• Maycon Corazza
  • A REDE

20 Janeiro 2019 | 18h08min

Um rapaz de 21 anos foi baleado por Policiais Militares, no final da madrugada deste domingo, no município de Castro, na região dos Campos Gerais. Ele fazia parte de uma quadrilha que assaltou uma residência na área rural de Castro, na localidade Erval do Xaxim. 

O quarteto estava fortemente armado, mas foi contido pelos policiais. Três foram presos e o quarto elemento, o baleado, foi levado para o Hospital Regional Universitário dos Campos Gerais, em Ponta Grossa. Junto com eles, foram apreendidas nove armas de fogo, entre pistolas, revólveres e espingardas; diversas munições, e mais de R$ 10 mil, que pertenciam à família e tinham sido levados.

Conforme informações da Polícia Militar, propriedade da família, também utilizada como um comércio, foi invadida pelos quatro homens. Eles agiram com bastante agressividade, agredindo com coronhada a matriarca da família, fazendo ela, seu marido e os filhos de reféns. Ainda durante a ação dos assaltantes, um dos familiares conseguiu escapar e ir até o vizinho, que ajudou e fez uma ligação para a polícia, que rapidamente mandou equipes para o local.

A PM localizou os bandidos e quando um dos assaltantes tentou empreender fuga e atentou contra a vida dos policiais, dando um tiro, a equipe reagiu, e baleou um dos fugitivos, na chamada ‘Estrada da Ilha’. Ele então foi socorrido pelo Siate e levado para ser atendido no Hospital Regional, em estado grave. Já os outros três integrantes foram presos.

Segundo a família, o valor que tinha sido levado pelos assaltantes seria para filho, que passou no Vestibular da UEPG, e utilizaria os recursos para a compra de móveis quando viesse morar em Ponta Grossa. 

Informações são do site A REDE.

Carregar mais notas ao vivo