CGN
Acesse aqui o Discover e busque as mais lidas por mês!
Parceria com cooperativas vai permitir ao IAT ampliar rede de monitoramento da água
Acordo entre cooperativas do Paraná e o IAT vai permitir a instalação de cinco novas estações hidrológicas na bacia do Rio Piquiri, na região Oeste do ParanáFoto: IAT

Parceria com cooperativas vai permitir ao IAT ampliar rede de monitoramento da água

As empresas vão instalar cinco novas estações hidrológicas telemétricas – com transmissão de dados em tempo real – ao longo da Bacia do Rio Piquiri, na......

Publicado em

Por CGN

Publicidade
Parceria com cooperativas vai permitir ao IAT ampliar rede de monitoramento da água
Acordo entre cooperativas do Paraná e o IAT vai permitir a instalação de cinco novas estações hidrológicas na bacia do Rio Piquiri, na região Oeste do ParanáFoto: IAT

Uma parceria entre o Instituto Água e Terra (IAT) e as cooperativas C.Vale e Copacol vai permitir ao Estado ampliar a rede de monitoramento da qualidade da água no Paraná, composta atualmente por 207 estações distribuídas entre as 16 bacias hidrográficas paranaenses.

As empresas vão instalar cinco novas estações hidrológicas telemétricas – com transmissão de dados em tempo real – ao longo da Bacia do Rio Piquiri, na região Oeste, como contrapartida a licenciamentos ambientais. O investimento é de R$ 500 mil por ano. O acordo tem validade de cinco anos, com possibilidade de prorrogação.

As estações serão instaladas no primeiro semestre de 2024, três em Palotina (rios São Camilo, Azul e Pioneiro) e duas em Cafelândia (rios Iguaçuzinho e Central). São esses dados que permitirão, por exemplo, saber se haverá água suficiente para a instalação de uma nova indústria ou a ampliação da piscicultura na região.

“É a melhoria da qualidade e quantidade da informação. Um benefício para os usuários e para toda a população paranaense, que terá a garantia da água de qualidade no futuro”, destaca o diretor-presidente em exercício do IAT, José Luiz Scroccaro.

“Convivemos com a demanda alta por água e hoje conseguimos atender a todos os usuários com as informações que constam em nosso banco de dados. Essas novas estações nos permitirão ter dados precisos de pequenas bacias, de mais rios, aumentando a possibilidade de novas outorgas e licenciamentos”, acrescenta a chefe da Divisão de Demanda e Disponibilidade Hídrica do IAT, Gláucia Tavares Paes de Assis.

SISTEMA – Essa é apenas a primeira ampliação do sistema de monitoramento da qualidade da água prevista para o IAT para 2024. Além das cinco estações que serão instaladas pelas cooperativas, alcançando 212 postos, está em andamento o projeto de implementação de mais 30 pontos hidrológicos a partir do segundo semestre do ano que vem.

Rede composta por estações que podem transmitir os dados de forma manual ou por telemétricas, compartilhando em tempo real, via satélite, as condições de cada local. Esses instrumentos são responsáveis por avaliar a vazão, a quantidade das chuvas e o nível da água de rios do Estado, permitindo ao órgão ambiental um planejamento antecipado.

“Conseguiremos ampliar o banco de dados, adensando a rede estadual de monitoramento. Assim, cumprimos de maneira mais ágil a missão de outorgar, licenciar e gerir o recurso hídrico do Paraná”, afirma a chefe da Divisão de Monitoramento do IAT, Christine da Fonseca Xavier.

A cada três meses são coletadas amostras de água e encaminhadas para análise nos três laboratórios do IAT (Curitiba, Londrina e Toledo), todos acreditados pelo Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), seguindo a norma de qualidade laboratorial ISO 17.025. Nesses espaços são feitos diversos testes que avaliam, entre outros quesitos, as características físicas, químicas e biológicas da água.

“As cooperativas se colocaram à disposição do órgão ambiental para ajudar a monitorar os rios em busca de uma melhor gestão”, diz o engenheiro ambiental da C.Vale, Guilherme Daniel.

