• Mariana Lioto
  • CGN

11 Outubro 2017 | 15h31min

Uma portaria publicada ontem (11), assinada pelo prefeito Leonaldo Paranhos cria no Município de Cascavel uma comissão para avaliar qualquer evento que tenha o consumo livre de bebidas alcoólicas. Esta comissão vai avaliar previamente a liberação do alvará, incluindo cervejadas e outros eventos.

A comissão é proposta por representantes de oito setores: gabinete do prefeito, Secretaria de Planejamento (projetos), Saúde (vigilância sanitária), Esporte, Cultura, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros e Cettrans.

A prefeitura afirma que o objetivo é centralizar as decisões e dar celeridade aos processos, já que há representantes das várias áreas necessárias. O entendimento é que o rigor deve aumentar e é possível que o número de eventos autorizados diminua. A comissão terá o poder de vetar estes eventos desde que entenda que há desrespeito à legislação ou ao interesse público.

"A comissão atuará de forma conjunta, deliberando sobre os pedidos e com base na legislação vigente, porém, considerando também situações de risco que possam estar envolvidas. Os critérios são definidos na lei 12.310/15 e normatizações. Outros fatores podem ser determinantes, seja para aprovação ou recusa, como locais, quantidade de pessoas, estrutura, segurança, etc", disse a Prefeitura em nota.

Na portaria publicada consta ainda que será analisado inclusive o calendário para adequar a autorização à capacidade de fiscalização do poder público.

Carregar mais notas ao vivo

Comentários (16 comentários)

  • Paulo
    8
    3
    2 meses atrás às 15:36h
    Esse negócio agora vai pegá preço concordo que tem que te lugar específico pra faze essas festa ...
    • Só de olho
      1
      0
      2 meses atrás às 16:12h
      .
  • Advogado
    11
    10
    2 meses atrás às 15:43h
    Abuso de Poder,,,a Prefeitura não pode impedir qualquer evento,,,bebida alcoólica não é ilegal no Brasil,,,que prefeito mais tongo,,,
    • PEDRO
      8
      5
      2 meses atrás às 16:20h
      QUEM LIBERA ALVARA PRA ESSES EVENTO E A PREFEITURA COMO ELA NAO PODE BLOQUEAR ENTAO
    • Pica Porva
      0
      0
      2 meses atrás às 17:22h
      C
  • Felipe F. de Oliveira
    7
    10
    2 meses atrás às 15:49h
    Só gostaria de dizer o seguinte, não há problemas maiores a seres resolvidos pelos vereadores? Inclusive problemas internos na cãmara?
  • Legal
    4
    13
    2 meses atrás às 16:04h
    Ridículos, inclusive os critérios k k k k Fechem todos pontos de venda desta bebida maldita k k k Daí eu não bebo mais k k k Nem menos
  • De olho
    21
    3
    2 meses atrás às 16:14h
    Pra onde vai e qual o valor arrecadado da locação do terreno em frente à prefeitura para circo e shows. Quem paga a LUZ?
  • Pica Porva
    6
    0
    2 meses atrás às 17:23h
    Vamos para santa tereza la e tudo liberado.......
  • Segurança
    5
    3
    2 meses atrás às 17:32h
    Tem que pedir registro na policia federal para empresa de segurança,Mota segurança clandestina e ninguém faz nada
    • Marmota
      2
      0
      2 meses atrás às 19:04h
      Esse Mota passa a Labia nos organizadores.
    • Marmota
      1
      0
      2 meses atrás às 19:05h
      Esse Mota passa a labia nos organizadores. Do que adianta contratar seguranca ilegal.
  • eu
    0
    4
    2 meses atrás às 17:46h
    Parabéns isso mesmo fiscalização todos sabemos que nessas cervejadas ninguém bebe consciente
  • POLICIAL LIMPO
    0
    0
    2 meses atrás às 18:41h
    SIMPLES E FÁCIL, CONDICIONE SEMPRE NA REALIZAÇÃO DE CADA EVENTO UMA EQUIPE DO CONSELHO TUTELAR NA PORTA E UMA BLITZ DA CETRANS E PM NA SAÍDA
  • POLICIAL LIMPO
    0
    0
    2 meses atrás às 18:43h
    A PREFEITURA DEVE REGULAMENTAR MESMO E SER DURA NA COBRANÇA DE TAXAS E O CORPO DE BOMBEIROS ACOMPANHAR NO ALVARÁ, E BLITZ DA CETRANS E PM OK
  • Luan
    4
    0
    2 meses atrás às 20:28h
    Olha só o prefeito crente tirando as manguinhas de fora, se não bebe respeite quem usa o dinheiro do seu trabalho pra beber
  • Marcia
    1
    0
    2 meses atrás às 21:12h
    Estranho não, e cade o setor de alvará um fiscal por exemplo o ou o gerente do alvará pra participar desta comissão, isso tá estranho hennnn
Envie seu comentário Seu endereço de email não será divulgado