CGN
Acesse aqui o Discover e busque as mais lidas por mês!
Imagem referente a Com restrições, IAT autoriza captura do caranguejo-uçá a partir desta sexta-feira
Com restrições, IAT autoriza captura do caranguejo-uçá a partir desta sexta-feiraFoto: IAT-PR

Com restrições, IAT autoriza captura do caranguejo-uçá a partir desta sexta-feira

Apesar da autorização, a legislação ambiental prevê regramentos para a captura dos crustáceos. A Portaria autoriza apenas a captura de machos do caranguejo-uçá com mais de......

Publicado em

Por CGN

Publicidade
Imagem referente a Com restrições, IAT autoriza captura do caranguejo-uçá a partir desta sexta-feira
Com restrições, IAT autoriza captura do caranguejo-uçá a partir desta sexta-feiraFoto: IAT-PR

A temporada de captura do caranguejo-uçá (Ucides cordatus) está liberada a partir desta sexta-feira (1º) no Paraná, com o fim do chamado defeso do caranguejo. A permissão é regulamentada pelo Instituto Água e Terra (IAT) com base na Portaria do IAP nº180/2002 e tem duração de pouco mais de três meses, seguindo até 14 de março. De 15 de março a 30 de novembro a apreensão volta a ficar proibida. Essa é uma forma de garantir a continuidade da espécie com a reprodução natural.

Apesar da autorização, a legislação ambiental prevê regramentos para a captura dos crustáceos. A Portaria autoriza apenas a captura de machos do caranguejo-uçá com mais de 7 centímetros de carapaça. O tamanho representa um centímetro a mais do que estabelece a legislação federal, definida pelo Instituto Brasileiro de Meio Ambiente (Ibama).

Além disso, a busca pelos animais é permitida apenas de forma artesanal, feita com as mãos, com proibição ao uso de qualquer tipo de ferramenta cortante – como enxadas, facões, foices, cavadeira, cortadeira e outros –; de produtos químicos ou armadilhas, como o laço e redes; ou demais meios que possam machucar e matar os animais ou causar danos ao ambiente.

Quem capturar, transportar, comercializar, beneficiar ou industrializar os crustáceos em desacordo com as restrições determinadas pela Portaria será enquadrado na Lei de Crimes Ambientais (Lei nº 9.605/1998 e Decreto Federal nº6.514/2008). As penalidades são multas de R$ 1,2 mil a R$ 50 mil, com acréscimo de R$ 20 por quilo do animal apreendido. O valor varia de acordo com a quantidade de material proibido em uso pelo infrator.

“A equipe de fiscalização estará atenta, já conhece os pontos de comercialização dos caranguejos, e vai seguir uma programação pré-estabelecida de operações. Vale lembrar também que é proibido a captura em Unidades de Conservação, que também serão alvo da nossa fiscalização”, afirma o chefe do escritório regional do IAT no Litoral do Paraná, Altamir Hacke.

Fonte: AEN

Notícias Relacionadas:

Programa de capacitação profissional da Orla de Matinhos oferece 155 vagas no Litoral
Programa de capacitação profissional da Orla de Matinhos oferece 155 vagas no Litoral
Paraná firma acordo com instituto Water For Food para gestão de recursos hídricos
Paraná firma acordo com instituto Water For Food para gestão de recursos hídricos
Técnicos do IAT resgatam gambá ferido em Pitanga, na região Central do Estado
Técnicos do IAT resgatam gambá ferido em Pitanga, na região Central do Estado
Com novo poço, IAT viabiliza água potável para metade da população de Itambaracá
Com novo poço, IAT viabiliza água potável para metade da população de Itambaracá
Reforma da ONU é uma das prioridades do Brasil em reunião do G20
Reforma da ONU é uma das prioridades do Brasil em reunião do G20
G20: Brasil quer promoção do trabalho decente para inclusão social
G20: Brasil quer promoção do trabalho decente para inclusão social
Orla de Matinhos: Justiça Federal permite que IAT retome obra em trecho de 600 metros
Orla de Matinhos: Justiça Federal permite que IAT retome obra em trecho de 600 metros
Com revitalização da Orla, canal do Rio Matinhos vira refúgio para biguás e garças
Com revitalização da Orla, canal do Rio Matinhos vira refúgio para biguás e garças
Com participação do Paraná, Consórcio Verde aprova plano de trabalho e orçamento do ano
Com participação do Paraná, Consórcio Verde aprova plano de trabalho e orçamento do ano
IAT indica redução de 71,5% na área de Mata Atlântica desmatada em 2023
IAT indica redução de 71,5% na área de Mata Atlântica desmatada em 2023
Com investimento de R$ 11,1 milhões, Paraná vai ganhar mais nove parques urbanos em 2024
Com investimento de R$ 11,1 milhões, Paraná vai ganhar mais nove parques urbanos em 2024
Governo convida organizações da sociedade civil para o Conselho de Direitos Animais
Governo convida organizações da sociedade civil para o Conselho de Direitos Animais
Após chuvas intensas, IAT alerta sobre riscos da trilha do Parque Estadual Pico Paraná
Após chuvas intensas, IAT alerta sobre riscos da trilha do Parque Estadual Pico Paraná
IAT de Pato Branco resgata 39 aves da espécie Azulão em criadouro irregular
IAT de Pato Branco resgata 39 aves da espécie Azulão em criadouro irregular
Estado lança ferramenta online para reforçar gestão de resíduos sólidos urbanos no Paraná
Estado lança ferramenta online para reforçar gestão de resíduos sólidos urbanos no Paraná
Com distribuição recorde, Paraná vai alcançar 10 milhões de mudas plantadas em 2024
Com distribuição recorde, Paraná vai alcançar 10 milhões de mudas plantadas em 2024
Rio das Pombas: Pontal do Paraná vai ganhar Unidade de Conservação estadual
Rio das Pombas: Pontal do Paraná vai ganhar Unidade de Conservação estadual
Após parecer técnico, IAT reabre Gruta dos Jesuítas para visitantes
Após parecer técnico, IAT reabre Gruta dos Jesuítas para visitantes
Aplicativo para solicitar mudas de plantas produzidas pelo IAT chega à App Store 
Aplicativo para solicitar mudas de plantas produzidas pelo IAT chega à App Store 
Animal silvestre em casa? Veja o que fazer se receber uma visita inesperada neste verão
Animal silvestre em casa? Veja o que fazer se receber uma visita inesperada neste verão

Whatsapp CGN 3015-0366 - Canal direto com nossa redação

Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.


Participe do nosso grupo no Whatsapp

ou

Participe do nosso canal no Telegram

Veja Mais