• Fábio Wronski
  • CGN

13 Junho 2018 | 18h01min

Inicia amanhã, na Justiça Federal de Cascavel, as audiências relacionadas à morte de Melissa Almeida, ocorrida no ano passado.

O processo corre em segredo de justiça por tratar-se de crime praticado por organização criminosa.

Segundo a Justiça, são cinco os réus, as audiências serão em dois dias (14 e 15/06/2018) pela manhã e à tarde. 

Serão ouvidas 26 testemunhas no primeiro dia, nove testemunhas e os réus no segundo dia.

O processo ainda está na fase de instrução e de eventual pronúncia.

A Polícia Federal irá reforçar a segurança no fórum que fica na Avenida Tancredo Neves.

Melissa atuava como psicóloga na Penitenciária Federal de Catanduvas e foi morta quando chegava em casa, no Bairro Canadá.

Ela chegava em casa com o filho bebê e o marido, o policial civil Rogério Ferrarezzi que reagiu e também foi baleado.

O caso tramita na 4ª Vara Federal de Cascavel.

Carregar mais notas ao vivo
Acontecendo Agora
image/svg+xml