• Fábio Wronski
  • Rádio Clube Realeza

17 Maio 2018 | 21h48min

Um homem envolvido no homicídio ocorrido na manhã dessa quinta-feira (17), por volta das 11 horas, no Centro de Realeza, se apresentou à Polícia Civil durante a tarde, junto com o advogado de defesa.

O delegado Lucas Mariano Mendes,  não revelou a identidade do suspeito e detalhes do crime, somente que, em depoimento, o homem de 71 anos acusou a vítima de se envolver com uma familiar.

A arma utilizada também foi entregue aos policiais. O idoso permanece preso à disposição da justiça na carceragem da Delegacia da Polícia Civil de Realeza.

O homicídio

Moacir Lemes da Silva, 45 anos, foi alvejado com um disparo de arma de fogo na região do tórax, na esquina das Ruas Soares Raposo com Padre Fernando Zanchet. 

O SAMU socorreu a vítima, mas ele faleceu no Pronto Atendimento Municipal de Realeza. Policiais militares e policiais civis atenderam a ocorrência.

Moacir trabalhava como segurança, instrutor e atleta de artes marciais em Realeza. Seu corpo após ser recolhido ao Instituto Médico Legal (IML) de Francisco Beltrão foi liberado para velório e sepultamento em Realeza.

Carregar mais notas ao vivo
Acontecendo Agora
image/svg+xml