CGN
Acesse aqui o Discover e busque as mais lidas por mês!
Imagem referente a Contenção de rochas em União da Vitória avança com chegada de maquinário pesado
Contenção de rochas em União da Vitória avança com chegada de maquinárioFoto: DER

Contenção de rochas em União da Vitória avança com chegada de maquinário pesado

Os primeiros meses da obra, iniciada no final do ano passado, foram para remoção de interferências e ajustes do local, como a transferências de postes de......

Publicado em

Por CGN

Publicidade
Imagem referente a Contenção de rochas em União da Vitória avança com chegada de maquinário pesado
Contenção de rochas em União da Vitória avança com chegada de maquinárioFoto: DER

O Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER/PR) iniciou os trabalhos com maquinário pesado nas obras de estabilização de taludes no trecho da PRC-466 em União da Vitória, na região Sul do Estado.

Os primeiros meses da obra, iniciada no final do ano passado, foram para remoção de interferências e ajustes do local, como a transferências de postes de iluminação e energia elétrica. Com o fim dos serviços, já foi iniciada a implantação do canteiro de obras e a limpeza da camada vegetal através de escavadeira.

A estabilização de talude vai resolver um problema recorrente de queda de rochas em dias chuvosos, nas proximidades da Ponte Manuel Ribas. Mais de 60 mil moradores da região serão beneficiados, além dos condutores que trafegam pela PRC-466. A extensão das obras tem aproximadamente 400 metros.

Para adequação do paredão rochoso, serão realizadas detonações e escavações até que o local se transforme em um talude com inclinação segura. Serão implementadas ainda duas banquetas e uma proteção com concreto projetado sobre tela em sua base.

O segmento da PRC-466 também será deslocado em cerca de cinco metros, gerando uma distância maior para o Rio Iguaçu, o que vai aumentar a segurança da pista nas épocas de cheia do rio. O Governo do Paraná está investindo R$ 4,2 milhões nas obras e a conclusão está prevista para o início do segundo semestre deste ano.

Entre a rodovia e o Rio Iguaçu serão implantados muros de gabiões, associados a valetas de concreto e descidas d’água. Para a solução da drenagem, serão construídas sarjetas em concreto no pé do talude e na banqueta, conectadas à caixa coletora e bueiro, valetas de proteção e drenos longitudinais em solo e rocha.

Fonte: AEN

Google News CGN Newsletter

Whatsapp CGN 3015-0366 - Canal direto com nossa redação

Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.


Participe do nosso grupo no Whatsapp

ou

Participe do nosso canal no Telegram

Veja Mais