DADOS – Todos os dados da rede de monitoramento do Instituto estão na seção de monitoramento do site do IAT. As informações disponíveis incluem uma seção que permite a consulta de dados por estação de coleta e um mapa interativo com todos os pontos analisados pelo órgão.

Fonte: AEN

Notícias Relacionadas:

Após chuvas intensas, IAT alerta sobre riscos da trilha do Parque Estadual Pico Paraná
Após chuvas intensas, IAT alerta sobre riscos da trilha do Parque Estadual Pico Paraná
IAT de Pato Branco resgata 39 aves da espécie Azulão em criadouro irregular
IAT de Pato Branco resgata 39 aves da espécie Azulão em criadouro irregular
Estado lança ferramenta online para reforçar gestão de resíduos sólidos urbanos no Paraná
Estado lança ferramenta online para reforçar gestão de resíduos sólidos urbanos no Paraná
Com distribuição recorde, Paraná vai alcançar 10 milhões de mudas plantadas em 2024
Com distribuição recorde, Paraná vai alcançar 10 milhões de mudas plantadas em 2024
Rio das Pombas: Pontal do Paraná vai ganhar Unidade de Conservação estadual
Rio das Pombas: Pontal do Paraná vai ganhar Unidade de Conservação estadual
Após parecer técnico, IAT reabre Gruta dos Jesuítas para visitantes
Após parecer técnico, IAT reabre Gruta dos Jesuítas para visitantes
Aplicativo para solicitar mudas de plantas produzidas pelo IAT chega à App Store 
Aplicativo para solicitar mudas de plantas produzidas pelo IAT chega à App Store 
Animal silvestre em casa? Veja o que fazer se receber uma visita inesperada neste verão
Animal silvestre em casa? Veja o que fazer se receber uma visita inesperada neste verão
IAT alerta para risco de ataque de abelhas na trilha que leva à Montanha da Ciririca
IAT alerta para risco de ataque de abelhas na trilha que leva à Montanha da Ciririca
Embrapa: castanha impulsiona desenvolvimento sustentável na Amazônia
Embrapa: castanha impulsiona desenvolvimento sustentável na Amazônia
Unidades de Conservação do Paraná vão funcionar em horário normal no Natal e ano novo
Unidades de Conservação do Paraná vão funcionar em horário normal no Natal e ano novo
Após investimento de R$ 1,2 milhão, Estado entrega parque urbano a Andirá
Após investimento de R$ 1,2 milhão, Estado entrega parque urbano a Andirá
Tudo por WhatsApp: IAT muda forma de reserva para o camping no Pico do Marumbi
Tudo por WhatsApp: IAT muda forma de reserva para o camping no Pico do Marumbi
Paraná mais verde: nova orla de Matinhos ganha 3,6 mil árvores
Paraná mais verde: nova orla de Matinhos ganha 3,6 mil árvores
Grupo do IAT que atuará no licenciamento das obras das concessões inicia planejamento
Grupo do IAT que atuará no licenciamento das obras das concessões inicia planejamento
Paraná conquista 2º lugar em prêmio nacional de turismo sustentável
Paraná conquista 2º lugar em prêmio nacional de turismo sustentável
Após três anos, IAT reabre espaço para camping no Pico do Marumbi
Após três anos, IAT reabre espaço para camping no Pico do Marumbi
Com forte influência do El Niño, Simepar prevê verão com ondas intensas de calor e chuvas
Com forte influência do El Niño, Simepar prevê verão com ondas intensas de calor e chuvas
Onça-parda é resgatada no centro de Indianópolis por técnicos do IAT
Onça-parda é resgatada no centro de Indianópolis por técnicos do IAT
Estado e Senar-PR vão ampliar capacitação em gestão de colmeias do Poliniza Paraná
Estado e Senar-PR vão ampliar capacitação em gestão de colmeias do Poliniza Paraná

Whatsapp CGN 3015-0366 - Canal direto com nossa redação

Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.


Participe do nosso grupo no Whatsapp

ou

Participe do nosso canal no Telegram

Veja Mais