CONECTE-SE CONOSCO

Cascavel

Devagar com o andor – por Caio Gottlieb

Publicado

em

É preciso colocar as coisas em seus devidos lugares diante da questionável decisão do Supremo Tribunal Federal de validar a legalidade do discutível inquérito que apura fake news e atos de intimidação contra a Corte, além de manter o ministro Alexandre de Moraes no cargo de relator.

Obviamente, não se pode tolerar ataques injuriosos e ameaças de agressão e de morte aos membros do STF, nem a autoridades de outras instituições em todas as esferas e nem mesmo ao mais humilde dos cidadãos, como se fossem simples manifestações da liberdade de expressão.

Ações desse tipo, inaceitáveis em qualquer nação minimamente civilizada, devem ser duramente reprimidas e punidas com o rigor da lei.

Mas também é obvio que não se pode tolerar que o Judiciário, e mais ainda a sua última instância, acima da qual não há a quem recorrer, viole escandalosamente o estado de direito assumindo as funções de investigar, processar, julgar e condenar alguém, seja qual for o crime cometido.

Juízes com poderes absolutistas são mais perigosos para a democracia do que um bando de fanáticos gritando palavrões na rua.

(Leia e compartilhe outras postagens acessando o site: caiogottlieb.jor.br)


Whatsapp CGN 9.9969-4530 - Canal direto com nossa redação - Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.

Clique aqui e participe do nosso grupo no whatsapp

Publicidade

Copyright 2020 CGN ® Todos os direitos reservados