CGN
Acesse aqui o Discover e busque as mais lidas por mês!
Imagem referente a Ciência e tecnologia: alunos de colégio de Cascavel são premiados em feira internacional
Estudantes paranaenses de Colégio Agrícola de Cascavel conquistam premiação em feira internacional de Ciência e TecnologiaFoto: Ricardo Munhoz

Ciência e tecnologia: alunos de colégio de Cascavel são premiados em feira internacional

Eles participaram do evento com 300 estudantes dos ensinos infantil, fundamental e médio de escolas públicas e privadas de 18 estados brasileiros, além de jovens de outros......

Publicado em

Por CGN

Publicidade
Imagem referente a Ciência e tecnologia: alunos de colégio de Cascavel são premiados em feira internacional
Estudantes paranaenses de Colégio Agrícola de Cascavel conquistam premiação em feira internacional de Ciência e TecnologiaFoto: Ricardo Munhoz

Um grupo de alunos do Colégio Agrícola Agroinovação Professor Moacir Benedito Leme da Silva (CEEP), de Cascavel, no Oeste do Estado, obteve a 3ª colocação na categoria Ciências Agrárias Nível Médio/Técnico na XIV Mostra de Ciências e Tecnologia do Instituto Açaí (MCTIA), que aconteceu em Ananindeua, no Pará.

Eles participaram do evento com 300 estudantes dos ensinos infantil, fundamental e médio de escolas públicas e privadas de 18 estados brasileiros, além de jovens de outros países como Argentina, Chile, Espanha, México e Turquia, que concorreram em diversas categorias estabelecidas a partir das ciências – exatas e da terra, biológicas, da saúde, agrárias, sociais, humanas e engenharias e suas aplicações.

Os estudantes Amanda Neves, Gustavo Baroni e Larissa Martins Gomes, do 2ª série do curso de técnico agrícola, orientados pela professora Giovana Perin, da disciplina de Agroindústria, apresentaram uma pesquisa sobre a “Avaliação física da qualidade de hambúrgueres de carne bovina submetidos a diferentes métodos de cocção”.

Eles garantiram a vaga no evento após serem premiados em uma feira local como destaque da categoria em ciência de materiais. “A partir dessa experiência e da premiação, pretendo continuar desenvolvendo mais e mais pesquisas nessa área para poder contribuir e participar de novas feiras como esta. Foi incrível”, diz Amanda Neves.

Durante a programação, na semana passada, os alunos participaram de ilhas de conhecimentos como espaço maker e robótica, jogos cognitivos, espaço para exposição da biodiversidade amazônica e sobre as organizações de apoio à educação e cultura.

As áreas de alfabetização, iniciação e produção científica, bem como sua divulgação e incentivos, voltados à educação e à cultura, nas ciências e suas tecnologias estiveram no foco da feira nestes três dias. “Foram dias de muito aprendizado, porque, além de mostrar nosso trabalho, pudemos ver outras pesquisas e conhecer ainda mais sobre a cultura local”, ressalta Gustavo Baroni.

Para Larissa Martins, foi possível perceber que ainda há muito a ser explorado na ciência e ela pretende continuar nessa descoberta. “Esta premiação e esses dias aqui me fizeram ver como um evento como este é importante para a troca de ideias e como é possível oferecer soluções para o dia a dia das pessoas”, reflete.

O Colégio Agrícola de Cascavel é uma das 23 instituições (21 agrícolas e duas florestais) nessa modalidade ofertada pela Secretaria Estadual da Educação(Seed/PR). É uma instituição de ensino gratuita, que busca a excelência no processo educativo por meio da pesquisa científica, permitindo que jovens do campo e da cidade sejam capacitados para atuarem no desenvolvimento da agricultura e da pecuária de forma inovadora, eficiente, sustentável e competitiva.

O coordenador pedagógico Ricardo Munhoz destaca que o grupo foi classificado para apresentar a pesquisa, devido à relevância do tema no setor da pecuária e da segurança alimentar. “Quando uma escola promove trabalhos de pesquisa científica, muitas coisas positivas podem acontecer, como desenvolvimento de habilidades de pensamento crítico e resolução de problemas, assim como a formulação de perguntas, a coleta e análise de dados, a interpretação de resultados e a apresentação de conclusões, além do estímulo à curiosidade e ao amor pela ciência”, afirma.

A pesquisa científica, segundo ele, desperta a curiosidade e o interesse dos alunos pelo mundo ao seu redor. “Dessa forma, entendemos que ela é uma das ferramentas mais eficazes para que o estudante alcance o protagonismo na sua formação”.

