CONECTE-SE CONOSCO

Economia

Por que geradores de energia são essenciais para o agronegócio

Publicado

em

O agronegócio é extremamente importante para a economia brasileira. Além de representar uma parcela considerável das exportações do país, de acordo com a Confederação da Agricultura e Pecuária no Brasil (CNA), intensificou sua participação no PIB nos últimos anos, chegando a 21,4% em 2019.

E também é um dos setores que mais sofrem com a inconstância do fornecimento de energia elétrica. Um dos principais motivos é a exposição e vulnerabilidade a causas naturais.

Desse forma, com o objetivo de manter a produção constante, sem interrupções inesperadas, muitos produtores rurais contam com formas alternativas de energia. É onde entram os geradores de energia. Além de serem equipamentos essenciais para o agronegócio, trazem também diversas vantagens para o setor – como estabilidade, praticidade e segurança.

Por isso, o artigo abordará a importância do equipamento para o funcionamento do agronegócio e os diversos pontos positivos de se contar com a energia alternativa nesse
caso.

Geradores: importantes aliados do agronegócio

Uma tempestade, com ventos fortes e raios, por exemplo, pode provocar quedas de árvores e postes. Este é um exemplo de como contratempos naturais podem impactar diretamente no fornecimento de energia e parar a produção no agronegócio por horas ou até mesmo dias.

A situação se torna ainda mais complicada uma vez que os campos tendem a ser bem distantes das redes de manutenção e concessionárias. Então, representa uma dificuldade para o restabelecimento do serviço.

Dessa forma, muitos produtores apostam no aluguel de geradores para ter abastecimento constante, mesmo em um cenário imprevisível, como o citado acima. Não ter esse equipamento à disposição, além de pôr em risco o lucro e ritmo de produção, também impede que os produtores se beneficiem de outros pontos positivos para o setor.

Vantagens do gerador de energia para o agronegócio

A principal é a capacidade de manter a produção estável e sem interrupções, mesmo após quedas na energia oferecida pela concessionária.

Entretanto, como mencionado, utilizar o equipamento também significa economia, praticidade e melhor administração do tempo.

Manutenção da produção

Apenas alguns minutos sem eletricidade são suficientes para causar perdas e impactar todas as etapas de produção do agronegócio, já que a energia é necessária em vários momentos.

Por exemplo, na avicultura, é preciso que haja uma manutenção da temperatura para proteger as aves, por meio de climatizadores que funcionam a base de energia elétrica. Com o abastecimento energético comprometido, as aves podem até morrer – o que representa um prejuízo grande para o negócio.

A energia é importante para todo o sistema – do armazenamento à fase de industrialização e transporte dos produtos. Portanto, a falta da energia de qualidade atrapalha toda a rotina do negócio, fazendo com que haja prejuízos financeiros e quebra de eficiência.

Uso da telemetria

Por causa da distância dos locais de produção do agronegócio de centros e concessionárias, se torna difícil para os produtores e agricultores buscarem ajuda durante uma queda energética.

Nesse caso, o uso de geradores também representa uma grande vantagem, já que algumas empresas que fornecem energia temporária monitoram remotamente os equipamentos por meio da telemetria.

Essa tecnologia permite que técnicos e profissionais façam manutenções e atualizações no equipamento de forma totalmente remota. Isso se dá por meio de um sistema que disponibiliza a localização em tempo real dos geradores, permitindo, também, o monitoramento dos níveis de tensão, potência, corrente etc.

Assim, caso haja qualquer problema, os técnicos são alertados e podem agir, a fim de corrigir, remotamente, a questão. Essa é uma grande vantagem para o agronegócio, uma vez que não será necessário esperar que um profissional consiga chegar ao local de produção para avaliar falhas.

Proteção de maquinário

Outro fator que deve ser levado em conta em cenários de muitas quedas de energia é a proteção do maquinário.

No agronegócio, por exemplo, são usados desde refrigeradores e climatizadores até computadores, para manter o registro da produção e distribuição. Problemas constantes com a eletricidade fazem com que os equipamentos liguem e desliguem muitas vezes em um curto período de tempo. Neste caso, apostar em geradores de energia também apresenta economia, já que evitam situações prejudiciais a vida útil dessas máquinas.


Whatsapp CGN 9.9969-4530 - Canal direto com nossa redação - Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.

Clique aqui e participe do nosso grupo no whatsapp

Publicidade

Copyright 2020 CGN ® Todos os direitos reservados