CGN
Acesse aqui o Discover e busque as mais lidas por mês!
Imagem referente a Mulheres privadas de liberdade produzem fantasias para escola de samba de Curitiba
Mulheres privadas de liberdade produzem fantasias e itens para alegoria de escola de sambaFoto: Polícia Penal do Paraná

Mulheres privadas de liberdade produzem fantasias para escola de samba de Curitiba

A escola Acadêmicos da Realeza teve contato com o trabalho têxtil desenvolvido pelas mulheres custodiadas no CIS em uma empresa do setor que tem convênio com......

Publicado em

Por CGN

Publicidade
Imagem referente a Mulheres privadas de liberdade produzem fantasias para escola de samba de Curitiba
Mulheres privadas de liberdade produzem fantasias e itens para alegoria de escola de sambaFoto: Polícia Penal do Paraná

Mulheres privadas de liberdade custodiadas no Centro de Integração Social (CIS) de Piraquara confeccionaram 407 peças de fantasias e 1,5 mil penas artificiais para compor a alegoria de uma escola de samba de Curitiba. As produções envolveram calças, blusas, bombachas e kaftan que serão utilizadas no desfile deste ano.

A escola Acadêmicos da Realeza teve contato com o trabalho têxtil desenvolvido pelas mulheres custodiadas no CIS em uma empresa do setor que tem convênio com unidade prisional. Apostando no potencial de empregabilidade de pessoas privadas de liberdade e na motivação financeira e social, a agremiação propôs essa produção, iniciada em dezembro de 2023.

A escola prestou todo o suporte de capacitação e orientação durante a confecção, com visitas semanais para levar materiais e moldes e, também, buscar as peças que ficavam prontas ao longo dos dias. Além da oportunidade de desenvolver habilidades profissionais e se envolver com experiências culturais, as presas receberão remuneração e remição de pena pelo trabalho, conforme a Lei de Execução Penal.

O diretor-geral da Polícia Penal do Paraná (PPPR), Reginaldo Peixoto, explica que parcerias como essa geram oportunidades de ressocialização e mudança de vida no sistema prisional. “Tentamos incansavelmente oferecer uma custódia digna aos apenados do Paraná. É sempre muito gratificante ver projetos diferentes e mais culturais acontecendo. Eles são transformadores”, comenta.

A diretora do Centro de Integração Social (CIS), Marilu Katia da Costa, ressalta que o Carnaval de Curitiba transcende a mera celebração festiva – mobiliza uma estrutura social ao longo de todo o ano. “A expectativa para esse ano é expandir ainda mais a parceria entre a Acadêmicos da Realeza e a Polícia Penal a fim de envolver os profissionais da agremiação no processo de capacitação de pessoas privadas de liberdade, preparando essas mulheres para diversos caminhos quando retornarem a sua liberdade”, complementa.

A diretora de Carnaval da Acadêmicos da Realeza, Vilma Barbosa, conta que com a parceria as atividades puderam ser iniciadas dentro do prazo proposto, prevendo um grande desfile para o próximo mês. “Durante o período em que desenvolvemos nossas fantasias no CIS recebemos apoio integral da equipe de gestão, o que foi fundamental para que o resultado final fosse de qualidade, conforme esperávamos. Este foi o primeiro passo de um projeto que está só no começo”, destaca.

Vilma ressalta que, com a confiança nas equipes, eles querem retomar os trabalhos, já visando o Carnaval de 2025. “Assim, nos consolidando cada vez mais como agentes de transformação na sociedade e da ressocialização de mulheres, para um novo caminho a partir da sua liberdade”, arremata.

A escola já ganhou o Carnaval de Curitiba e está entre as mais tradicionais da cidade. O desfile de 2024 acontece no dia 10 de fevereiro.

Fonte: AEN

Notícias Relacionadas:

PCPR na Comunidade leva serviços para Curitiba, Palmas e Paranaguá nesta semana
PCPR na Comunidade leva serviços para Curitiba, Palmas e Paranaguá nesta semana
Secretaria da Segurança Pública lança operação para reforçar a segurança das mulheres
Secretaria da Segurança Pública lança operação para reforçar a segurança das mulheres
Polícia Civil do Paraná ganha novo sistema de promoções e código disciplinar mais moderno
Polícia Civil do Paraná ganha novo sistema de promoções e código disciplinar mais moderno
PCPR e PCSP prendem suspeito de duplo feminicídio ocorrido em Bandeirantes
PCPR e PCSP prendem suspeito de duplo feminicídio ocorrido em Bandeirantes
Concurso da Polícia Penal do Paraná registra 24.933 inscrições; O Edital prevê vagas para Cascavel
Concurso da Polícia Penal do Paraná registra 24.933 inscrições; O Edital prevê vagas para Cascavel
PCPR na Comunidade percorre Morretes, Antonina e Jandaia do Sul nesta semana
PCPR na Comunidade percorre Morretes, Antonina e Jandaia do Sul nesta semana
Operação Páscoa: balanço da PMPR mostra que mortes caíram 33% nas rodovias estaduais
Operação Páscoa: balanço da PMPR mostra que mortes caíram 33% nas rodovias estaduais
Dia da Mentira: PCPR publica cartilha sobre golpes clássicos e armadilhas digitais
Dia da Mentira: PCPR publica cartilha sobre golpes clássicos e armadilhas digitais
Apesar de indícios de racha, estrutura do PCC já está consolidada
Apesar de indícios de racha, estrutura do PCC já está consolidada
PCPR na Comunidade atende mais de 3,4 mil pessoas em Manoel Ribas e Maringá
PCPR na Comunidade atende mais de 3,4 mil pessoas em Manoel Ribas e Maringá
Polícia Penal desenvolve 254 ações de combate à violência contra a mulher
Polícia Penal desenvolve 254 ações de combate à violência contra a mulher
Pessoas privadas de liberdade confeccionam 1.168 brinquedos para crianças em vulnerabilidade
Pessoas privadas de liberdade confeccionam 1.168 brinquedos para crianças em vulnerabilidade
Prefeitos equatorianos buscam proteção policial em meio à violência
Prefeitos equatorianos buscam proteção policial em meio à violência
Operação Páscoa: Polícia Militar reforça fiscalização nas rodovias estaduais durante feriado
Operação Páscoa: Polícia Militar reforça fiscalização nas rodovias estaduais durante feriado
Mulheres das polícias Civil e Científica ajudam Paraná a ser exemplo na solução de crimes
Mulheres das polícias Civil e Científica ajudam Paraná a ser exemplo na solução de crimes
Operação Átria: PCPR prende 779 pessoas por crimes contra mulheres em março
Operação Átria: PCPR prende 779 pessoas por crimes contra mulheres em março
Mês da Mulher: conheça a policial penal que chefia o trabalho e educação dos presos
Mês da Mulher: conheça a policial penal que chefia o trabalho e educação dos presos
Livro de colorir criado por mulheres privadas de liberdade é usado em APAE de Iporã
Livro de colorir criado por mulheres privadas de liberdade é usado em APAE de Iporã
Cosud apresenta à União e Congresso proposta de endurecimento das leis penais
Cosud apresenta à União e Congresso proposta de endurecimento das leis penais
Polícia Penal e Senai capacitam homens privados de liberdade em Londrina
Polícia Penal e Senai capacitam homens privados de liberdade em Londrina
Google News CGN Newsletter

Whatsapp CGN 3015-0366 - Canal direto com nossa redação

Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.


Participe do nosso grupo no Whatsapp

ou

Participe do nosso canal no Telegram

Veja Mais