PROJETO – O projeto surgiu durante uma aula sobre tecnologia de carnes e seus derivados, quando foi proposto aos alunos uma análise quanto ao peso final de hambúrgueres de carne feitos sob diferentes formas de cocção.

“Com isso, surgiu junto a este grupo de alunos a curiosidade em avaliar demais parâmetros e verificar realmente qual seria a variação de aspectos físicos e químicos, além da qualidade apresentada em hambúrgueres de diferentes cortes de carne, feitos sob variados métodos de cocção”, conta a professora Giovana.

Após o experimento, chegou-se à conclusão de que as carnes bovinas cozidas por condução em forno convencional a gás (180°C) foram as que apresentaram melhor rendimento, indicando que esta maneira de preparo preservou mais a suculência do alimento

Os hambúrgueres cozidos por radiação (em forno de micro-ondas) também mantiveram a suculência, ficando visivelmente parecidos com os submetidos à condução e como vantagem tiveram um tempo menor de preparo. “O teor de água presente nos produtos cárneos faz com que haja maior aceitação para o consumo, por serem mais macios, suculentos e consequentemente mais saborosos”, analisa a professora.

Fonte: AEN

Notícias Relacionadas:

Governador anuncia mais R$ 100 milhões para reformas de escolas estaduais
Governador anuncia mais R$ 100 milhões para reformas de escolas estaduais
Ganhando o Mundo: Estado vai levar 200 diretores da rede para capacitação no Chile
Ganhando o Mundo: Estado vai levar 200 diretores da rede para capacitação no Chile
Educação promove seminário com mais de 2 mil diretores da rede para ampliar integração
Educação promove seminário com mais de 2 mil diretores da rede para ampliar integração
Rede estadual abre inscrições para contratar professores para Educação Profissional
Rede estadual abre inscrições para contratar professores para Educação Profissional
Governo divulga lista dos nomes dos 1.144 professores convocados para a rede estadual
Governo divulga lista dos nomes dos 1.144 professores convocados para a rede estadual
Relato de professor sobre rigidez em penitenciária viraliza na web
Relato de professor sobre rigidez em penitenciária viraliza na web
Governo autoriza convocação de mais 1.144 professores aprovados no último concurso
Governo autoriza convocação de mais 1.144 professores aprovados no último concurso
Ganhando o Mundo: 950 alunos da rede estadual já embarcaram para intercâmbio em 2024
Ganhando o Mundo: 950 alunos da rede estadual já embarcaram para intercâmbio em 2024
Com novos produtos, Governo conclui entrega da 1ª remessa de alimentos da merenda
Com novos produtos, Governo conclui entrega da 1ª remessa de alimentos da merenda
Com novos professores e 908 mil alunos, rede estadual volta às aulas na segunda-feira
Com novos professores e 908 mil alunos, rede estadual volta às aulas na segunda-feira
Colégios agrícolas do Paraná vão receber 23 drones durante o Show Rural
Colégios agrícolas do Paraná vão receber 23 drones durante o Show Rural
Com 187 embarques desta segunda, 579 estudantes da rede estadual já iniciaram intercâmbio
Com 187 embarques desta segunda, 579 estudantes da rede estadual já iniciaram intercâmbio
Conferência no DF vai orientar plano de educação, diz ministro
Conferência no DF vai orientar plano de educação, diz ministro
Rede estadual de educação tem vagas para tradutores e intérpretes de Libras
Rede estadual de educação tem vagas para tradutores e intérpretes de Libras
Ganhando o Mundo: começam os embarques de estudantes da rede estadual rumo ao Canadá
Ganhando o Mundo: começam os embarques de estudantes da rede estadual rumo ao Canadá
Educação reúne coordenadores e chefes dos núcleos para desenhar planejamento de 2024
Educação reúne coordenadores e chefes dos núcleos para desenhar planejamento de 2024
Ganhando o Mundo: 54 alunos da rede estadual embarcam para intercâmbio na Austrália
Ganhando o Mundo: 54 alunos da rede estadual embarcam para intercâmbio na Austrália
Nota de corte parcial do Sisu está disponível para consulta
Nota de corte parcial do Sisu está disponível para consulta
Com 948 alunos, rede estadual representa 39% dos aprovados no vestibular da UTFPR
Com 948 alunos, rede estadual representa 39% dos aprovados no vestibular da UTFPR
Com salto de 27%, alunos da rede estadual representam quase metade dos aprovados na UFPR
Com salto de 27%, alunos da rede estadual representam quase metade dos aprovados na UFPR

Whatsapp CGN 3015-0366 - Canal direto com nossa redação

Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.


Participe do nosso grupo no Whatsapp

ou

Participe do nosso canal no Telegram

Veja Mais