Conecte-se conosco

Cascavel

Acusado de esfaquear e queimar ex pega 22 anos de prisão mas recorrerá em liberdade

Provas levaram à condenação por homicídio triplamente qualificado...

Publicado em

Acusado de esfaquear e queimar ex pega 22 anos de prisão mas recorrerá em liberdade

João Maria de Jesus da Costa foi condenado a 22 anos de prisão por homicídio triplamente qualificado. A sentença foi dada por júri popular realizado na tarde desta quinta-feira. 

O homem era acusado de esfaquear e atear fogo à ex-companheira, Maria Aparecida do Santos Damásio. O homicídio ocorreu em 2012, no Jardim Gramado. Ele teria agido por ciúmes. 

O promotor Guilherme Schimin comenta que ele não confessou o crime de forma clara, mas as provas contra ele levaram à condenação e alta pena.

Como o homem já estava em liberdade ele conseguiu o direito e recorrer da sentença fora da prisão. 


Whatsapp CGN 9.9969-4530 - Canal direto com nossa redação - Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.

Clique aqui e participe do nosso grupo no whatsapp

Publicidade