Conecte-se conosco

Política

Moro: setor privado pode funcionar bem na construção e administração de presídios

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, defendeu as parcerias público-privadas no sistema carcerário para uma plateia de investidores, durante...

Publicado em

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, defendeu as parcerias público-privadas no sistema carcerário para uma plateia de investidores, durante abertura do segundo dia do Fórum de Investimentos Brasil 2019. "O setor privado pode funcionar bem na construção e administração de presídios. A grande dificuldade é encontrar modelo adequado para isso", disse Moro.

Ainda sobre as PPPs, Moro ponderou que, mesmo com a administração empresarial, agentes públicos poderiam permanecer em presídios privados. "O controle da segurança pode ser feito pela iniciativa privada, mas a presença do Estado precisa continuar", observou Moro.

O ministro defendeu que as PPPs podem também servir para a reintegração dos presos na sociedade e defendeu a necessidade de oferecer trabalho para reinserção social. "Temos muito empresários que se dispuseram a construir barracões industriais em regiões de penitenciárias. Precisamos oferecer oportunidades para empresários para que possam auxiliar mas também auferir lucro com a operação", afirmou Moro.

As declarações foram feitas durante painel de abertura no segundo dia do Fórum de Investimentos Brasil 2019. O evento, realizado em São Paulo, é organizado pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento e pela Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex).

Clique aqui e participe do nosso grupo no whatsapp

Publicidade