CGN
Acesse aqui o Discover e busque as mais lidas por mês!
Fluminense e Boca concordam em apelo conjunto contra violência
© Divulgação/Conmebol/Direitos Reservados

Fluminense e Boca concordam em apelo conjunto contra violência

A Conmebol (Confederação Sul-Americana de Futebol) realizou, nesta sexta-feira (3), uma reunião com representantes do Fluminense, do Boca Juniors (Argentina), da Confederação Brasileira de Futebol (CBF)......

Publicado em

Por CGN

Publicidade
Fluminense e Boca concordam em apelo conjunto contra violência
© Divulgação/Conmebol/Direitos Reservados

A Conmebol (Confederação Sul-Americana de Futebol) realizou, nesta sexta-feira (3), uma reunião com representantes do Fluminense, do Boca Juniors (Argentina), da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e da Associação Argentina de Futebol (AFA) para debater a questão da segurança da final da Copa Libertadores, que será disputada no próximo sábado (4), a partir das 17h (horário de Brasília), no estádio do Maracanã.

O encontro foi convocado após ser registrada, na última quinta-feira (2), uma confusão entre torcedores do Boca Juniors e do Fluminense atrás da Fan Fest montada em frente ao Hotel Belmont Copacabana Palace, o que levou policiais militares a dispersarem as pessoas presentes no local com o uso de balas de borracha e gás.

No encontro desta sexta a Conmebol informou que “os clubes e as federações concordaram em fazer um apelo conjunto para evitar atos de violência”.

Já o presidente do Boca Juniors, Jorge Amor Ameal, disse, em vídeo divulgado pela Conmebol, que “a partida vai ser realizada com público. Não vai haver nenhum problema. Peço às pessoas que respeitem ao rival. Isto não é uma guerra. Isso é uma partida de futebol. Amamos muito o público brasileiro, e queremos que nos amem também”.

Na reunião os presentes também revisaram a logística de acesso dos torcedores ao estádio, as áreas destinadas a cada clube, os planos e o perímetro ao redor do Maracanã. “Como os dois clubes têm uma torcida enorme, é essencial tomar precauções extremas para evitar excessos e minimizar ao máximo o contato entre os torcedores”, concluiu a Conmebol.

Fonte: Agência Brasil

Whatsapp CGN 3015-0366 - Canal direto com nossa redação

Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.


Participe do nosso grupo no Whatsapp

ou

Participe do nosso canal no Telegram

Veja Mais