• Fábio Wronski
  • CGN

11 Janeiro 2019 | 18h11min

Advogado que causou confusão na UPA conseguiu alvará de soltura na tarde desta sexta-feira (11).

A CGN entrou em contato com a Polícia Militar e foi informada que o homem recebeu alta do hospital, e posteriormente o alvará de soltura.

O homem chegou alterado na UPA do Bairro Brasília, mostrando a carteira da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) e teria informado que deveria ser atendido antes do 'povinho'.

Ainda segundo relatos, o homem acabou danificando um aparelho. A Polícia Miliar foi até a unidade e registrou a ocorrência.

O homem recebeu atendimento na unidade e foi transferido para o HU.

Ele estava sob escolta policial no Hospital Universitário, mas foi liberado após a emissão do documento.

O 'advogado' esteve nesta tarde na 15ª Subdivisão Policial, onde prestaria depoimento.


Whatsapp CGN 9.9969-4530 - Canal direto com nossa redação - Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você.

Carregar mais notas ao vivo

Comentários (6 comentários)

  • Nelson Camargo Petrekoski
    56
    3
    4 dias atrás às 18:22h
    Minha mãe está esperando um alvará pra receber um dinheiro, tem como vcs darem uma consultada???
  • Ademir Soares
    51
    1
    4 dias atrás às 18:54h
    Quem vai pagar o equipamento que ele quebrou? No's?
  • Gessica Rosa
    10
    5
    4 dias atrás às 21:22h
    A saúde em cascavel está precária quem decide se vc está doente e uma enfermeira ela decidi se o médico vai te atender
  • Livio FW
    14
    0
    4 dias atrás às 22:43h
    Que informação idiota! O cara não foi preso, logo alvará nenhum foi expedido!
  • Antonino Gomes
    8
    0
    4 dias atrás às 00:04h
    Deve ser habeas corpus preventivo.
  • Maria José Dos Santos Santos
    1
    0
    3 dias atrás às 08:55h
    Então, é bem desse jeito que as funcionam