CGN
Acesse aqui o Discover e busque as mais lidas por mês!
Imagem referente a Estúdio-escola vai produzir animações brasileiras em Minas Gerais
© Pixar/Divulgação

Estúdio-escola vai produzir animações brasileiras em Minas Gerais

Um estúdio-escola voltado para o ensino e a produção de animações foi instalado no município de Cataguases, Minas Gerais. O Animaparque integra o Polo Audiovisual da......

Publicado em

Por CGN

Publicidade
Imagem referente a Estúdio-escola vai produzir animações brasileiras em Minas Gerais
© Pixar/Divulgação

Um estúdio-escola voltado para o ensino e a produção de animações foi instalado no município de Cataguases, Minas Gerais. O Animaparque integra o Polo Audiovisual da Zona da Mata Mineira e começará a receber as primeiras produções no ano que vem. Inaugurado na última quinta-feira (30), o parque ocupa área de 10 mil metros quadrados e é gerido pela Agência de Desenvolvimento do Polo Audiovisual (Apolo), com apoio do Grupo Energisa.

O espaço conta, em sua estrutura, com áreas para produção e pós-produção de audiovisual, estúdios, laboratório multimídia, áudio e trilhas sonoras, ateliês técnicos de cenografia, arte e figurino, camarins, sala de direção e base de produção.

“De 2010 para cá, o Brasil virou uma grande referência na produção de filmes de animação no mundo. Vários filmes nacionais ganharam repercussão no mundo, como O Menino e o Mundo [indicado ao Oscar de Melhor Animação de 2016] e Amor e Fúria. A partir de 2018, começamos a trabalhar aqui na região também com o setor de animação. O mercado de animação é potente, tem impacto no mundo todo. E a nossa intenção era perseguir essa vocação para a região”, afirma o diretor-presidente da Apolo, Cesar Piva. 

Entre as primeiras produções a serem recebidas pelo Animaparque está a animação O Pinguim Tupiniquim, baseada no livro homônimo da autora Índigo. O filme será produzido pela Coala Filmes, do animador Cesar Cabral, em parceria com o El Taller del Chucho, estúdio fundado pelo mexicano Guillermo del Toro. 

Outra produção prevista para o Animaparque será A Marcha dos Girassóis, animação em stop motion (modalidade em que o personagem é movimentado frame a frame pelas mãos do animador) da produtora mineira Tubz Estúdio Audiovisual. Ambas produções devem gerar 100 postos de trabalho. 

De acordo com Piva, projetos de animação têm prazo mais longo que outros tipos de produções audiovisuais. Um longa-metragem, por exemplo, pode levar mais de dois anos para ficar pronto, o que garante empregos por mais tempo.

Em termos de ensino, o Animaparque está recebendo o curso de graduação de tecnologias em cinema e animação, da Universidade Estadual de Minas Gerais (Uemg), que já está na segunda turma e se prepara para selecionar mais 30 alunos para o próximo semestre. 

“A universidade é a primeira instituição a ocupar esse espaço. Hoje ela está com 60 alunos e dez professores ocupando as salas de aula e laboratórios do Animaparque”, informa Piva. Segundo ele, esses estudantes já podem começar a se envolver nas produções que chegarão ao polo.  

Para a coordenadora de Investimento Social do Grupo Energisa, Delânia Azevedo, o grande diferencial do Animaparque é interiorizar a produção de animação no país e “fazer desenvolvimento com sustentabilidade, através da cultura”. 

Fonte: Agência Brasil

Notícias Relacionadas:

Eventos sobre gênero e representação marcam agenda do MUPA no Mês da Mulher
Eventos sobre gênero e representação marcam agenda do MUPA no Mês da Mulher
Conferência Nacional debaterá base do novo Plano Nacional de Cultura
Conferência Nacional debaterá base do novo Plano Nacional de Cultura
Programa Crianças no Teatro tem estreias em Guarapuava e Campo Mourão nesta semana
Programa Crianças no Teatro tem estreias em Guarapuava e Campo Mourão nesta semana
4 mil pessoas prestigiam abertura da temporada da Orquestra Sinfônica em 2024
4 mil pessoas prestigiam abertura da temporada da Orquestra Sinfônica em 2024
Agência do Trabalhador da Cultura tem vagas abertas para o Festival de Curitiba 2024
Agência do Trabalhador da Cultura tem vagas abertas para o Festival de Curitiba 2024
Mês da Mulher: espaços culturais do Estado apresentam programação especial em março
Mês da Mulher: espaços culturais do Estado apresentam programação especial em março
Biblioteca Pública comemora 167 anos com novas temporadas do Ler Junto e Oficina de Poesia
Biblioteca Pública comemora 167 anos com novas temporadas do Ler Junto e Oficina de Poesia
Retorno da Orquestra, 167 anos da Biblioteca e ações do Mês da Mulher agitam a agenda cultural
Retorno da Orquestra, 167 anos da Biblioteca e ações do Mês da Mulher agitam a agenda cultural
Literatura coreana e onda hallyu são temas da nova edição do jornal Cândido
Literatura coreana e onda hallyu são temas da nova edição do jornal Cândido
Literatura coreana é tema central do jornal Cândido de fevereiro
Literatura coreana é tema central do jornal Cândido de fevereiro
Choro é declarado Patrimônio Cultural do Brasil
Choro é declarado Patrimônio Cultural do Brasil
Exposição revela “filosofias de vida” na Amazônia, diz Ailton Krenak
Exposição revela “filosofias de vida” na Amazônia, diz Ailton Krenak
CCJ do Senado aprova o Sistema Nacional de Cultura
CCJ do Senado aprova o Sistema Nacional de Cultura
Em março, Museu Oscar Niemeyer terá programação inspirada no Mês das Mulheres
Em março, Museu Oscar Niemeyer terá programação inspirada no Mês das Mulheres
RJ: capoeira terá cadastro para construção de políticas de valorização
RJ: capoeira terá cadastro para construção de políticas de valorização
Inscrições para cursos gratuitos do Centro Juvenil de Artes Plásticas encerram nesta sexta
Inscrições para cursos gratuitos do Centro Juvenil de Artes Plásticas encerram nesta sexta
Mostra em Brasília reúne produção de cineastas negros da Amazônia
Mostra em Brasília reúne produção de cineastas negros da Amazônia
Guia de memória: Estado publica Cartilha de Orientação do Patrimônio Cultural
Guia de memória: Estado publica Cartilha de Orientação do Patrimônio Cultural
Espetáculo “Se A Memória Não Me Falha” estreia no Teatro Guaíra nesta quinta-feira
Espetáculo “Se A Memória Não Me Falha” estreia no Teatro Guaíra nesta quinta-feira
Tons Vizinhos: Quartas Musicais está de volta ao MIS-PR para nova temporada
Tons Vizinhos: Quartas Musicais está de volta ao MIS-PR para nova temporada

Whatsapp CGN 3015-0366 - Canal direto com nossa redação

Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.


Participe do nosso grupo no Whatsapp

ou

Participe do nosso canal no Telegram

Veja Mais