• Maycon Corazza
  • O TEMPO

05 Outubro 2017 | 14h43min

Investigadores da Polícia Civil estão na tarde desta quinta-feira (5) na residência do vigia que matou pelo menos quatro crianças incendiadas em uma creche Juatuba, na região Norte de Minas. Eles buscam por informações que possam esclarecer as motivações do suspeito.

De acordo com a corporação, já foi realizada uma perícia na creche e o helicóptero da instituição está à disposição para atendimentos às vítimas. Além das quatro crianças mortas, outras 22 pessoas ficaram feridas, sendo que nove delas estão em estado grave.

O homem que ateou fogo nas crianças foi identificado como Damião Soares do Santos, de 50 anos. Ele seria um vigia da creche. De acordo com a Polícia Militar (PM), ele entrou em uma sala de aula, jogou gasolina no próprio corpo e agarrou as crianças.

Ainda conforme a PM, o forro do teto da sala era feito de PVC (policloreto de vinil), o que contribuiu para a propagação do fogo.

Carregar mais notas ao vivo
Envie seu comentário Seu endereço de email não será divulgado