 setores
EBC firma acordo para cobertura do Festival Latinidades 2024
EBC firma acordo para cobertura do Festival Latinidades 2024
Escola de Dança Teatro Guaíra levou sua arte a 3,6 mil pessoas no primeiro semestre 
Escola de Dança Teatro Guaíra levou sua arte a 3,6 mil pessoas no primeiro semestre 
Google News CGN Newsletter

Whatsapp CGN 3015-0366 - Canal direto com nossa redação

Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.


Participe do nosso grupo no Whatsapp

ou

Participe do nosso canal no Telegram

Veja Mais